Categories
Dicas

Custo de vida em Londres: as melhores dicas para economizar

O custo de vida em Londres é uma das coisas mais importantes que você precisa saber se pretende visitar essa cidade incrível, ou até mesmo morar nela. Muitas pessoas não sabem sobre os preços médios na cidade de Londres, justamente por falta de conteúdos atualizados e que informem de forma completa o que elas precisam. 

Pensando nisso, elaboramos este post completo para você saber tudo sobre o custo de vida em Londres enquanto aprende com dicas para economizar na cidade. Confira abaixo:

O custo de vida em Londres

Estudar em Londres é uma escolha que vai mudar a sua vida, principalmente pelo fato de que você irá morar na cidade, então, é muito importante que você tenha um planejamento econômico para que possa ter uma vida cotidiana bem mais tranquila, sem se preocupar tanto com uma possível falta de dinheiro, principalmente se você é uma pessoa que adora se divertir aos finais de semana.

Dessa vez, assim como em outras vezes que utilizamos cidades famosas como exemplos para posts de custo de vida, vamos utilizar a plataforma Expatistan, que reúne vários dados sobre preços médios em diversos setores importantes da sociedade, como: alimentação, transporte, moradia e entretenimento. 

Os dados que utilizaremos são atualizados do dia 10 de novembro de 2021, fornecidos pelos próprios habitantes de Londres. O comparativo das moedas também será feito utilizando os dados mais atualizados possíveis, utilizando a conversão da Libra Esterlina para Real Brasileiro com o valor de R$7,5.

Agora, confira o custo de vida em Londres com preços atualizados:

Alimentação

Menu básico de almoço (incluindo uma bebida) no distrito comercial £ 13 (R $ 95)

Combo em restaurante de fast food £ 6    (R $ 45)

500 gramas de peito de frango desossado £ 3,76 (R $ 28)

1 litro de leite integral £ 0,96 (R $ 7)

12 ovos £ 2,85 (R $ 21)

1 kg de tomate £ 1,91 (R $ 14)

500 gr de queijo local £ 4,47 (R $ 34)

1 kg de maçãs £ 2,29 (R $ 17)

1 kg de batatas £ 0,88 (R $ 7)

500 ml de cerveja nacional no supermercado £ 2,09 (R $ 16)

1 garrafa de vinho tinto de boa qualidade £ 10 (R $ 74)

2 litros de coca-cola £ 2,00 (R $ 15)

Pão para 2 pessoas por 1 dia £ 0,97 (R $ 7)

Moradia

Aluguel para acomodação mobiliada de 85 m2 em área cara £ 2.346 (R $ 17.656)

Aluguel para acomodação mobiliada de 85 m2 em área normal £ 1.773 (R $ 13.343)

Utilidades 1 mês (aquecimento, eletricidade, gás) para 2 pessoas em apartamento de 85m2 £ 152 (R $ 1.147)

Aluguel para estúdio mobiliado de 45 m2 em área cara £ 1.789 (R $ 13.463)

Aluguel para estúdio mobiliado de 45 m2 em área normal £ 1.384 (R $ 10.414)

Utilidades 1 mês (aquecimento, eletricidade, gás) para 1 pessoa em estúdio de 45 m2 (480 sqft) £ 103 (R $ 774)

Internet 8 Mbps (1 mês) £ 23 (R $ 173)

Tv de tela plana de 40” £ 323 (R $ 2.428)

Microondas 800/900 watts £ 75 (R $ 564)

Detergente para roupas £ 5,98 (R $ 45)

Transporte

1 litro (1/4 galão) de gasolina £ 1,31 (R $ 10)

Bilhete mensal transporte público £ 151 (R $ 1.137)

Viagem de táxi em dia útil, tarifa básica 8 km. (5 milhas) £ 26 (R $ 193)

Entretenimento

Jantar básico para duas pessoas em pub do bairro £ 39 (R $ 295)

2 ingressos para cinema £ 25 (R $ 188)

2 ingressos para o teatro (melhores assentos disponíveis) £ 202 (R $ 1.522)

1 coquetel no clube do centro £ 11 (R $ 86)

Cappuccino em área de expatriados da cidade £ 3,37 (R $ 25)

1 cerveja no bar da vizinhança (500ml) £ 6 (R $ 46)

Ipad wi-fi 128gb £ 451 (R $ 3.393)

1 mês de mensalidade a uma academia no distrito comercial £ 53 (R $ 398)

1 maço de cigarros marlboro £ 12 (R $ 93)

Dicas para economizar em Londres

custo de vida em Londeres

O estudante precisa ter uma vida mais organizada, com um planejamento econômico que funcione a longo prazo, pois além de ser uma pessoa que está comprometida com os estudos, você terá que se locomover de forma eficiente, ao mesmo tempo que come de forma barata e saudável, para que você tenha o melhor aproveitamento com o seu lazer.

Por isso, você pode economizar praticando algumas dicas que vamos deixar abaixo, confira:

Economize com a alimentação externa

Comer fora não precisa ser um problema principalmente quando o assunto é economizar com qualidade, se alimentando da melhor forma possível. Em Londres, existem várias formas de economizar, principalmente se você visitar o bairro de Soho, uma região despretensiosa e totalmente aberta a quem deseja consumir de forma barata.

Em Soho, você encontrará restaurantes como o Bodean’s, que faz questão de encher o prato com carne, batatas, salada e até mesmo o acompanhamento de uma ceverja. E o melhor, tudo isso por apenas £ 10.

Poupe dinheiro com alimentação dentro de casa

Dentro de casa, é importante que você se alimente da melhor forma possível, para que se mantenha uma pessoa saudável e ativa dentro de Londres, sem perder um dia de aula ou até mesmo ficar doente e perder aquele espetáculo no teatro. Por isso, é sempre recomendável que você se alimente por meio da feira em mercados, que além de serem muito mais econômicos, promovem uma vida mais saudável.

Camden Market

Supermercados como o Tesco, por exemplo, oferecem preços muito mais baixos em relação aos seus concorrentes em grandes cadeias mundiais. Os mercados populares ou ao ar livre também são uma verdadeira jóia para quem deseja economizar e comprar itens de qualidade. No Borough Market, por exemplo, você poderá encontrar alimentos mais baratos enquanto visita uma instalação que já dura mais de 1.000 anos.

Tenha uma locomoção barata e eficiente

Pode ser que você não saiba, mas estudantes podem economizar muito mais em Londres quando o assunto é transporte. Se matriculado em um curso de duração mínima de 14 semanas, o aluno tem direito a 30% de desconto em seu cartão Oyster. Chegando em Londres é importante que você tenha em mãos o seu cartão Oyster, que facilita a sua locomoção dentro da cidade, em qualquer transporte público.

Underground Londres

Para economizar, basta contratar um plano que se adeque aos seus objetivos. Você pode variar entre o plano diário, semanal e até mesmo mensal, com valores que podem variar de acordo com as zonas que você visitar.

Uma dica importante: independente do cartão Oyster, utilize o transporte público fora do horário de pico, que atualmente é de segunda a sexta-feira, entre 06:30 e 09:30 entre 16:00 e 19:00.

Diversão boa e barata

Morar, estudar ou até mesmo trabalhar em outro país, é uma experiência fora do normal para qualquer pessoa, mas se divertir no tempo livre também faz parte da experiência, principalmente se você conseguir economizar enquanto curte tudo o que a cidade de Londres tem a oferecer.

O Camden Market, em Camden Town, por exemplo, é um simples mercado, mas que atrai pouco mais de 100 mil visitantes todos os finais de semana, sendo uma das maiores atrações para quem deseja diminuir o custo de vida em Londres. No mercado, existem lojas de roupas alternativas e também voltadas ao ramo musical, tendo até mesmo diversas barracas de comida espalhadas por todo o local.

custo de vida em Londres: Globe Theatre

Caso você não seja fã da diversão ao ar livre, você pode visitar os museus de Londres, que ao contrário do resto da Europa, são totalmente gratuitos. Em caso de não curtir museus, você pode visitar o Globe Theatre, por exemplo, um museu histórico, onde o próprio Shakespeare apresentava suas peças e tem o valor de entrada a £ 5.


Agora que você já sabe o preço do que vai comprar e como economizar, eu espero que você tenha a melhor experiência possível!

Até a próxima!

Categories
Imigração Uncategorized

Saiba como imigrar para a Austrália

Quer imigrar para a Austrália mas não sabe por onde começar? Então você veio ao lugar certo, pois neste você vai saber tudo sobre como imigrar para a Austrália da melhor forma, sem aquela burocracia gigante, que faz você ter sono e ainda não saber completamente sobre como funciona o processo e qual é o melhor caminho.

Agora, chega de papo, e confira tudo sobre como imigrar para a Austrália

O ensino superior na Austrália

Pode ser que você esteja se perguntando: “Ué, o que o ensino superior da Austrália tem a ver com a imigração?”. Bom, a primeira coisa que posso lhe responder é: essa será a sua porta de entrada de imigração para a Austrália.

O ensino superior é a última fase educacional da Austrália, onde estudantes nativos e estrangeiros, concluem o seu ciclo educacional dentro do AQF.

O ensino superior na Austrália se divide entre:

  • Bacharelado
  • Mestrado
  • Doutorado

Após a conclusão desse ciclo, é importante que o aluno tenha uma experiência dentro do mercado de trabalho australiano. Pensando nisso, o governo australiano permite que o estudante estrangeiro graduado tenha um período de experiência após a conclusão do seu ensino superior.

imigrar para a Austrália

Como ficar por mais tempo na Austrália

Agora sim, chegamos ao ponto central deste post: O começo da sua imigração para a Austrália.

Na Austrália, após a graduação do aluno em qualquer modalidade do ensino superior, existe a possibilidade da emissão de um visto específico, que permite a estadia do aluno por mais tempo na Austrália, sendo esse visto o PSW, ou Post-Study Work Stream.

Como funciona o Post-Study Work Stream

Após a conclusão do curso, o aluno pode solicitar a emissão deste visto, que permite:

  • Ficar na Austrália por pelo menos 2 anos, indo até 4 anos como limite.
  • Viajar, trabalhar ou estudar na Austrália durante a validade do visto.

Essa variação de tempo limite acontece de acordo com o nível de graduação que você atingiu. Confira abaixo:

  • Bacharelado (com honras): 2 anos
  • Mestrado: 2 anos
  • Mestrado com pesquisa: 3 anos
  • Doutorado: 4 anos

Caso você queira ficar por mais tempo na Austrália, existe a possibilidade de conseguir um segundo Post Study-Work, mas para isso, é preciso que você more, trabalhe e/ou estude em uma área regional enquanto estiver desfrutando do seu primeiro visto de Post Study-Work.

imigrar para a Austrália

O segundo visto de Post Study-Work

Como já dissemos acima, para tirar este visto é necessário que você cumpra com o requisito principal, que se resume a morar e estudar em uma área regional da Austrália. Assim como no primeiro visto, o tempo de duração pode variar, confira:

  • Estudou e morou em uma área de categoria 2 – 1 ano
  • Estudou e morou em uma área de categoria 3 – 2 anos

Lembre-se: independente de qualquer um dos vistos citados acima, o governo australiano não fornece trabalho diretamente para quem aplica para estes vistos, fazendo com que o aluno tome as suas próprias decisões no mercado de trabalho do país.

Como imigrar para a Austrália

Agora que você já sabe como ficar por mais tempo na Austrália, é importante que você saiba o porquê disso ser tão importante, pois além de contribuir para a sua imigação, também serve como um item que facilitará o seu processo durante este último passo.

Existem vários meios de se conseguir a residência permanente na Austrália, sendo uma das mais famosas o SkillSelect.

O SkillSelect é um programa de imigração australiano que funciona como uma ponte entre os trabalhadores internacionais qualificados e os empregadores australianos, sendo um facilitador de ingresso no mercado de trabalho e também de imigração.

Como funciona o SkillSelect:

1 – Os candidatos preenchem campos importantes no SkillSelect, por meio do DHA – Department of Home Affairs, de forma inteiramente online.

2 – Execução de um teste de habilidade que avalia habilidades, conhecimento da língua e escolaridade.

3 – Após o teste, o candidato seleciona uma categoria de visto para que possa fazer uma Expression of Interest (EOI), que basicamente, é uma expressão de interesse sobre os seus objetivos.

4 – Estando registrado no sistema, o candidato estará disponível para a escolha de empregadores australianos, que podem convidá-los para que se tornem os seus patrocinadores de visto no país.

5  – Terminada esta fase, o candidato solicita o visto.

6 – Com a solicitação aceita, o candidato receberá o visto e poderá morar e trabalhar na Austrália.

Os vistos mais importantes que você pode adquirir com o SkillSelect

Visto independente qualificado (subclasse 189)

Este visto de residente permanente para trabalhadores qualificados. Não querer patrocínio do empregador ou da família. Mesmo assim, você pode se inscrever, contanto que atenda os seguintes requisitos:

  • Ser nomeado em uma ocupação que esteja na lista de ocupações qualificadas relevantes
  • Ter obtido uma avaliação de habilidades adequada para essa ocupação
  • Ainda não completou 50 anos.
  • Alcançou a pontuação especificada em sua carta-convite com base nos fatores do teste de pontuação
  • Seja pelo menos um inglês competente

Visto nomeado qualificado (subclasse 190)

Sendo um visto de residente permanente para trabalhadores qualificados, este visto exige nomeação de um governo estadual ou territorial, assim como os requisitos:

  • Ser nomeado em uma ocupação que esteja na lista de ocupações qualificadas relevantes
  • Ter obtido uma avaliação de habilidades adequada para essa ocupação
  • Ainda não completou 50 anos
  • Alcançou a pontuação especificada em sua carta-convite com base nos fatores do teste de pontuação
  • Seja pelo menos um inglês competente
  • Foram indicados por uma agência governamental de um estado ou território australiano

Esquema de nomeação de empregador (subclasse 186)

Visto de residência permanente para trabalhadores qualificados. Os requisitos são:

  • Foram indicados por um empregador australiano aprovado
  • Têm menos de 50 anos de idade, a menos que você esteja isento
  • Atenda aos requisitos de habilidades, qualificações e idioma inglês, a menos que você esteja isento
  • Inscreva-se no stream para o qual você foi indicado (o stream de Transição de Residência Temporária, o stream de Entrada Direta ou o stream de Contrato)

Visto de Esquema de Migração Patrocinada Regional (subclasse 187)

Sendo um visto de migração para trabalhadores qualificados, você deve trabalhar na região da Austrália, assim como os seguintes requisitos:

  • Foram indicados por um empregador australiano aprovado para um emprego na Austrália regional (a Austrália regional não inclui Gold Coast, Brisbane, Newcastle, Sydney, Wollongong ou Melbourne)
  • Têm menos de 50 anos de idade, a menos que você esteja isento
  • Atenda aos requisitos de habilidades, qualificações e idioma inglês, a menos que você esteja isento
  • Inscreva-se no stream para o qual você foi indicado (o stream de Transição de Residência Temporária, o stream de Entrada Direta ou o stream de Contrato)

Para que você se torne um candidato diferenciado no SkillSelect, é importante que você tenha um diploma australiano de ensino superior, o que prova que você já tem uma experiência educacional no país, assim como a sua vontade de evoluir e também o seu nível de inglês, itens essenciais para o seu convite de visto para residência permanente.

Categories
Higher Education

Conheça o AQF: Australian Qualification Framework

O AQF é uma dos sistemas de qualificação mais importantes do mundo, principalmente para quem deseja estudar na Austrália a longo prazo, sendo muito importante que você saiba tudo sobre o assunto antes de arrumar as suas malas. Por isso, elaboramos este post completo para que você saiba tudo sobre o AQF.

Agora, chega de papo e vamos ao que interessa, confira abaixo o AQF de forma completa:

O que é o AQF?

Criado em 1995, o Australian Qualifications Framework é a política de qualificações regulamentadas no sistema de educação australiano, que tem vários objetivos específicos, que influem diretamente na experiência do aluno dentro do sistema de ensino da Austrália. 

Dentre alguns dos objetivos do AQF, estão:

  • Acomodar a diversidade de propósitos da educação e treinamentos australianos
  • Contribuir para o desempenho econômico nacional
  • Sincronizar o funcionamento do AQF com outros quadros internacionais de qualificações, como o EQF.

Mesmo com objetivos claros e diretos, o AQF costuma levantar algumas dúvidas sobre como ele funciona e o que ele representa, por isso, é importante que você saiba que segundo o próprio governo, o AQF:

  • Não é um provedor de educação ou uma instituição educacional
  • Não é um fornecedor de avaliações ou reconhecimento das qualificações no exterior
  • Não é armazenamento de registro individual do estudante
  • Não é um regulador do setor educacional com poderes de fiscalização
  • Não tem conhecimento especializado de ocupações ou setores específicos
  • Não lidar com o licenciamento, registro ou acreditação para negócios ou profissões
  • Não pode fornecer conselhos sobre prêmios ou acordos de emprego e salários
  • Não é uma autoridade para questões de imigração ou vistos
  • Não pode fornecer orientação sobre carreira ou curso específico.

O AQF funciona basicamente como um sistema dividido entre 10 níveis, onde a cada nível, o aluno adquire um diferente tipo de certificado, diploma ou graduação. Assim, facilita o entendimento do aluno e também do mercado sobre em qual nível do ensino superior ele se encontra atualmente.

AQF: Australia Qualification Framework

Os níveis do AQF

Os níveis do AQF são o que fazem deste sistema tão importante e funcional, pois é a partir do entendimento deles que o aluno consegue avançar no sistema de ensino superior da Austrália, sendo o nível 1 mais baixo, e o 10, mais alto. Abaixo, entenda melhor sobre cada nível:

Nível 1 – Certificado 1

Este certificado introdutório gradua o aluno com conhecimentos de trabalho inicial e básico, não exigindo um conhecimento prévio daquela função.

Habilidades

Os alunos graduados neste nível terão habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para:

  • Realizar atividades de rotina definidas
  • Identificar e relatar questões e problemas simples

Nível 2 – Certificate 2

Assim como o certificado de introdução, neste nível o aluno ainda irá exercer uma atividade inicial e básica, mas com utilização de ferramentas específicas.

Habilidades:

Neste nível, os graduados terão habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para aplicação de métodos, ferramentas, materiais e informações para:

  • Realizar atividades definidas
  • Fornecer soluções para uma gama limitada de problemas previsíveis

Nível 3 – Certificate 3

Diferente dos certificados anteriores, os graduados deste nível terão conhecimentos teóricos, se diferenciando das atividades mais diretas e repetitivas.

Habilidades:

Neste nível, os graduados terão habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para aplicação de métodos, ferramentas, materiais e informações, recebendo conhecimentos e habilidades para demonstrar autonomia e julgamento, junto com responsabilidade limitada para:

  • Atividades de rotinas completas
  • Fornecer e transmitir soluções para problemas previsíveis e eventualmente imprevisíveis

Nível 4 – Certificate 4 

Sendo uma evolução do certificado 3, nesta etapa o graduado também terá conhecimento teórico e prática, mas com aptidão para trabalho especializado.

Habilidades:

Neste nível, os graduados terão habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para aplicação de métodos, ferramentas, materiais e informações, recebendo conhecimentos e habilidades para demonstrar autonomia e julgamento, junto com responsabilidade limitada em parâmetros estabelecidos para:

  • Completar atividades rotineiras e não rotineiras
  • Fornecer e transmitir soluções para uma variedade de problemas previsíveis e às vezes imprevisíveis

Nível 5 – Diploma

Neste nível, os graduados terão nível de conhecimento especializado e habilidades para trabalho qualificado praticado ou de instrução para outras pessoas.

Habilidades:

Contando com um conhecimento técnico e teórico em uma área específica ou ampla área de trabalho, estes graduados terão habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para que possam exercer um julgamento dentro de parâmetros amplos, mas com limites, para que possam:

  • Analisar informações para completar uma série de atividades
  • Fornecer e transmitir soluções para problemas que podem ser eventualmente complexos
  • Transmitir informações e habilidades para outras pessoas

Nível 6 – Advanced Diploma, Associate Degree

Os graduados deste nível já contam com um grande conhecimento e habilidades para trabalho de instrução com alto nível de qualificação para outras pessoas.

Habilidades:

Os graduados neste nível terão um amplo leque de habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação para selecionar e aplicar métodos dentro da tecnologia para:

  • Analisar informações para completar uma série de atividades
  • Interpretar e transmitir soluções para problemas imprevisíveis e eventualmente complexos
  • Transmitir informações e habilidades para outras pessoas

Nível 7 – Bachelor Degree

Dentro de uma universidade, é onde começam as graduações, como o bacharelado. Neste nível o graduado terá um grande leque de conhecimentos, assim como a coerência para o trabalho profissional.

Habilidades:

Neste nível os graduados têm habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação bem desenvolvidas para selecionar e aplicar métodos para:

  • Analisar e avaliar as informações para concluir uma série de atividades
  • Analisar, gerar e transmitir soluções para problemas imprevisíveis e eventualmente complexos
  • Transmissão de conhecimentos, habilidades e idéias para outras pessoas

Nível 8 – Bachelor Honours Degree, Graduate Certificate e Graduate Diploma

Neste nível, o aluno graduado terá conhecimentos e habilidades avançadas para trabalho profissional de alta qualidade.

Habilidades:

Com habilidades cognitivas, técnicas e de comunicação avançadas para aplicar métodos e até mesmo tecnologias, estes graduados conseguem:

  • Analisar criticamente, avaliar e transformar informações para completar uma série de atividades
  • Analisar, gerar e transmitir soluções para problemas complexos
  • Transmitir conhecimentos, habilidades e ideias para outras pessoas.

Nível 9 – Masters Degree

No mestrado, os alunos têm conhecimento especializado e habilidades para pesquisa e prática profissional.

Habilidades:

Neste nível, os graduados terão habilidades técnicas e cognitivas especializadas em uma área de conhecimento ou prática, para que possa executar as seguintes atividades de forma independente:

  • Analisar criticamente, refletir e sintetizar informações, problemas, conceitos e teorias complexas
  • Pesquisar e aplicar teorias estabelecidas a um corpo de conhecimento ou prática
  • Interpretar e transmitir conhecimentos, habilidades e ideias para públicos especializados e também não especializados

Nível 10 – Doctoral Degree

O doutorado é o mais alto nível do AQF, onde os alunos terão compreensão sistemática e crítica de um campo complexo de aprendizagem e cultivo de habilidades de pesquisa especializadas para o avanço da aprendizagem e práticas profissionais de forma geral.

Habilidades:

Os graduados neste nível serão especialistas, com habilidades cognitivas especializadas, técnicas e de pesquisa em uma área disciplinar para que possa utilizar as seguintes atividades de forma independente e sistemática:

  • Envolver-se na reflexão crítica, síntese e avaliação
  • Desenvolver, adaptar e implementar metodologias de pesquisa para estender e redefinir o conhecimento existente ou até mesmo nas práticas profissionais.
  • Disseminar e promover novos insights para colegas de trabalho e também da comunidade em geral
  • Gerar conhecimento e compreensão para que possa contribuir para uma disciplina ou área de prática profissional.

A importância do AQF para o mercado de trabalho

Qualificar os estudantes é importante, mas ainda mais importante, é fazer com que esses estudantes qualificados sejam reconhecidos pelo mercado de trabalho australiano, sendo esse um dos objetivos do AQF.

Na Austrália, as qualificações são vistas como coisa séria. Em um estudo recente, feito pelo National Centre for Vocational Education Research, foi descoberto que cerca de metade dos 359 empregadores pesquisados usaram as qualificações como requisito para admissão, podendo classificar ou até mesmo desqualificar candidatos. 

AQF: Mercado de trabalho

Os resultados indicaram que as qualificações são incorporadas nas decisões de recrutamento dos empregadores, principalmente em relação as qualificações de educação e treinamento vocacional (VET), que pode ser evoluída e melhorada ao longo dos anos, facilitando o ingresso no mercado de trabalho de quem se qualifica dentro do AQF. Assim, claro, como o progresso do mercado de trabalho australiano.


Tá sabendo tudo sobre o AQF? Já sabe em qual instituição de ensino você irá estudar na Austrália? Bom, agora você já tem o caminho completo para frente e sabe tudo sobre ele!

Até a próxima!

Categories
Higher Education

As 5 melhores universidades da Inglaterra

Quer saber quais são as melhores universidades da Inglaterra? Então você veio ao lugar certo, pois além de saber quais são as melhores universidades da Inglaterra, você também saberá quais são as posições delas nos rankings mundiais e tudo que elas podem oferecer. Agora, chega de papo e vamos ao que interessa. Confira abaixo as melhores universidades da Inglaterra:

As melhores universidades da Inglaterra

Antes que você conheça as melhores universidades da Inglaterra, é importante que você saiba o porquê dessas universidades estarem nos mais altos níveis de ensino do Reino Unido. Aqui, nós utilizaremos o ranking da MasterPortal, que utiliza outros rankings especializados para criar uma média global. 

1 – University of Oxford

A primeira da lista e, claro, considerada pelos rankings mundiais como a melhor universidade da Inglaterra, a Universidade de Oxford foi fundada em 1096 e tem preservado a sua história em suas paredes, pisos e estruturas em geral. Mas, quando o assunto é educação, a Universidade de Oxford se destaca pelos seus avanços e olhar para o futuro, ficando bem longe de ser uma instituição presa ao passado.

University of Oxford

No ranking da MasterPortal, a universidade se encontra em primeiro lugar, se dividindo entre outras colocações nos seguintes rankings:

Times Higher Education Ranking (2021) – 1

Shanghai Jiao Tong University Ranking (2021) – 7

TopUniversities Ranking (2022) – 2 

U.S. News & World Report Ranking (2021) – 5

Dentro da universidade existem 29 instalações, divididas entre colleges e halls de estudo, que constituem a comunidade acadêmica da universidade. 

Na universidade central, os 100 departamentos acadêmicos estão sob gerência das quatro divisões acadêmicas da Universidade de Oxford:

  • Ciências Médicas
  • Ciências Matemáticas
  • Ciências Físicas e da Vida
  • Ciências Humanas e Sociais

2 – University of Cambridge

Fundada em 1209 e sendo a quarta universidade mais antiga do mundo, a Universidade de Cambridge é conhecida por ser uma das melhores da Europa e até mesmo do mundo, chamando a atenção de quem deseja adquirir um diploma de ensino superior em uma das melhores universidades da Inglaterra.

melhores universidades da inglaterra: University of Cambridge

A universidade conta com pouco mais de 20 mil alunos, dentre eles, alunos ingleses e estrangeiros, de todas as partes do mundo.

Dentro da universidade existem 31colleges regidos pelos seus próprios estatutos e regulamentos, mas que constituem a Universidade de Cambridge como um todo.

Utilizando o ranking da MasterPortal, temos as seguintes colocações para esta instituição:

Times Higher Education Ranking (2021) – 6

Shanghai Jiao Tong University Ranking (2021) – 3

TopUniversities Ranking (2022) – 3

U.S. News & World Report Ranking (2021) – 9

3 – Imperial College London

Sendo o primeiro College inglês da lista, o Imperial College London se orgulha pela sua comunidade e constância, sendo uma figura carimbada há muito tempo nos rankings educacionais mundiais.

O Imperial College London não é uma das melhores universidades da Inglaterra só pelo seu nome, mas sim pelas suas práticas acadêmicas e foco na pesquisa em geral, promovendo a resolução de resultados e também a evolução de futuros pesquisadores e cientistas.

Imperial College London

Na grade de cursos do College, você pode encontrar as faculdades de Engenharia, Medicina, Ciências Naturais e a Escola de Negócios.

Dentro destas faculdades, existem os cursos de aeronáutica, bioengenharia, engenharia química, computação, ciências do cérebro, doenças infecciosas, matemática, física, ciências da vida, marketing, finanças e políticas públicas e econômicas.

Nos rankings, o Imperial College London aparece nas seguintes colocações:

Times Higher Education Ranking (2021) – 11

Shanghai Jiao Tong University Ranking (2021) – 25

TopUniversities Ranking (2022) – 7

U.S. News & World Report Ranking (2021) – 20

4 – University College London (UCL)

University College London

A University College London, ou UCL, se orgulha dos seus resultados ao longo de todos esses anos de ensino, que se iniciaram em 1826. Segundo a universidade, ela já obteve os seguintes resultados:

  • Classificada como a melhor universidade do Reino Unido em força de pesquisa no mais recente Research Excellence Framework
  • Está classificada na 8ª posição no ranking de 2022 do TopUniversities Ranking.
  • 30 prémios nobel laureados, entre alunos e funcionários atuais e ex-alunos da instituição.
  • A primeira universidade na Inglaterra a receber estudantes de qualquer religião.
  • A primeira universidade da Inglaterra a receber mulheres na educação universitária

A universidade se orgulha do seu pensamento progressista de ensino, onde a liberdade de expressão e de pensamento são promovidas de forma aberta, com o objetivo de evoluir o seu corpo docente e também de produzir grandes pesquisadores e cidadãos úteis para a sociedade.

Nos rankings gerais, a University College London aparece nas seguintes colocações:

Times Higher Education Ranking (2021) – 16

Shanghai Jiao Tong University Ranking (2021) – 17

TopUniversities Ranking (2022) – 8

U.S. News & World Report Ranking (2021) – 19

5 – London School of Economics and Political Science

melhores universidades da Inglaterra: London School of Economics and Political Science

Fundada em 1895 e sendo aberta a estudantes de qualquer gênero ou nacionalidade desde a sua criação, a LSE é uma das maiores referências da Europa e até mesmo do mundo, quando o assunto é Ciências Sociais. 

Sendo uma universidade especializada em ciências sociais, a LSE fica apenas atrás de Harvard nessa área de estudo, sendo considerada melhor universidade da Europa em Ciências Sociais. A universidade também se orgulha de ter parcerias com universidades renomadas na Europa, África, América e Ásia. 

A LSE é considerada uma das melhores universidades da Inglaterra por uma série de fatores, como a sua missão central, de reconhecer as causas sociais e preparação dos alunos para um futuro onde eles possam mudar o mundo por meio das Ciências Sociais.

Nos rankings mundiais, a London School of Economics and Political Science se encontra nas posições:

Times Higher Education Ranking (2021) – 27

Shanghai Jiao Tong University Ranking (2021) – 151

TopUniversities Ranking (2022) – 49

U.S. News & World Report Ranking (2021) – 244


Agora que você já sabe quais são as melhores, já escolheu alguma delas para o seu diploma de graduação?

Até a próxima!

Categories
Curiosidades

Morar em Boston: por que eu deveria estar lá?

Quer morar em Boston mas não sabe como funciona a vida na cidade, ou se ela não vale a pena para você? Bom, você veio ao post certo, pois pensando nessas dúvidas, elaboramos um post completo sobre como é morar em Boston e quais são as características mais importantes da cidade. Assim, você sairá daqui sabendo tudo sobre como é morar em Boston, certo?

Então, chega de papo e saiba agora como é morar em Boston:

Como é morar em Boston?

Sendo a capital do estado de Massachussetts e também a sua maior cidade, a cidade de Boston é uma das mais requisitadas quando o assunto é morar nos Estados Unidos, principalmente por quem deseja ter uma ótima qualidade de vida. Abaixo, entenda em poucos pontos o porquê de Boston ser uma ótima cidade para você:

Inovação

morar em Boston

Foi na cidade de Boston onde nasceu o gigante Facebook, mas ela não se limitou a isso antes ou agora. Para Morar em Boston, você precisa saber que a cidade está sempre inovando e procurando melhorar em diversos fatores, como os centros de educação, transporte ou acessibilidade de pessoas de qualquer tipo, principalmente por influência do próprio MIT.

O verde é uma cor frequente

morar em Boston: parque

E não, não estamos falando de roupa. Em Boston, a natureza conversa com os prédios e casas, sem que seja ameaçada. Por isso, é bem comum que você encontre vários subúrbios com uma paisagem onde a cor verde é predominante, com parques ao ar livre sendo uma atração comum e também frequente nos planos de quem sai no final de semana pela cidade.

Qualidade de vida

morar em Boston cidade

Boston já foi eleita a 8ª melhor cidade do mundo em um ranking sobre qualidade de vida, além de ser uma das cidades mais saudáveis dos Estados Unidos. Além disso, sites especializados costumam indicar que a cidade é o melhor lugar para se viver no Nordeste dos EUA, principalmente pela sua economia aquecida.

Cultura é coisa séria

Pilares

Para Boston, a arte é algo que faz parte da própria alma da cidade. Então, aos finais de semana, você provavelmente vai gastar um bom tempo consumindo a cultura local, com tudo que a cidade tem a oferecer. Assista uma apresentação da ORquestra Sinfônica de Boston, visite a Escola de Música de Berklee ou o Museu de Belas Artes de Boston, mas não esqueça que tem muito mais. 

Quer morar em Boston? Conheça os bairros e Subúrbios

Para morar em Boston você já sabe até demais, mas é importante saber uma coisa importante: onde você vai morar em Boston. A escolha do seu bairro ou subúrbio diz muito sobre como será a sua experiência na cidade, por isso, é importante escolher com clareza.

Bairros e subúrbios nem sempre são a mesma coisa, pois as suas localizações podem fazer com que um bairro se torne em um subúrbio, seja ele bom ou ruim. Por isso, é importante saber se você prefere uma vida mais pacata ou uma plena agitação, para que você consiga traçar qual é o melhor bairro para os seus objetivos. Confira abaixo qual é o bairro ou subúrbio mais interessante para você:

Alguns bairros de Boston

Existem bairros na cidade de Boston que podem não ser muito baratos, mas que têm a fama de serem alguns dos melhores que a cidade tem a oferecer, principalmente pela sua qualidade de vida, vida noturna, entretenimento matinal e até mesmo pela vizinhança, que sem dúvidas conta muitos pontos quando o assunto é morar em Boston. 

Abaixo, conheça alguns desses bairros:

Beacon Hill

Beacon Hill

Sendo um bairro fundado em 1795, Beacon Hill incomodava a população de Boston por ser um morro que diminuía o tamanho da cidade, fazendo com que um aterramento se tornasse a solução mais certeira. Porém, hoje em dia o bairro não tem nada de incômodo, pois além de ser um dos bairros mais bonitos de Boston, Beacon Hill conta com um aluguel de apartamentos para dois quartos na faixa de $ 3000 ao mês

South Boston

South Boston

Sendo um bairro popularmente irlandês, South Boston está localizado a beira-mar e costuma atrair a atenção de jovens recém-formados. Além disso, o bairro tem recebido cada vez mais investimentos, resultando em novos empreendimentos na região. No bairro, o aluguel de um apartamento

Back Bay

Back Bay

Se Beacon Hill e South Boston têm em comum um aluguel um pouco mais salgado, experimente morar em Back Bay. Sendo um bairro de vizinhança “premium”, os preços não costumam ser nada amigáveis com quem não recebe um salário acima da média. O alguém de um apartamento com dois quartos fica por volta de $ 3.500 ao mês.

O subúrbio de Boston

E, claro, os bairros de subúrbio, onde existe o cotidiano mais agitado e cheio de vida, onde por mais que você se encontre um pouco perdido, sempre terá algo para fazer. Além, de claro ter ótimas instituições de ensino para você visitar e entender como funciona o dia a dia em universidades de alto nível mundial. Confira alguns subúrbios que você precisa conhecer:

Cambridge

Cambridge

Cambridge é perfeita para você que deseja aprender mais sobre ensino superior nos Estados Unidos em geral, já que na cidade, se encontram duas das maiores universidades do mundo, Harvard e o MIT. A região é geralmente ocupada por estudantes, seja das grandes universidades ou das não tão conhecidas da região.

Quincy

Quincy

Sendo uma verdadeira irmã de Chinatown, Quincy está ao sul de Boston e tem uma grande população asiática que chama atenção pelo seu grande número de habitantes no subúrbio. Em Quincy, você definitivamente não ficará com fome, pois a região conta com ótimas lanchonetes e restaurantes.

Worcester

Worcester

O subúrbio de Worcester abriga milhares de estudantes universitários, ao mesmo tempo que consegue se manter como um bairro pequeno, pacato, mas longe de ser parado ou até mesmo atrasado no tempo. Se em Back Bay você pagaria caro em qualquer item, em Worcester você pode economizar uns bons trocados, além de se sentir em casa por conta das lojas familiares.

Brookline

Brookline

Brookline é um subúrbio que já teve os seus tempos de riqueza, onde a população judia costumava investir todos os seus recursos. Hoje, ela não precisa de tanta riqueza assim, pois a sua beleza já serve como um ótimo cartão postal. Além disso, Brookline já foi eleito como um dos melhores subúrbios de Boston. Na região, os parques, clubes de campo e até mesmo museus, são as características que fazem deste subúrbio um dos melhores para uma vida de qualidade.

Wayland

Casa em Wayland

Wayland é um subúrbio que precisa estar no seus planos se você deseja morar em Boston, principalmente se você for uma pessoa que ama se sentir em paz e conectada com a natureza. Assim como Brookline, a região chama atenção pelos seus campos abertos e casas características.


Agora que você já sabe de tudo um pouco sobre Boston, inclusive sobre os cantinhos mais afastados da cidade, eu espero que você vá morar em Boston sabendo tudo sobre a cidade. Se divirta!

Até a próxima!

Categories
Higher Education

Abitur: tudo sobre o certificado mais importante da Alemanha

O Abitur é uma das graduações que todo estudante internacional que deseja estudar na Alemanha precisa saber como funciona, principalmente pelas suas peculiaridades e importância para o ensino da Europa como um todo. Por isso, elaboramos um post completo sobre tudo o que você precisa saber sobre essa graduação tão importante. Abaixo, saiba tudo sobre o Abitur:

O que é o Abitur Alemão?

Criado em 23 de dezembro de 1788, a partir do “Abiturreglement”, ou Regulamento do Abitur, uma lei posta em prática pelo ministro Karl Abraham Von Zedlids, que buscava tornar o acesso às universidades alemãs mais restrito, já que antigamente, não existiam restrições de ingresso nas instituições de ensino superior da Alemanha.

O Abitur da Alemanha é um exame que atesta a conclusão do ensino médio daquele determinado aluno, que pode ter concluído a sua trajetória no 13º ou 12º ano do ensino médio.

Uma das vantagens de se ter o Abitur, é de que ele é aceito internacionalmente, sendo uma ótima porta de entrada em universidades ao longo de todo o mundo. Por isso, na Alemanha se torna muito importante que os alunos tenham um Abitur em mãos, sejam eles nativos ou estrangeiros.

Para brasileiros que desejam cursar o ensino superior na Alemanha, o Abitur é essencial, já que na Alemanha, os diplomas internacionais de conclusão de ensino médio não costumam ser aceitos, sendo necessária a aplicação em um Studienkolleg.

Como fazer o Abitur no Brasil?

Ao contrário do que você possa pensar imediatamente, o Abitur não é um diploma adquirido exclusivamente dentro da Alemanha. No Brasil, o Abitur pode ser adquirido em escolas bilíngues alemãs, sendo elas:

  • Colégio Benjamin Constant São Paulo
  • Colégio Cruzeiro Centro Rio de Janeiro
  • Colégio Cruzeiro Jacarepaguá Rio de Janeiro
  • Colégio Erasto Gaertner  Curitiba
  • Colégio Humboldt São Paulo
  • Colégio Imperatriz Leopoldina São Paulo
  • Colégio Visconde de Porto Seguro Unidade I São Paulo
  • Colégio Visconde de Porto Seguro Unidade II Valinhos – SP
  • Colégio Visconde de Porto Seguro Unidade III São Paulo
  • Escola Alemã Corcovado Rio de Janeiro
  • Pastor Dohms Schule Porto Alegre
  • Escola Waldorf Rudolf Steiner São Paulo
  • Deutsche Berufsschule São Paulo (IFPA) São Paulo

Todas as escolas acima são reconhecidas pelas Representações da República Federal da Alemanha no Brasil, que consequentemente, também são reconhecidas pelo governo da própria Alemanha.

Concluindo a sua jornada em uma escola bilíngue alemã, você terá em mãos o Deutsche Internationale Abiturprüfung (DIAP) ou Diploma Internacional Abitur Alemão, que é totalmente equivalente ao Abitur alemão ou ao International Baccalaureate (IB).

O que é o International Baccalaureate? 

O International Baccalaureate é uma qualificação educacional reconhecida internacionalmente. Ou seja, por meio dela, você consegue ingressar em universidades de outros países de forma mais fácil e direta, servindo como um facilitador para estudantes estrangeiros.  O IB é oferecido em 49 instituições de ensino brasileiras, desde 1980.

Assim, você pode ingressar no ensino superior da Alemanha por diferentes certificações, que podem ser acessíveis, assim como o Fachabitur.

Quer saber melhor sobre o Fachabitur? Leia até o final!

Abitur

O que é o Fachabitur

Como dissemos acima, o Abitur Alemão é um diploma de conclusão do ensino médio, que serve como uma certificação para que as pessoas consigam ingressar no ensino superior alemão, sendo aberto para qualquer graduação.

O Fachabitur é uma qualificação técnica, onde ao contrário do Abitur, não serve de forma tão ampla, mas sim como um certificado de que você está apto para estudar uma determinada área de conhecimento, fazendo com que o Fachabitur seja muito mais direto em relação a graduação que o aluno deseja.

Além disso, esta modalidade também pode servir como uma qualificação técnica avançada para o ingresso em uma faculdade técnica. Ou seja, o Fachabitur é realmente uma qualificação para um curso de universidade específico, mas também funciona como um facilitador do direcionamento para quem deseja ingressar em uma faculdade técnica.

Na qualificação técnica para o ingresso numa faculdade, a faculdade se divide entre a parte teórica e a prática, onde após aprovado, o aluno poderá aplicar para os estudos em uma universidade de ciências aplicadas. Nesta modalidade, não é necessária a comprovação de uma segunda língua estrangeira.


Agora que você já sabe tudo sobre o Abitur, e também sobre as graduações que podem fazer você conquistar um diploma de graduação superior na Alemanha, eu espero que você vá longe! 

Até a próxima!

Categories
Dicas

Custo de vida em Orlando: economize nos Estados Unidos

O custo de vida em Orlando é um dos itens mais importantes para quem deseja estudar em uma das cidades mais ensolaradas e mágicas da Flórida. Mas, você sabe quais são os preços de alimentação? Transporte? Moradia? Se não, não precisa se preocupar, porque depois deste post, você vai ter uma lista dos itens e do que vai gastar em cada um deles, sem dúvida alguma sobre como é o custo de vida em Orlando.

Abaixo, sabe tudo sobre o custo de vida em uma das melhores cidades dos Estados Unidos:

O custo de vida em Orlando

O custo de vida em Orlando é um mistério que precisa ser resolvido por quem deseja visitar a cidade ou até mesmo morar nela por um bom tempo, pois a missão de se manter no país se torna bem complicada quando você não tem um planejamento econômico que seja efetivo.

Por isso, é importante que você leia este post até o final, para saber tudo sobre o custo de vida em Orlando, de forma rápida e objetiva, para que você viaje para os Estados Unidos sabendo exatamente como será a sua vida por lá.

Abaixo, confira a tabela de preços em diferentes segmentos importantes, utilizando a plataforma Expatistan, que utiliza dados coletados por nativos de um determinado país ou cidade para reunir informações cada vez mais exatas sobre o custo de vida nessas regiões:

Alimentação

Menu básico de almoço (incluindo uma bebida) no distrito comercial $ 14

Refeição combinada em restaurante de fast food (refeição big mac ou similar) US $ 8

500 gr de peito de frango desossado $ 5,18

1 litro de leite $ 0,97

12 ovos, grande $ 2,85

1 kg de tomates $ 5,56

500 gr de queijo local $ 7

1 kg de maçãs $ 3,54

1 kg de batatas $ 1,91

Meio litro de cerveja nacional no supermercado $ 2,56

2 litros de coca-cola $ 1,83

Pão para 2 pessoas por 1 dia $ 1,79

Moradia

Aluguel mensal por 85 m2 (900 sqft) de acomodação mobiliada em área cara $ 1.738

Aluguel mensal para 85 m2 (900 sqft) de acomodação mobiliada em área normal $ 1.325

Serviços públicos 1 mês (aquecimento, eletricidade, gás) para 2 pessoas em apartamento de 85m2 $ 212

Internet 8 Mbps (1 mês) $ 77

TV de tela plana de 40 “$ 287

Microondas 800/900 watts (bosch, panasonic, lg, sharp ou marcas equivalentes) $ 112

Detergente para roupas $ 12

Roupas

1 par de jeans (levis 501 ou similar) $ 56

1 vestido de verão em uma loja de rua (zara, h & m ou varejistas semelhantes) $ 46

1 par de tênis esportivos (nike, adidas ou marcas equivalentes) $ 97

1 par de sapatos masculinos de couro empresarial $ 109

Transporte

1 litro (1/4 galão) de gás $ 0,69

Bilhete mensal para transporte público $ 50

Viagem de táxi em dia útil, tarifa básica 8 km. (5 milhas) $ 18

Cuidados pessoais

Remédio para resfriado por 6 dias $ 5,88

1 caixa de antibióticos (12 doses) $ 14

Visita curta ao médico particular (15 minutos) $ 114

1 caixa com 32 absorventes $ 5,43

Desodorante roll-on $ 3,42

Shampoo para cabelos 2 em 1 $ 3,89

4 rolos de papel higiênico $ 4,08

Tubo de pasta de dente $ 2,44

Corte de cabelo masculino padrão na área de expatriados da cidade US $ 22

Entretenimento

Jantar básico para dois em pub do bairro $ 44

2 ingressos para o cinema $ 27

2 ingressos para o teatro (melhores lugares disponíveis) $ 154

1 coquetel no clube do centro $ 14

Cappuccino na área de expatriados da cidade $ 5,37

1 cerveja no bar da vizinhança $ 6

Ipad wi-fi 128gb $ 486

1 minuto. de tarifa móvel pré-paga (sem descontos ou planos) $ 0,64

1 mês de adesão a uma academia no distrito comercial $ 47

1 maço de cigarros marlboro $ 7

Custo de vida em Orlando

Comparando o custo de vida em Orlando

Para que você entenda melhor sobre o custo de vida em Orlando, decidimos criar um comparativo real entre as cidades de Orlando e a cidade de Nova York, que nos Estados Unidos, corresponde a um centro econômico com diversos recursos nacionais concentrados.

Agora, entenda o quão diferente é o custo de vida em Orlando, em relação a Nova York, uma das cidades mais populares dos Estados Unidos, utilizando mais uma vez o Expatistan.

AlimentaçãoOrlandoNova York
Menu básico de almoço (incluindo uma bebida) no distrito comercial$ 14$18
Refeição combinada em restaurante de fast food (refeição big mac ou semelhante)$ 8$9
500 gramas de peito de frango$ 5,18$6
1 litro de leite  (caixa grande)$ 0,97$1.11
12 ovos grandes$ 2,85$3.63
Pães para 2 pessoas por 1 dia$ 1,79$3.08
1kg de batatas$ 1,91$1.59
MoradiaOrlandoNova York
Aluguel mensal de 85 m2, mobiliado em uma área cara$ 1,738$4,101
Aluguel mensal de 85 m2, mobiliado em uma área normal$1,325$2,571
Utilidades por 1 mês para 2 pessoas (aquecimento, eletricidade e gás)$212$140
Internet 8 mbps (1 month)$77$55
TV de 40 polegadas$287$326
Microondas$112$206
Detergente$12$13
VestuárioOrlandoNova York
1 par de jeans$56$68
1 vestido de verão (zara ou h&m)$46$44
1 par de sapatos esportivos (nike, adidas e etc)$97$88
1 par de sapatos de couro$109$117
TransporteOrlandoNova York
1 litro de gasolina$0.69$0.89
Ticket de transporte público mensal$50$127
Viagem de táxi em tarifa básica, 8km.$18$29
Cuidados pessoaisOrlandoNova York
Remédio para resfriado$5.88$8
1 caixa de antibióticos$14$24
Consulta com médico particular$114$163
1 caixa com 35 absorventes$5.43$9
Desodorante$3.42$4.82
Shampoo para cabelo 2 em 1$3.89$8
4 rolos de papel higiênico$4.08$4.88
Tubo de pasta de dente$2.44$2.14
Corte de cabelo comum em área normal$22$32
EntretenimentoOrlandoNova York
Jantar básico para 2 em pub da vizinhança$44$63
2 ingressos para cinema$27$31
2 ingressos para teatro (melhores lugares)$154$397
1 drink coquetel no centro da cidade$14$17
1 cerveja em pub da vizinhança$6$7
iPad 128 GB$486$423
1 mês de mensalidade em academia$47$74

Sobre as tabelas comparativas, podemos perceber que o custo de vida em Orlando é muito mais interessante quando o assunto é economia, pois além de ser uma cidade que oferece diversos locais de visita e diversão, consegue ser 33% mais barata do que a cidade de Nova York.


Agora que você já sabe tudo sobre o custo de vida em Orlando, eu espero que você chegue arrasando nos Estados Unidos!

Até a próxima!

Categories
Imigração

Morar na Califórnia: saiba como ficar por mais tempo no estado

Quer morar na Califórnia mas não sabe como é a vida no estado ou como fazer a imigração? Então não precisa se preocupar, pois todas as suas dúvidas serão respondidas neste post, basta ler até o final. O estado da Califórnia é um dos melhores dos Estados Unidos para se viver, com vários benefícios e atrações para você. Pensando nisso, elaboramos um post completo sobre como é morar no estado.

Abaixo, confira como Morar na Califórnia:

Como é morar na Califórnia?

Essa é a pergunta que todas as pessoas que nunca esteve no estado de Califórnia, se fazem constantemente, pois além de ser um nome que já faz parte da sua imaginação desde sempre, por conta dos filmes, séries e notícias, o estado tem diversas qualidades que nem todo mundo costuma observar.

Confira de forma rápida e objetiva, o que o estado da Califórnia tem de melhor para oferecer à você:

Clima

Com um clima ensolarado e que pode variar entre 21 e 26ºC, o clima da Califórnia é perfeito para quem ama uma praia ou simplesmente aprecia o calor ameno que o sol do estado da Califórnia pode oferecer todos os dias. Com invernos que raramente podem esfriar as coisas, o estado tem um clima bem agradável, que mesmo sendo ensolarado na maior parte do tempo, não se equipara ao que podemos sentir aqui no Brasil.

O mercado de trabalho

Para morar na Califórnia, você precisa se manter economicamente, certo? Então por que não aprender sobre o mercado de trabalho local?

O mercado de trabalho da Califórnia é um dos que melhor se desenvolvem dentro dos Estados Unidos, principalmente depois de um ano complicado como 2020. Em dezembro de 2019, a taxa de desemprego estava em 4,10%. Em abril de 2020, o desemprego na Califórnia estava em 16%. Em 31 de agosto, com a recuperação da economia estadunidense, a taxa foi reduzida para 7,5%.

No estado da Califórnia existem 100 ocupações que terão uma alta taxa de crescimento até o ano de 2028, sendo algumas delas:

  • Estatísticos
  • Assistentes médicos
  • Analistas de segurança da informação
  • Enfermeira anestesista
  • Fonoaudiólogos
  • Profissionais de enfermagem
  • Professores de ensino superior, com especialidade em saúde
  • Fisioterapeutas
  • Físicos
  • Bioquímicos e biofísicos
  • Intérpretes e tradutores
  • Desenvolvedores web

Além disso, a Califórnia também é casa para o Vale do Silício, o maior campus tecnológico do mundo, e lar das maiores empresas de tecnologia do mundo. Então, se você deseja trabalhar com tecnologia, o estado da Califórnia é a melhor escolha para você.

Morar na Califórnia: Golden Gate Bridge

Entretenimento

Os californianos, os estadunidenses e até mesmo pessoas de diversos países, costumam dizer que o estado da Califórnia é o estado do entretenimento, principalmente pelo fato de que Hollywood é uma das suas maiores atrações turísticas e industriais. Porém, mesmo fora do mundo cinematográfico, o estado da Califórnia se destaca pela sua grande variedade de programas para os finais de semana.

Pensando em como não precisamos seguir um tipo de programa específico para o final de semana, saiba o que você pode fazer para se divertir no país:

Surfar em Santa Maria Beach, fazer um tour por Hollywood, conhecer a Disneyland, caminhar no calçadão de Venice Beach, curtir o Death Valley National Park, visitar Old Sacramento, surfar em Malibu, visitar o zoológico de San Diego, fazer um tour completo pela Ilha de Alcatraz, observar os vulcões no Lassen Volcanic National Park ou se aventurar em meio ao Sequoia National Park.

E não se engane achando que isso acaba por aí, pois na Califórnia você pode se divertir com tudo isso e muito mais.

Quer morar na Califórnia? Conheça as cidades primeiro

A Califórnia pode ser, de fato, um estado sensacional, mas este estado só tem esse tamanho e autoridade, por conta das cidades que fazem dele um dos estados mais incríveis dos Estados Unidos, sendo cada uma especial à sua maneira, com lugares e características que podem fazer uma delas ser o local perfeito para você.

Abaixo, conheça um pouco sobre as cidades da Califórnia e o que cada uma tem a oferecer de melhor:

Los Angeles

Quando dissemos que a Califórnia é um dos melhores estados para se divertir, nós estavamos, basicamente, falando sobre o quanto Los Angeles é incrível, pois esta cidade, que atualmente conta com pouco mais de 3,9 milhões de habitantes, é sem dúvidas um dos maiores pontos de diversão dos Estados Unidos.

Letreiro de Hollywood

Conhecida por abrigar a poderosa indústria de Hollywood e por ter uma diversidade de etnias, Los Angeles é uma das cidades mais requisitadas por quem deseja morar na Califórnia a curto ou a longo prazo. Além da indústria cinematográfica, a cidade também abriga gigantes da música como a Warner Music Group e Capitol Records. 

Em Los Angeles, você não pode deixar de visitar o Pier e a praia de Santa Mônica, que além de ser uma inspiração para jogos de sucesso como Grand Theft Auto: San Andreas, é um point incrível para fotos marcantes. Assim como a calçada da fama de Hollywood, em frente ao TCL Chinese Theatre.

San Francisco

A cidade conhecida por uma ponte que faz parte do imaginário de milhões de pessoas, tem os seus bondinhos e ladeiras em constante funcionamento, sendo além de ruas e transportes públicos, verdadeiros itens de cartões postais ao longo de todo o mundo.

A cidade de San Francisco ilustra filmes e séries, assim como é amplamente conhecida pela sua valorização de construções que valorizam o ar puro, contando com 220 parques abertos por toda a cidade, assim como a paisagem da Golden Gate Bridge, que desde 1933 ilustra cartões postais ao longo do mundo todo, assim como inspirou até mesmo a criação de um time de basquete, os Golden State Warriors.

San Francisco

A cidade de São Francisco conta com uma população de aproximadamente, pouco mais de 875 mil habitantes, e nela, você pode visitar a histórica Ilha de Alcatraz ou a Chinatown de San Francisco, que além de ser uma das maiores e mais velhas da América do Norte, é sem dúvidas, um destino que você precisa visitar enquanto estiver morando na cidade.

San Diego

Sendo a segunda maior cidade da Califórnia e a oitava maior dos Estados Unidos, San Diego é conhecida por um clima ameno, com 112 km de praias que servem de entretenimento puro para os pouco mais de 1,3 milhões de habitantes da cidade. A cidade também tem em seu leque de variedades, o San Diego Zoo, a LEGOLAND California, SeaWorld San Diego.

Morar na Califórnia: San Diego

À noite, você pode desfrutar da culinária da cidade, que na região, tem 6,4 mil restaurantes premiados. Assim como as artes, já que no Balboa Park, o maior parque cultural urbano dos Estados Unidos, existem 15 museus e várias galerias de arte, com jardins.

Em San Diego, você pode desfrutar de esportes radicais tropicais, como vela, caiaque, jet-ski, mergulho, pesca esportiva, e claro, o surf.

Como passar mais tempo na Califórnia?

Agora, como prêmio para você que leu até o final do post, é hora de falar sobre como você pode morar na Califórnia de forma legal, por mais tempo, sem ter problema algum com o governo estadunidense.

Morar na Califórnia

Os países de primeiro mundo enxergam a educação como algo essencial, uma base que serve de apoio para o país continuar evoluindo constantemente, sem retrocessos. Por isso, o caminho mais possível de imigração para estudantes estrangeiros, é por meio da educação, sendo ele por meio do CPT ou OPT.

“Mas, o que são CPT e OPT?”

O CPT, ou Curricular Practical Training, é um programa estadunidense que concede de forma temporária aos alunos que estão cursando uma universidade a permissão de trabalho. Sendo o estágio remunerado ou não, o CPT precisa ser concluído antes do término do seu curso.

Com o CPT, você poderá trabalhar 20 horas ou menos por semana, ou em período integral. Porém, trabalhando em período integral, você perderá a elegibilidade ao OPT.

O OPT, ou Optional Practical Training, é um programa estadunidense que concede aos estudantes com um visto F-1, a permissão de trabalho no país por até 1 ano, dentro da área de estudo do aluno, podendo ser exercido antes ou depois de concluir os seus estudos. 

“E como eu posso imigrar dessa forma?”

Durante o CPT ou OPT, você pode conseguir um sponsor, um patrocinador do seu visto em solo norte-americano. Enquanto estiver trabalhando em uma determinada empresa, o seu gerente, chefe ou dono da empresa, pode solicitar o seu visto de trabalho, criando uma ponte para a sua imigração no país.

Porém, lembre-se, este não é um caminho definitivo e não existe chance garantida de imigração por este meio. Mesmo assim, com o OPT, você consegue passar por mais tempo na Califórnia, desfrutando de tudo o que o estado tem a oferecer para você.


Ainda tem alguma dúvida de que morar na Califórnia é uma das melhores escolhas que você pode fazer na vida? Não perca tempo e viva o seu sonho!

Vejo você no próximo post!

Categories
Dicas

Intercâmbio em Orlando: muito além da Disney

O intercâmbio em Orlando é procurado por vários alunos estrangeiros ao longo do mundo, pelo simples fato de que ele pode ser incrível para o crescimento pessoal e também cultural do aluno. Porém, pode ser que você não saiba o quão incrível esse intercâmbio pode ser, principalmente se falamos sobre tudo o que você pode aprender nesta cidade incrível.

Confira abaixo sobre como é o intercâmbio em Orlando:

O intercâmbio em Orlando

Antes de falarmos sobre a cidade de Orlando, é importante que você saiba como será o seu intercâmbio na cidade, pois além de ser uma viagem incrível, a sua experiência também será educacional.

Então, é importante que você escolha o que melhor se encaixa com o seu perfil, e sabe o que combina com esse tipo de intercâmbio?

O intercâmbio em uma escola de idioma

Você pode estudar inglês no Brasil, e isso é, sem dúvida, algo importante para o seu crescimento pessoal e também cultural, sendo uma prática bem legal para evoluir enquanto não faz o seu intercâmbio.

Porém, aprender uma língua em outro país, é algo que vai além das expectativas, pois além de estar vivendo a cultura daquela língua, você também estará aprendendo diretamente com os nativos do país, o que facilita a prática e desenvolvimento do idioma, até mesmo por uma curta duração..

intercâmbio em Orlando

Uma escola de idioma tem o diferencial de ser o intercâmbio perfeito para quem deseja curtir a cidade de forma mais leve, sem aquela pressão acadêmica que uma universidade pode criar e facilitando a possibilidade da sua independência pessoal e financeira.

Assim, estudar em uma escola de idioma é o melhor caminho para quem deseja curtir mais a cidade e a sua cultura.

O transporte público na cidade de Orlando

Saber sobre o seu intercâmbio é importante, mas é ainda mais importante, saber sobre como será a sua locomoção no país, pois além de ser um ambiente totalmente diferente do que você está acostumado, também existem diferentes tipos de locomoção e objetivos específicos.

O transporte público é uma das coisas mais importantes de Orlando para você que deseja não apenas se locomover com eficiência para a escola, mas também para todos os lugares que você deseja, principalmente pelo fato de que a cidade costuma estar sempre cheia de turistas.

Assim, é importante que você otimize a sua locomoção com as opções que a cidade tem a oferecer, sendo elas: 

  • Ônibus LYNX
  • LYNMO
  • SunRail
  • Amtrak
  • Brightline
  • Bike/Scooter share

1 – Ônibus LYNX

Ônibus LYNX
Î

Os ônibus LYNX cobrem as cidades de Orlando, Orange, Seminole, Osceola e condado de Lake.

Além do serviço de ônibus, o LYNX também oferece serviços como:

FastLink, que funciona de forma mais direta, evitando grandes trajetos de grandes corredores.

O NeighbourLink, circuladores comunitários de serviço flexível e que ligam as pessoas das áreas mais remotas às mais populosas, com viagens agendadas.

Os Road Rangers são uma frota de caminhões que funcionam como um suporte para os motoristas da I-4.

E o Vanpool, um programa de assistência para pessoas viajarem de carro, utilizando uma van da própria LYNX.

2 – LYNMO

Intercâmbio em Orlando: LYNMO

O LYNMO é o melhor transporte público para quem deseja aproveitar a cidade de forma divertida e direta, pois ele foi feito especialmente para isso. Servindo como acesso rápido aos restaurantes, varejos e entretenimentos, o LYNMO opera em 4 linhas diferentes e objetivas.

3 – SunRail

SunRail at Church Street Station

O SunRail, ou trem de Orlando, tem a sua linha saindo de DeBary, no condado de Volusia e vai até a Poinciana, no condado de Osceola. Sendo apenas um bebê nascido em 2014, o SunRail possui 16 estações em quatro municípios, com 4 estações na cidade de Orlando.

4 – Brightline

Brightline Train

Indo de Miami até a Fort Lauderdale eWest Palm Beach, o Brightline é um trem expresso intermunicipal que funciona desde 2019.

5 – Bike Share

Scooters

Em caso de você não ser uma pessoa que gosta tanto de se locomover com um motorista constante, você pode utilizar o compartilhamento de bicicletas por GPS, que assim como o que já temos aqui no Brasil, funciona de forma muito mais organizada na cidade de Orlando.

O que eu posso visitar durante o meu intercâmbio em Orlando?

Fazendo um intercâmbio em Orlando, você terá uma grande variedade de locais para se divertir e também conhecer pessoas, principalmente se nós começarmos a falar sobre os parques temáticos, que entre eles, eu aposto que você até já conhece ao menos um. 

Quer saber o que visitar enquanto estiver fazendo um intercâmbio em Orlando? Sem ficar apenas no mundo mágico da Disney? Então vem comigo:

Kennedy Space Center

Viajar pelas estrelas pode estar um pouco longe para todos nós, mas em lugares específicos, podemos entender como tudo isso funciona, e esse é o caso do Kennedy Space Center, que não é um parque, mas sim um centro da própria NASA em Orlando, no Cabo Canaveral e pode ser visitado pelo público.

Kennedy Space Center

No lugar, você pode fazer um tour de ônibus pelas instalações, assistir a um filme espacial em 3D no cinema do local, jantar com um astronauta, conversar com exploradores do espaço e participar de atividades interativas.

Orlando Science Center

Sendo um ótimo lugar para pessoas de todas as idades, com experiências interativas e 2 cinemas bem grandes para o seu público, o Centro de Ciências de Orlando ensina ciências por meio da experiência prática dos seus visitantes, sendo um ótimo lugar para quem deseja se divertir ao mesmo tempo que aprende sobre o funcionamento das coisas.

Orlando Science Center
Foto: Travel and Leisure

Você pode visitar exposições, saber como é estar em meio a um terremoto ou furacão, saber como é estar dentro de uma nuvem, ou até mesmo curtir um tour com fósseis de dinossauros antigos.

Lake Eola Park

Este point é incrível por 2 fatores simples: gratuidade e diversão. Localizado no centro da cidade de Orlando, o Lake Eola Park é um dos melhores pontos para se conhecer na cidade. É um local iluminado e muito bonito em qualquer hora do dia, tendo um mercado semanal de fazendeiros e com várias atividades ao ar livre.

Intercâmbio em Orlando: Lake Eola Park

Epcot

O mundo mágico da Disney pode não aparecer por aqui como um destino específico, mas ele não poderia faltar como uma das paradas mais interessantes de Orlando. O Epcot é um dos parque temáticos do Walt Disney World Resort, onde os visitantes têm acesso à cultura mundial, natureza e os avanços tecnológicos da humanidade.

Intercâmbio em Orlando: EPCOT

Nele, você pode visitar uma nave espacial chamada Earth, que atualmente, é um dos pontos mais importantes da cidade de Orlando. Dentro da nave, você descobrirá vários métodos de comunicação da humanidade, dos tempos mais antigos até o contemporâneo.


Agora que você já está sabendo tudo sobre o intercâmbio em Orlando, tire as teias de aranha das suas malas e turbine o seu inglês em uma das melhores cidades dos Estados Unidos!

Até a próxima!

Categories
Higher Education

O que é Studienkolleg? Saiba tudo bem aqui

O Studienkolleg é um dos itens mais importantes para quem deseja estudar na Alemanha, principalmente se você deseja conseguir um diploma internacional em um dos maiores países da Europa. Pensando nisso, nós criamos um conteúdo exclusivo para você que deseja chegar na Alemanha sabendo tudo sobre esses cursos.

O que é Studienkolleg?

Todo ano, milhares de estudantes estrangeiros viajam para a Alemanha com o objetivo de conseguirem uma graduação internacional em uma das maiores potências da Europa. Porém, alguns acabam tendo dificuldades com a matrícula em determinadas instituições de ensino.

E isso se deve ao fato de que algumas instituições de ensino, não aceitam qualquer tipo de certificado de conclusão do ensino médio, por exemplo. fazendo com que esses alunos tenham que recorrer a instituições especializadas para a resolução deste problema 

Para o governo alemão, é importante que o aluno estrangeiro tenha uma preparação para conseguir ingressar no ensino superior do país. Assim, os alunos são preparados em instituições chamadas Studienkollegs, que funcionam como um curso preparatório para o ensino superior alemão.

Como aplicar para um Studienkolleg

1 – Verifique se o seu certificado de conclusão é válido para estudos na Alemanha. No site da Anabin, você conseguirá saber como é a avaliação do seu certificado escolar na Alemanha.

2 – Caso o seu certificado não seja aceito na Alemanha, você terá que fazer um curso de 1 ano em um Studienkolleg. 

3 – Informe-se sobre o Studienkolleg em que você irá estudar e os seus requisitos de ingresso, pois cada instituição tem os seus requisitos básicos.

4 – Verifique se você pode se matricular imediatamente, ou via o site https://www.uni-assist.de/.

5 – Pesquise sobre o exame de admissão do Studienkolleg que você escolheu. Geralmente, os próprios Studienkollegs disponibilizam esses testes online, para que você possa fazer uma simulação. Estando já na Alemanha, faça o exame de admissão e ingresse em um Studienkolleg.

Studienkolleg

Os tipos de curso no Studienkolleg

O Studienkolleg é uma instituição que, no geral, tem o objetivo de servir como uma ponte para o aluno internacional que precisa se adequar ao ensino superior da Alemanha. Porém, nem todos os cursos oferecidos pelo Studienkollegs são iguais, tendo especificações para quem deseja um determinado tipo de curso ou área de estudo. Abaixo, entenda os tipos de Studienkolleg, utilizando o Studienkolleg Dusseldorf como referência:

M-Course

O M deste curso vem de Medizin, ou medicina, e ele funciona com o intuito de preparar o aluno que deseja ingressar nos estudos da área de saúde, abrangendo diversos cursos dessa área

Na grade curricular do M-Course, o aluno encontrará um curso preparatório completo, com uma grade curricular preenchida pelas disciplinas de: alemão, biologia, física e química.

Após a conclusão, o aluno poderá ingressar nos cursos de:

  • Medicina (Medizin)
  • Odontologia (Zahnmedizin)
  • Farmácia (Pharmazie)
  • Biologia (Biologie) 
  • Bioquímica (Biochemie)
  • Microbiologia (Mikrobiologie)

Dentre outros cursos, que podem variar de acordo com a instituição de ensino que você escolher.

T-Course

Assim como o M do M-Course, o T deste curso vem da palavra Tecnologia. Este curso tem como foco a preparação de estudantes que desejam ingressar em cursos da área de tecnologia. Na grade curricular, você encontrará as disciplinas de: alemão, matemática, física e química.

Sendo aprovado, o aluno poderá ingressar nos seguintes cursos:

  • Engenharia mecânica (Maschinenbau)
  • Engenharia Civíl (Bauingenieurwesen)
  • Engenharia automotiva (Automobiltechnik)
  • Física (Physik)
  • Tecnologia da informação comercial (Wirtschaftsinformatik)
  • Engenharia e gestão industrial (Wirtschaftsingenieurwesen)
  • Engenharia de processos e materiais (Verfahrens- & Werkstofftechnik) 
  • Matemática (Mathematik)
  • Engenharia elétrica (Elektrotechnik)

Além, claro, de outros cursos da área de tecnologia que não foram citados acima e que podem estar presentes nas diferentes instituições da Alemanha, como as Hochschule, escolas superiores especializadas, ou as Fachhochschule, que também são especializadas, mas estaduais.

Studienkolleg

W-Course

O W-Course, Wirtschaft-Course, ou Curso da área de Ciências Econômicas, é popularmente procurado por alunos que buscam o diploma de graduação em economia ou administração de empresas. Na grades curricular deste curso, você encontrará: alemão, matemática, economia e inglês.

  • Ciências Econômicas (Wirtschaftswissenschaften)
  • Tecnologia da Informação Comercial (Wirtschaftsinformatik)
  • Economia (Volkswirtschaftslehre)
  • Ciências Sociais (Sozialwissenschaften)
  • Sociologia (Soziologie)
  • Turismo (Tourismus)
  • Ciência política (Politikwissenschaften)

G-Course

O G representa a área de ciências humanas, que em alemão, corresponde ao nome de Geisteswissenschaft. Então, assim como o nome já explica, esse curso é indicado para quem está determinado a ingressar nas graduações de cursos da área de humanas. As disciplinas do G-Course são: alemão, literatura alemã, história e ciências sociais.

Sendo aprovado no G-Course, você poderá ingressar nos seguintes cursos:

  • Estudos de língua e literatura alemã (Germanistik)
  • Teologia (Theologie)
  • Filosofia (Philosophie)
  • História (Geschichte)
  • Jornalismo (Journalismus)
  • Literatura alemã (Literaturwissenschaften)
  • Direito (Rechtswissenschaften)

No geral, todos os cursos têm a duração de 38 semanas, com 5 a 6 aulas por semana, com as tuition fees (mensalidade) em €5.500 por ano. Os cursos são divididos entre 2 semestres, sendo eles os de verão e o de inverno.

Dentre todos esses cursos, também existe o S-Course, que se dedica ao ensino d

“Mas afinal, para o que estarei me preparando?”

Todos os Courses têm o objetivo de fazer com que o aluno passe no FSP – Feststellungsprüfung (exame de qualificação universitária), que serve como um exame final para o Studienkolleg.

Passando neste exame, você poderá se inscrever em uma universidade de ensino superior da Alemanha.


Agora que você já sabe tudo sobre Studienkolleg, espero que você consiga a graduação alemã que você tanto sonhou. Caso queira saber mais sobre a vida na Alemanha, visite o nosso blog.

Até a próxima!