Categories
Espanha Estude e trabalhe no exterior Estude um idioma fora do Brasil Europa Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio Vistos e documentações

Intercâmbio na Espanha: guia completo de como estudar no país

Fala, galera! Pensando em fazer intercâmbio na Espanha mas ainda não sabe qual o melhor programa pra você?

Nesta postagem te contamos as vantagens de fazer intercâmbio nesse país europeu tão procurado por brasileiros e como você pode realizar seu sonho de estudar na Espanha.

Como estudar na Espanha

Ao escolher estudar na Espanha você estará escolhendo o país europeu com o maior número de universidades, públicas ou privadas. Isso significa mais opções para encontrar aquele que se encaixa melhor a você.

Estude espanhol

A maneira mais simples de fazer um intercâmbio na Espanha é fazendo um curso intensivo de espanhol no país.

Isso porque você pode fazer um curso de até 3 meses no país sem precisar tirar seu visto, apenas sua autorização digital de entrada. Ou seja, menos burocracias e você consegue se desenvolver super rápido no espanhol por conta da imersão total que terá no país.

Ensino superior

Com mais de 80 universidades, a Espanha é um grande polo educacional da Europa.

Existem diversas formas de ingressar nas universidades durante seu intercâmbio na Espanha, uma delas é através da sua nota global do Ensino Médio. Para isso, as documentações necessárias são:

  • Certificado de proficiência em espanhol (DELE, por exemplo);
  • Diploma de conclusão do ensino médio apostilado em Haia e com tradução juramentada;
  • Histórico escolar, apostilado em Haia e com tradução juramentada;
  • Passaporte.

Caso você esteja aplicando para um curso muito disputado, também pode ser necessário realizar uma prova de admissão.

Importante: você precisará validar seu diploma de conclusão do ensino médio no Consulado da Espanha.

Outra maneira de ingressar nas universidades espanholas é através do vestibular, conhecido como Selectividad ou Pruebas de Acceso a la Universidad.

Normalmente os processos de pré-inscrição nas instituições iniciam entre os meses de março e setembro. Por isso, é importante estar atento!

Cada universidade possui seu próprio processo de ingresso, esteja atento as plataformas de comunicação institucional.

[Post] Estudar Fora: checklist com 10 itens pra estar em dia antes de estudar no exterior

Universidade na Espanha: como estudar e trabalhar no país

Com o visto de estudante espanhol você poderá trabalhar meio-período durante seu intercâmbio na Espanha.

Durante esse tempo de graduação ou pós você trabalhará enquanto um estagiário ou trainee, por exemplo.

Importante: a autorização para trabalhar deverá ser requisitada ao governo assim que você receber uma oferta profissional na Espanha.

Após 3 anos seguidos com o visto de estudo e autorização de trabalho você poderá solicitar uma nova modalidade: residência e trabalho, contanto que tenha um contrato de trabalho.

Como conseguir bolsas de estudo pra estudar na Espanha

Existem diversos programas que oferecem bolsas de estudo para as Universidades espanholas. Como por exemplo a Asociación Universitaria Iberoamericana de Postgrado e a Universidad Complutense Madrid.

Porém, é preciso ter um bom histórico escolar e se manter atualizado. Além disso, é importante ter em mãos as documentações necessárias para ingressar nas instituições e programas de bolsas de estudos.

E por isso, a presença de alguém com mais experiência te guiando nesse processo e te ajudando nos mínimos detalhes faz toda a diferença. Pensando nisso, nós da Dreams Intercâmbios oferecemos a nossos estudantes uma Assessoria Acadêmica especializada em instituições de ensino no exterior.

Para entender melhor como funciona nossa Assessoria Acadêmica, entre em contato com nossos consultores aqui. Não custa nada e eles estão dispostos a te ajudar com suas dúvidas!

Precisa de visto pra estudar na Espanha?

Como já dissemos antes, se você pretende ficar até 90 dias na Espanha você não precisará de um visto, apenas a autorização de entrada na Europa!

Caso seu curso ultrapasse esse periodo, será necessário tirar um visto de estudante, que pode ser realizado no Consulado Geral da Espanha em sua cidade. Neste link você pode conferir qual o consulado mais próximo a você.

Visto de estudante na Espanha: documentações necessárias e como solicitar

Para solicitar seu visto de estudante você precisará organizar suas documentações, que são:

  • Comprovação de que foi aprovado na instituição de ensino;
  • Atestado médico: necessário caso você permaneça mais do que 6 meses no país;
  • Seguro;
  • Comprovação de renda: o equivalente ao IPREM do ano em que estará no país, cerca de 579,02€ por mês
    • A comprovação pode ser feita através de dinheiro em conta ou imposto de renda;
    • Você pode ter alguém de sua família patrocinando seu intercâmbio na Espanha.
  • Formulário de solicitação de visto;
  • Uma foto 3×4 recente;
  • Passaporte original;
  • Diploma ou histórico acadêmico;
  • Comprovante de residência no Brasil;
  • Título de eleitor;
  • Certidão de antecedentes criminais.

Seu visto deverá ser solicitado pessoalmente com pelo menos 30 dias de antecedência a data da viagem.

Também deverá ser paga uma taxa no valor de R1111$ 367,00 ao consulado. Normalmente, este valor é pago em espécie – confira com o consulado quais opções de pagamento eles possuem.

O visto para estudar na Espanha dura 120 dias e ao chegar no país você precisará solicitar a Carteira de Estrangeiro, que costuma ser válida por até 1 ano – podendo ser renovada.

[Post] Melhores países da Europa pra fazer intercâmbio em 2022

Compare o custo de vida e oportunidades nos melhores países da Europa pra fazer intercâmbio em 2022

Vale a pena estudar na Espanha?

A Espanha é um dos melhores países da Europa para fazer um intercâmbio em 2022. E não é atoa que mais e mais brasileiros buscam aprimorar seu espanhol no país: além das maravilhas locais, o país facilita a vida de brasileiros que desejam residir no país.

Após 2 anos de residencia temporária, você estará qualificado para residir permanentemente no país. Bom demais, né?

Um intercâmbio na Espanha é rico em experiências, por conta das belezas naturais presentes na região. O país possui mais de 5 mil quilômetros banhados pelo mar. Um das praias, conhecida como Playa de Ses Illetes foi eleita em 2016, pelo TripAdvisor, a melhor praia da Europa.

Ainda é possível visitar ilhas belíssima, como Ibiza, Tenerife, ou as Ilhas Canárias, com ruas feitas completamente de areia.

Porém, o que realmente captura o coração de muitos que vão estudar na Espanha é a comida. A culinária espanhola é cheia de pratos com frutos do mar, frutas, vegetais e jamón, presuntos incríveis e com sabores característicos.

Por isso, se você deseja um intercâmbio único e inesquecível, a Espanha é o caminho. E nós estamos aqui pra te ajudar a realizar esse sonho.

Nossos consultores estão abertos para tirar suas dúvidas, te ajudar a se planejar financeiramente e te auxiliar durante todo o seu caminho até seu sonho de estudar no exterior. No link abaixo você poderá deixar seu contato e eles falaremos com você o quanto antes!

Você também pode gostar de conferir:

5 curiosidades imperdíveis sobre a Espanha

Custo de vida na Espanha em 2022: economize enquanto estuda no país

Como é morar em Barcelona: Descubra a Espanha | Brasileiros na Europa

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Curiosidades Dicas de viagem Estados Unidos Estude um idioma fora do Brasil Tudo sobre intercâmbio

O que fazer em Orlando: 15 pontos turísticos que você precisa conhecer

Fala, galera! Está planejando uma viagem para os EUA e quer saber o que fazer na cidade? Separamos 15 pontos turísticos de Orlando incríveis que vão te fazer se apaixonar pela cidade… e não querer sair nunca mais!

O que fazer em Orlando: diversão na cidade

Apesar de ser conhecida pelos parques da Disney, a cidade de Orlando tem muito mais diversão para oferecer..

No verão, as ruas da cidade ficam lotadas de viajantes do mundo inteiro que buscam experiências únicas, e por conta da variedade em opções de entretenimento, hospedagem, restaurantes e instituições de ensino para quem deseja aproveitar a viagem pra colocar o inglês em dia, é importante se preparar.

Por isso, após ler esse post, já anote as atrações e compre os ingressos com antecedência. Assim, você irá economizar tempo e dinheiro.

Ah, e claro, não deixe de guardar algumas horas para conhecer as praias magníficas da Flórida, como Cocoa Beach, que está localizada há 45 minutos da cidade de Orlando.

[Post] Intercâmbio de 1 mês: dicas pra aproveitar as férias no exterior

Explore a galáxia no Kennedy Space Center

O Kennedy Space Center é uma pequena parte da NASA, a Agência Espacial Americana.

O espaço é um museu interativo, com programas e atividades que te permitem explorar o mundo espacial com que mais entende.

Esse ponto turístico de Orlando fica a 1 hora de Orlando e no caminho você passará por 4 pedágios no caminho. Ele costuma estar aberto todos os dias das 9h às 18h, e os ingressos custam US$50 para adultos e U$40 pra crianças.

O tour pelo centro inteiro precisará de um dia inteiro, mas quantas vezes você terá a chance de estar na NASA?

A Clássica Flórida no Old Town Kissimmee

Old Town Kissimmee ou Old Town Orlando é uma região que parece ter parado no tempo. Tudo lembra a uma Flórida antiga, com construções, carros e parques temáticos dos anos 60.

A atração é considerada por muitos a melhor experiência em Orlando e se você quiser conhecer, pode agendar seu passeio com antecedência aqui.

Adrenalina no Fun Spot America

Parques de diversões gigantes e com atrações radicais para toda a família? O Fun Spot America em Orlando tem!

Desde pistas de kart, carrinhos bate-bate, carrossel, jogos clássicos de videogame até montanhas-russas, esse ponto turístico de Orlando está pronto para receber você. Os ingressos você pode conferir aqui.

[Post] Como tirar seu Visto Americano em 2022

Natureza em Orlando

Mas não só de parques radicais vive Orlando! A cidade possui diversos pontos onde você pode estar em contato com a natureza.

No Exotic Animal Experience você tem a experiência de dividir um espaço natural com animais selvagens. Além disso, ainda pode tocar e acariciar as criaturinhas como lêmures, macacos e cangurus.

Outro espaço animal é o famoso parque dos jacarés, o Gatorland! Esse é para os mais corajosos, ein? Há apenas 8km dos parques da Disney, esse parque conta com jacarés de verdade e de mentira, tartarugas e pássaros.

Mas se jacarés não forem seus animais preferidos, sempre haverá o belíssimo SEA Life Orlando Aquarium. Aberto nos finais de semana, os ingressos custam U$25 para adultos e U$21 para crianças de 3 a 12 anos de idade.

O espaço é super interativo e permite belíssimas fotos com animais exóticos. Inclusive, você ainda pode ter a experiência única de acariciar anêmonas e estrelas do mar!

Hora de ir às compras!

Não podemos deixar de lado as compras, não é verdade? Orlando oferece diversos centros comerciais para seus visitantes. Aqui iremos destacar o The Florida Mall, um ponto turístico bem tradicional e localizado próximo ao Aeroporto Internacional de Orlando.

E pra curtir durante as compras, o Universal’s CityWalk, centro de entretenimento da Universal Studios não deixa a prometer! O espaço possui atrações e espaços super legais para fotos com os amigos.

A entrada é gratuita e você pode entrar andando sem nenhum estresse. É diversão garantida para os amantes de Hollywood.

[Post] Como levar dinheiro para o exterior em segurança

Aventuras? Em Orlando nós temos!

Achou as atividades muito paradas?! Que tal conhecer o Paddleboard Orlando, que oferece a experiência de praticar o Stant Up Paddle, um esporte-lazer onde você rema em cima de uma prancha de surfe?

Ou então, que tal inovar com um passeio de helicóptero com o Helicopter Tours, sobrevoando a cidade e enxergando suas belezas de um novo ponto de vista?

Mas, se mergulhar com golfinhos for seu sonho, a hora é agora! O Florida Dolphin Tours te permite acompanhar as belezas naturais do golfinhos de Orlando. Com certeza esse será um momento inesquecível pra toda a família.

Ainda no mar, um passeio de Jet Ski também é uma opção de curtição entre você e seus amigos! Pra isso, empresas como a Extreme Jet Ski of Orlando podem te auxiliar.

O que fazer na Flórida: visite os museus

Quer ver mais sobre a história e cultura pop local? Então você precisa conhecer este ponto turístico de Orlando, o Madame Tussauds Orlando.

O maior e melhor museu de cera do mundo, que conta com esculturas perfeitas de celebridades como Taylor Swift, Will Smith, Beyonce e personagens da Marvel.

Os ingressos custam U$36,99 e crianças menores de 3 anos não pagam! Você pode conferir mais sobre os valores aqui.

Ou talvez, um museu no estilo do filme Uma Noite do Museu pode ser o que você estava buscando! O Orlando Science Center é um programa incrível para famílias e amantes da ciência!

Os valores para conhecer estão por volta de:

  • Adulto (acima de 12 anos): US$27.
  • Criança (entre 3 e 11 anos): US$18.
  • Idoso (acima de 55 anos): US$24.
  • Bebê (2 anos ou menos): Não paga.

Para comprar os ingressos é só clicar aqui.

E pra fechar com chave de ouro, não deixe de visitar o The World of Chocolate Museum: cheio de esculturas de chocolate, é a própria Fábrica de Chocolate da vida real.

Postagens que você também pode gostar:

Custo de vida nos Estados Unidos em 2022: economize durante a viagem

Como estudar inglês sozinho: roteiro de estudos gratuito

Estudar nos Estados Unidos: 7 vantagens de fazer intercâmbio nos EUA

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Curiosidades Tudo sobre intercâmbio

Curiosidades sobre o Canadá: 20 fatos que vão explodir sua mente

Fala, galera! O Canadá é um país super conhecido por possuir uma população amigável e multicultural, além do alto nível de suas universidades e qualidade de vida. E por conta do interesse crescente em conhecer o país, separamos 20 curiosidades sobre o Canadá pra te animar ainda mais com a cultura canadense. Preparado?

1. O Canadá está em guerra!

Desde a década de 1970 o Canadá está em uma disputa (meio que uma guerra!) territorial com a Dinamarca pela Ilha Hans, que interliga o Atlântico Norte ao Oceano Ártico. Pois é, dá pra acreditar? E a ilha é um pequeno território de 1,3 quilômetros quadrados de área. Prioridades, né…

2. Melhor curiosidade do Canadá: o Pé Grande é protegido por lei no Canadá

Isso mesmo que você leu. No século 18 um homem pediu permissão para matar “um homem selvagem que mora no lago”.

A resposta foi, claro, um belo “não”. Seja conhecido por Bigfoot, Mowglis ou Sasquatch, a única certeza é que não, você não pode matar o Pé Grande!

Intercâmbio de 1 mês: dicas pra aproveitar as férias no exterior

3. É melhor você estar com o banho em dia!

As vezes a gente esquece de passar o desodorante e chega no trabalho com aquele “cheirinho” de derrubar um, né?

Brincadeiras a parte, no Canadá existe uma lei que protege locais públicos de pessoas que estejam fedendo (ou carregando algo fedorento). A pena pode levar a até 2 anos de cadeia. E aí, quem você conhece que entraria em cana por essa?

4. Curiosidade estranha: A prostituição é um trabalho legalizado no Canadá

Mas comprar os serviços de alguém que esteja se prostituindo é ilegal. Essa é meio confusa, né não?

5. Consumo de cannabis é permitido no Canadá

Essa pode não ser uma grande curiosidade, mas é sempre bom lembrar! O consumo recreativo foi liberado há uns anos e o mercado tem trazidos benefícios a comunidade.

6. Canadenses vivem muito

Por conta da qualidade de vida e do sistema de saúde local, os canadenses vivem em média 81 anos, superando a média geral.

7. O Canadá é o segundo maior país do mundo

O país da América do Norte é maior que a União Europeia inteira! Com uma área total de 9.985 milhões de km², o país tem dimensões continentais e abriga belíssimas paisagens.

8. O Canadá não tem estados

Diferente de grande parte dos países, o Canadá é composto de províncias, cerca de 10, sendo elas British Columbia, Alberta, Saskatchewan, Manitoba, Ontario, Quebec, New Brunswick, Nova Scotia, Prince Edward Island e Newfoundland and Labrador.

Além das províncias, 3 territórios também fazem parte do país: Nunavut, Northwest Territories e Yukon.

9. O país mais educado do mundo

E não, não estou falando de boas maneiras aqui! Mais que 50% da população canadense continuou os estudos após o ensino médio, possuindo um diploma de ensino superior ou técnico.

Além disso, cerca de 99% da população é alfabetizada. Muito bom, né?

10. Esportes do coração

Os esportes que fazem os corações canadenses baterem mais forte são o Hockey no gelo e o Lacrosse.

11. Poutine é uma iguaria local

Apesar de não possuir muita identidade culinária, alguns pratos simples envolvem os corações dos canadenses. O Poutine consiste em batata frita com pedações de queijo derretidos com molho. A indicação é comer, principalmente, de ressaca! O prato promete milagres.

12. Celebridades canadenses dominam o mundo

Drake, Justin Bieber, Ellen Paige, Rachel McAdams, Celine Dion, The Weeknd, Ryan Reynolds e Avril Lavine são apenas algumas das celebridades canadenses que dominaram o mundo com seu carisma e talento. Qual seu favorito?

7 lugares para conhecer no Canadá em 2022: como viajar para o país da Maple Leaf

13. A maior praia de água fresca do mundo

Wasaga Beach em Ontario é localizada no Lake Huron, sua beleza é incrível – apesar das águas serem frias demais!

14. O telefone foi inventado no Canadá

Isso mesmo! Alexander Graham Bell passou grande parte do período de criação entre Ontario e Massachusetts, permitindo que boa parte do desenvolvimento do telefone tenha sido em território canadense.

15. A insulina foi descoberta na Universidade de Toronto

Em 1921 o Dr. Frederick Banting descobriu a insulina, que depois veio a ser desenvolvida por ele em parceria de Charles Best, Bertram Collip e John Mcleod.

16. Maior consumidor de donuts do mundo

Canadenses amam donuts como amam xarope de Maple Leaf! Existem apenas 30 milhões de pessoas no país e o consumo anual é de 1 bilhão de donuts. Dá pra imaginar?

17. O drink mais sinistro que você vai ver

Como você gosta do seu whiskey? Em Dawson City Yukon, um bom whiskey é acompanhado de um dedão do pé!

O drink chamado de Sour Toe Cocktail possui um dedão humano de verdade. Pessoas doam seus dedões em caso de perda por congelamento – ou qualquer outro motivo possível.

E mais, se você engolir o dedão ainda recebe CAN$2500. E aí, faria?

18. Churchill Manitoba tem menos gravidade do que no resto do mundo

Isso mesmo que você leu! Visitantes afirmam que a sensação ao visitar a área é de maior “leveza”. Imagina essa experiência?!

19. O sistema métrico canadense é insano

Canadenses utilizam o sistema métrico britânico e americano. Isso significa que em algumas situações eles utilizam metros, em outras “pés”. Pesam as comidas com quilogramas, mas o próprio peso com “pounds”. Confuso né?

A confusão continua em outras áreas também, como no idioma. Algumas palavras seguem a pronúncia ou escrita americana, outras não! Só a convivência mesmo pra saber.

20. Nomes “estranhos” para cidades

Nomes de cidades sugestivos e com duplo sentido fazem parte do humor canadense. Cidades chamadas Dildo, Sexsmith e Stoner compõe a lista. Você pode conferir mais algumas aqui.

Postagens que você também pode gostar de ver:

Nova Zelândia: 5 motivos pra você fazer intercâmbio no país

Como trabalhar no Canadá em 2022: saiba como imigrar da maneira adequada

Países que não precisam de visto para brasileiros

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Alemanha Austrália Canadá Dicas de viagem Estados Unidos Estude um idioma fora do Brasil Inglaterra Itália Malta

Intercâmbio de 1 mês: dicas pra aproveitar as férias no exterior

Fala, galera! Estão chegando suas férias e você está pensando em fazer um intercâmbio de 1 mês, né? Não se preocupe! A gente te conta tudo que você precisa saber: custos, prós e contras e o mais importante: quais os melhores destinos pra um intercâmbio de curta duração. Continua lendo!

Você verá nesta postagem:

  • Melhores destinos para um intercâmbio de 1 mês
  • Intercâmbio de 1 mês vale a pena: vantagens e desvantagens

Melhores destinos para um intercâmbio de 1 mês

Fazer um intercâmbio de 1 mês é a saída pra quem não tem muito tempo e quer aproveitar as férias em outro país, conhecendo uma nova cultura e colocando um novo idioma em prática.

Você sabia? Durante seu intercâmbio de curta duração você também pode aproveitar para se especializar em sua área de atuação, com cursos profissionalizantes e qualificantes em instituições renomadas ao redor do mundo.

Por isso, escolher o destino ideal pra você é tão importante! Separamos os 10 melhores destinos para brasileiros ao redor do mundo que vão te permitir aproveitar essas 4 semanas ao máximo.

Na lista abaixo, você pode conferir os idiomas falados no local e a melhor época do ano para visitar.

Melhores DestinosIdiomasMelhor época para conhecer
Vancouver, CanadáinglêsMarço à Maio
San Francisco, EUAinglêsMarço à Junho / Setembro à Dezembro
Montreal, Canadáfrancês e inglêsMaio, Junho e Setembro
Munique, Alemanhainglês e alemãoAbril e Outubro
Liverpool, InglaterrainglêsJunho à Agosto
Valência, EspanhaespanholMaio e Junho / Setembro à Novembro
Valletta, Maltainglês e italianoAbril à Julho
Gold Coast, AustráliainglêsSetembro à Fevereiro
Auckland, Nova ZelândiainglêsOutubro à Abril
Capetown, África do SulinglêsDezembro à Março

[Post] Países que não precisam de visto para brasileiro

Intercâmbio de 1 mês vale a pena: vantagens e desvantagens

O número de brasileiros buscando intercâmbios de curta duração aumenta a cada ano.

Por conta da vida corrida no trabalho e a necessidade de aprender e praticar outros idiomas, como o inglês, muitos profissionais e estudantes se aventuram por outros países nos meses de férias.

[Post] Intercâmbio ou curso de inglês: como atingir a fluência mais rápido

Se seu plano é morar de vez fora do país, um intercâmbio de curta duração é interessante por te permitir conhecer seu destino dos sonhos e a cultura local.

Outra grande vantagem é pra quem quer melhorar o currículo e se destacar no mercado internacional: como dissemos antes, é possível estudar o idioma enquanto faz um curso de especialização na sua área. Além das experiências inesquecíveis no país, você ainda cresce profissionalmente!

Para famílias, Winter e Summer Camps são grandes divisores de águas: é um momento para se reconectar e criar memórias com quem você mais ama, em destinos inesquecíveis.

A grande desvantagem do intercâmbio de 1 mês é que ele passa rápido… e você vai se apaixonar pelo seu destino, pode ter certeza!

Intercâmbio de curta duração: dicas pra aproveitar ao máximo

Por ser um tempo relativamente curto, é interessante se organizar para sua viagem.

Se você for para Malta ou Espanha, por exemplo, uma Eurotrip é quase que obrigatória!

Na Europa os preços das passagens de avião entre os países do continente são muito baratas – chegando a custar 60 ou 70 reais! dá pra imaginar!? – por isso, é interessante aproveitar a oportunidade e viajar mesmo!

Procurar locais para alugar em Airbnbs e hostels também pode te ajudar a economizar e fazer amigos. Conhecer outros intercambistas e nativos vai multiplicar suas chances de diversão – então não tenha medo de fazer amizades!

[Vídeo] Como fazer uma Eurotrip | Principais dicas e dúvidas!

Já está pensando em fazer sua viagem? Não perde tempo e comece a planejar suas próximas férias com a gente. No link abaixo você pode deixar seu contato para que nossos consultores entrem em contato com você pelo WhatsApp ou Email.

Tudo de graça e sem cobranças, nossos consultores especialistas vão te ajudar com suas dúvidas e a realizar esse sonho.

Você também pode gostar de ver:

Viajar sozinha: 5 melhores destinos ao redor do mundo

7 lugares para conhecer no Canadá em 2022: como viajar para o país da Maple Leaf

Como planejar seu intercâmbio: 5 passos pra tirar seu sonho do papel

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Austrália Curiosidades Tudo sobre intercâmbio

Anzac Day: conheça o feriado histórico da Oceania

Fala, galera! O Anzac Day é um feriado tradicional da Austrália e Nova Zelândia, que homenageia os soldados que participaram da Primeira Guerra Mundial. Hoje, a comemoração conta com a celebração de diversas tradições, confira abaixo algumas.

Você verá nesta postagem:

  • Anzac Day: o que é e qual a história
  • Tradições e comemorações do Anzac Day
    • The Down Service
    • Anzac Parade
    • Anzac Cookie
    • Anzac Day: a flor de papoula

Anzac Day: o que é e qual a história

Desde 1916 é comemorado o Anzac Day na Nova Zelândia. Celebrado no dia 25 de Abril, a data homenageia a participação do Australian and New Zealand Army Corps (ANZAC), as forças armadas da Oceania.

Juntos, as forças armadas dos dois países enviaram suas tropas para uma expedição no mediterrâneo, na região que hoje é conhecida como a Turquia.

Na época, a Austrália e a Nova Zelândia eram nações recém independentes e ao participar da Batalha de Gallipoli, na Primeira Guerra Mundial, os países se firmaram enquanto autoridades políticas. Basicamente, uma demonstração de força.

A Batalha de Gallipoli durou em média 8 meses, e não acabou bem para o exército ANZAC. Com mais ou menos 10 mil soldados mortos, a bravura dos combatentes deixou um legado grandioso para os Aliados.

Tradições e comemorações do Anzac Day

Após a guerra, a população que ficou em casa, orgulhosa dos combatentes Anzac, saiu em marchas e cerimônias em homenagem aos soldados.

Vigílias ao amanhecer, marchas e memorias começaram a fazer parte das tradições. Porém, foi em 1942, no Australian War Memorial, que ocorreu a primeira celebração formal do Anzac Day na Austrália.

The Down Service

O Down Service ou Culto ao Amanhecer, é uma vigília que acontece durante a madrugada. Por conta da rotina militar adotada durante a guerra, os combatentes costumam se revezar em vigílias no período do amanhecer, por ser mais propício ao ataque dos inimigos.

Assim, durante o Anzac Day, a vigília foi adotada como parte da celebração. Cantorias, recitação de poemas, velas, hinos e textos em homenagem aos Anzacs fazem parte do momento. Por fim, ao amanhecer, os hinos da Austrália e Nova Zelândia são entoados.

Anzac Parade

Anzac Parade em Londres

Além da vigílias, diversas paradas marcam o dia. Na Austrália, a mais importante acontece na capital do país, Camberra – na rua chamada Anzac Parade!

Militares, veteranos e seus familiares desfilam ao longo da avenida, do Gallipoli Reach ao Australian War Memorial.

Se você não conseguir vivenciar o Anzac Day no seu intercâmbio, vale a pena conferir o Australian War Memorial.

Anzac Biscuit

Durante a Primeira Guerra Mundial, as famílias dos soldados Anzac enviavam alimentos para reforçar na dieta. Porém, com o tempo de viagem dos alimentos e falta de refrigeração dos alimentos, foi necessário desenvolver algo mais “resistente”.

Assim, surgiram os biscoitos Anzac. Com ingredientes nutritivos e simples como aveia, açúcar, farinha de trigo, côco ralado, manteiga, golden syrup (um tipo de xarope açucarado), bicarbonato e água; o biscoito dos soldados serviu como um mantimento essencial.

Anzac Biscuits

Hoje, durante as celebrações do Anzac Day na Austrália, é comum encontrar esses biscoitos. Remetendo à infância de muitos, os biscoitinhos crocantes são uma delícia!

Anzac Day: a flor de papoula

Talvez o símbolo mais conhecido do Anzac Day sejam as papoulas. Do inglês, poppies, ou flanders poppy, as flores são colocadas em memorias de guerra e no túmulo daqueles que voltaram vivos ao país após a Guerra.

Normalmente, as flores utilizadas para homenagear não são flores “naturais”, e sim representações feitas com papeis ou tecido. Sempre vermelha, representando o sangue derramado nos campos de batalha.

Seja no Anzac Day ou no Memorial Day em novembro, você poderá ver essas flores colorindo a Austrália e Nova Zelândia. E apesar de remeter um momento de tristeza, é um cenário belíssimo de presenciar!

Postagens que você também pode gostar de ver:

Como morar na Austrália em 2022: conheça a melhor forma de imigrar
Morar na Austrália: 5 curiosidades que você precisa conhecer (Parte 1)
Como trabalhar na Austrália em 2022: profissões em alta no país

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Estude um idioma fora do Brasil Tudo sobre intercâmbio

Intercâmbio ou curso de inglês: como atingir a fluência mais rápido | Prós e Contras

Fala, galera! Tá na dúvida entre fazer um curso de inglês no Brasil ou intercâmbio? O que muita gente não sabe é que uma coisa não precisa anular a outra. A verdade é que é possível fazer o curso de idiomas online em instituições renomadas no mundo todo – tudo isso em conjunto com seu intercâmbio para o destino dos seus sonhos. No post de hoje vamos explicar direitinho como isso funciona.

Você verá nesta postagem:

  1. Curso de inglês no Brasil ou intercâmbio?
  2. Intercâmbio ou curso de idiomas: prós e contras
  3. Faça os dois: estude no Brasil enquanto se prepara para o intercâmbio

Curso de inglês no Brasil ou intercâmbio?

Existem milhares de cursos de inglês espalhados pelo Brasil atualmente, porém, segundo pesquisa divulgada pelo British Council apenas 5% da população brasileira sabe se comunicar no idioma, sendo apenas 1% dessa parte da população realmente fluente. Os números não batem, né?

E por que isso acontece? Bom, grande parte dessas escolas se mantém ao estilo “tradicional” de ensino, que não atende mais a demanda dos estudantes brasileiros e esquecem de incentivar a comunicação e autonomia do aluno.

Outro problema de muitas escolas de idiomas no Brasil é o baixo investimento na contratação de professores qualificados – além de não fornecerem formação contínua para esses profissionais, como afirma pesquisa do British Council. Ai fica difícil de manter o alto nível prometido, né?

Em contrapartida, durante um intercâmbio você estará aprendendo e colocando em prática o que aprende todos os dias, em tempo integral.

No caso de fazer um intercâmbio onde vai estudar o idioma em escolas de idiomas, você estará aprendendo com pessoas que vivem o que ensinam. Sem contar com os colegas de classe, estrangeiros do mundo inteiro que buscam o mesmo que você: poder se comunicar de forma efetiva e inteligente no novo idioma.

Intercâmbio ou curso de idiomas: prós e contras

Além da questão do aprendizado, uma coisa que pesa muito na hora de fazer a escolha entre estudar no Brasil ou fazer um intercâmbio é o preço. Com base no nosso banco de dados e informações recolhidas na internet, fizemos uma tabela para te guiar:

IntercâmbioCurso de idiomas no Brasil
Imersãotempo integraldurante as aulas (2h/semana)
Nível dos professoresnativos ou proficientes (C2)diversificado (intermediário ao avançado)
Diferencialtroca cultural, enriquecimento do currículo (certificado e hard skills)certificado de conclusão de curso
Investimento
R$ 7.000,00 (1 mês, tudo incluso*)
R$ 354,00 x8
*Incluso: curso de inglês no país de 15 a 20h/semanais, matrícula, material, hospedagem no país e seguro saúde e viagem

O investimento citado acima em relação ao curso no Brasil tem como base a matéria da Veja de 2019, os valores podem ter sido alterados com o decorrer dos anos. Em relação ao valor do intercâmbio, ele se refere a um intercâmbio de 4 semanas em Malta, na Europa – de acordo com nossos bancos de dados aqui na Dreams. Confira mais sobre Malta e a experiência incrível que o país proporciona aqui.

Faça os dois: estude no Brasil enquanto se prepara para o intercâmbio

Aqui na Dreams ainda é possível estudar o idioma online enquanto está no Brasil, para sair do básico e colocar seu inglês em prática, te deixando preparado para quando chegar o momento da tão esperada viagem.

Assim, você une o útil ao agradável. Ao chegar no país você continua suas aulas na escola, presencialmente, e ainda curte a cidade.

Algumas das escolas que proporcionam essa dupla experiência são:

Vale lembrar: independente de qual opção você escolha, é importante ter em mente que o grande diferencial será você e a dedicação que você vai colocar em aprender. Ter em mente seus objetivos e prioridades vai te ajudar a se manter firme no caminho da aprendizagem.

Curtiu o conteúdo? Fica mais um pouco e não deixe de conferir nossas redes sociais para estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Dreamers pelo mundo Tudo sobre intercâmbio

Como funciona o Intercâmbio: tudo que você precisa saber pra se planejar

Fala galera! A gente sabe que viajar e morar em outros países é o sonho da maioria dos brasileiros e hoje trouxemos todas as informações que você precisa saber antes de dar o primeiro passo para seu intercâmbio.

O que você verá nessa postagem:

  • O que é intercâmbio?
  • Como o intercâmbio funciona?
  • Como fazer um intercâmbio?
  • Quais os tipos de intercâmbio e quem pode fazer?
    • Intercâmbios de Idiomas
    • Intercâmbios Missionários e Voluntários
    • Intercâmbio High School / Ensino Médio
    • Intercâmbio em família
    • Winter e Summer Camps
    • Intercâmbio Profissionalizante e vocacional
    • Graduação e Pós-graduação no exterior
  • Quanto custa fazer um intercâmbio?

O que é intercâmbio?

O intercâmbio é uma prática que se iniciou no século XIX, na Europa, com o objetivo de ampliar a visão de mundo e tornar mais independentes os jovens da época. De lá pra cá, ele vem se moldando a diferentes realidades e sonhos.

Entendemos que o intercâmbio é uma chave que abre portas para novos mundos: empregos melhores dentro e fora do Brasil; aprendizados mil com pessoas do mundo inteiro; e habilidades que apenas um intercâmbista conseguiria desenvolver. Sabe aquele primo que fez um intercâmbio e voltou de viagem mais aberto, maduro, cheio de história pra contar? Não é à toa, viu!? Pode confiar e continuar lendo que hoje nós vamos tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto e te ajudar a se planejar.

Viajar sozinha: 5 melhores destinos ao redor do mundo

Como o intercâmbio funciona?

Tudo vai depender dos seus objetivos. A ideia principal é que exija uma troca cultural. Seja um intercâmbio de trabalho, estudos ou férias, você voltará pra casa com a mala cheia de memórias e aprendizados únicos.

Mas, pra matar a curiosidade, um passo a passo bem padrão para um intercâmbio educacional seria:

Estudante se matricula em curso no exterior através de uma agência no Brasil.

Categories
Curiosidades Estude e trabalhe no exterior Estude um idioma fora do Brasil França Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio

O que ninguém te conta sobre o intercâmbio na França

O Intercâmbio na França é uma das melhores escolhas que você pode fazer na vida, principalmente por ser em um país da Europa. Mesmo assim, sabemos que você pode ter algumas dúvidas sobre como pode ser a sua experiência em um dos países mais históricos e aconchegantes do planeta. Por isso, preparamos um post completo para não deixar dúvidas sobre o intercâmbio na França. Confira abaixo:

Como é o intercâmbio na França

Como nós sempre abordamos por meio de outros posts aqui no blog, o tipo de intercâmbio influencia completamente como será a sua experiência no país que você escolher. Por isso, é importante que você saiba quais são os tipos de intercâmbio que a França pode oferecer para você.

Assim como em outros países que valorizam a educação internacional, o intercâmbio na França tem tipos e algumas exigências. Abaixo, entenda os tipos de intercâmbio na França e como melhorar o seu francês para conseguir alcançar o nível recomendado.

Escolas de idioma

As escolas de idioma são responsáveis pelo grande volume de alunos que fazem intercâmbio todos os anos, principalmente pelo aproveitamento que o estudante consegue ter com o desenvolvimento da língua escolhida.

Um dos maiores benefícios de se estudar um idioma em outro país é a possibilidade de poder trabalhar enquanto estuda no país, sem aquela pressão de ter uma vida acadêmica cheia de projetos e obrigações que podem fazer da sua vida um pouco mais complicada. Por isso, as escolas de idioma são tão procuradas para intercâmbio. 

Intercâmbio na França: museu do Louvre

Universidade

Quem nunca sonhou em fazer um intercâmbio para uma universidade na Europa? Bom, se você nunca sonhou com isso, deveria começar, pois ter no currículo uma universidade europeia, ou melhor, francesa, significa colocar o seu currículo no topo do mercado de trabalho mundial. 

As universidades francesas são responsáveis pelas graduações de ensino superior, mestrado, doutorado e também pelos projetos de pesquisa. Então se você busca um diploma internacional ou iniciar o seu projeto de pesquisa na Europa, especificamente na França, esse é o intercâmbio ideal para você.

Melhore o idioma para o intercâmbio na França

E já que falamos sobre as escolas de idioma, lembre-se que essa é uma parte muito importante do intercâmbio na França, pois em caso de querer fazer uma graduação ou mestrado, será necessário um nível de francês B1 ou B2. Em cursos mais específicos e que exigem um pouco mais de conhecimento da língua, pode ser necessário o nível C1 ou até mesmo C2.

“O que eu posso fazer para comprovar o meu francês?”

Não se preocupe, existem provas oficiais de proficiência em francês aqui no Brasil, sendo elas o DELF, DALF, TCF e TEF. Abaixo, entenda o que são e as diferenças entre eles:

DELF

O DELF ou Diplôme d’Etudes en Langue Française, é um diploma vitalício adquirido por estudantes do ensino intermediário francês.

DALF

O DALF ou Diplôme Approfondi de Langue Française, assim como o DELF, também é um diploma vitalício, mas com o diferencial de ser adquirido apenas por estudantes de nível avançado na língua francesa.

Ponte em Paris

TCF 

O TCF ou Test de Connaissance du Français é um atestado que dura até 2 anos, sendo necessário que o estudante renove a sua validade por meio de outro teste de proficiência. 

TEF

Bom, o TEF, ou Test d’Evaluation de Français, funciona da mesma forma que o TCF, com o diferencial de que ele é um atestado com apenas 1 ano de duração.

O que fazer durante o seu intercâmbio na França?

Agora vamos dar uma pausa nos termos técnicos e sobre como estudar na França será incrível. Vamos lembrar agora sobre o quanto a sua diversão também é importante para completar a experiência do seu intercâmbio na França, que além de ser um país conhecido mundialmente por uma certa torre, também tem outros pontos fortes para oferecer como diversão para o estudante estrangeiro.

O seu intercâmbio na França precisa ser o melhor possível e a gente sabe disso. Por isso, confira abaixo alguns lugares que você poderá conhecer na França enquanto estiver fazendo o seu intercâmbio, seja ele numa universidade ou numa escola de idioma:

Torre Eiffel (Com um adicional)

Certo, certo, eu sei que você provavelmente já sabe da Torre Eiffel, que ela é um dos pontos turísticos mais visitados do mundo e o grande símbolo de Paris. Mas, você já visitou a Torre Eiffel durante o pôr do sol? É uma das coisas mais bonitas que os olhos humanos podem presenciar. Por isso, não perca tempo e faça essa escolha “óbvia”, pois de fato você não irá se arrepender.

Torre Eiffel

O palácio de Versalhes

Conhecer a história de um país não significa apenas visitar os museus e apreciar as suas obras, pois existem milhares de lugares históricos que você pode visitar enquanto revive o que já aconteceu naquele lugar.

Esse é o caso do Palácio de Versalhes (ou Château de Versailles para os íntimos), um castelo que representa o reinado da França absolutista e a vida dos reis daquela época. Visite o castelo e aprenda sobre a França enquanto aproveita um castelo histórico.

Palácio de Versalhes

Monte Saint-Michel

Este ponto é algo que você definitivamente não deve deixar passar enquanto estiver na França, pois além de parecer uma estrutura saída de dentro dos livros antigos, o Monte Saint-Michel é um verdadeiro espetáculo visual à noite.

Monte Saint-Michel

Coberto por água ao seu redor e ligado ao continente por uma passarela de 2km, o Monte Saint-Michel foi construído como uma homenagem ao Arcanjo São Miguel, retratado em uma estátua de pedra que fica no topo do local. Mas não se engane, não estamos falando de um castelo. Estamos falando de uma abadia, um mosteiro e uma vila medieval.

É uma experiência de 3 em 1, onde você pode aproveitar tudo em um único local e ainda observar as marés da França.

Chegando até aqui, eu aposto que você se interessou por fazer o seu intercâmbio na França, melhor ainda se quiser viver uma experiência incrível no país para seguir o caminho dos seus sonhos. Se você ainda não sabe como seguir este caminho ou tem alguma dúvida, clica no botão abaixo e nós vamos retornar o mais rápido possível com as respostas que você precisa!

Gostou deste post? A Dreams sabe que você tem muita vontade de aprender sobre o destino dos seus sonhos, por isso temos um blog cheio de conteúdos sobre a cultura, custo de vida, curiosidades e notícias sobre diversos países. Acesse o nosso blog e fique a vontade para consumir mais conteúdos como esse!

Categories
Alemanha Estude e trabalhe no exterior Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio

Por que estudar na Alemanha: 5 motivos que fazem o país tão incrível

Estudar na Alemanha é o sonho de todo intercambista que deseja melhorar o seu currículo em vários níveis, seja dentro da Alemanha, no Brasil ou em qualquer lugar do mundo.

Mesmo assim, é comum que os viajantes se sintam um pouco acanhados em estudar na Alemanha, por não saberem qual é o seu potencial como um ótimo país para trilhar a sua história educacional. Sendo assim, confira apenas algumas da várias vantagens desse país:

Estudar na Alemanha é investir no seu futuro

Algumas pessoas costumam enxergar a Alemanha como um grande país, mas ainda não entendem todo o potencial que o país tem a oferecer em diversos setores.

Na educação, o país é um dos gigantes mundiais que mais recebem estrangeiros que desejam potencializar o seu currículo por meio da educação.

Estudar na Alemanha é apostar no futuro

No ranking da Top Universities, a Technical University of Munich ocupa a 50ª posição de um ranking mundial, enquanto a USP – Universidade de São Paulo ocupa a posição 115 no ranking. A USP é um orgulho nacional para o Brasil, mas nessa comparação nós conseguimos entender a diferença do nível educacional entre os países.

Estudar Fora: checklist com 10 itens pra estar em dia antes de estudar no exterior

Portanto, se você deseja aumentar o seu nível educacional e triplicar as suas chances de ingressar no mercado de trabalho não apenas alemão, mas mundial, é recomendável que você comece a arrumar as suas malas, pois a Alemanha é um país incrível para se ter no currículo.

Faça intercâmbio na maior economia da Europa

Atualmente, o ranking das maiores economias do mundo tem os Estados Unidos como lider absoluto, seguido logo pela China.

Mas acabamos esquecendo que a Alemanha segue esses 2 países à passos largos, sendo a 4ª economia posicionada no ranking. “Mas, o que essa informação tem a ver comigo?”. Para você, intercambista? Tudo.

Gráfico em tela preto e branco

Uma economia estabilizada significa que o país tem plenas condições de oferecer o melhor ao seu povo.

Mas uma potência econômica vai muito além da distribuição de renda, pois além de promover uma qualidade de vida acima da média, a Alemanha consegue manter ótimos salários e mercado de trabalho aquecido, o que é uma ótima notícia para você, estudante que deseja crescer no país e ganhar o salário dos seus sonhos em euro.

Custo de vida na Alemanha em 2022: economize durante seu intercâmbio

Qualidade de vida na Alemanha em 2022

De acordo com a plataforma Numbeo, a Alemanha ocupa em 2022 o 6º lugar em qualidade de vida quando comparada com outros países europeus. Portugal, por exemplo, está em 15º posição no mesmo ranking.

O nível da qualidade de vida de um país é determinado por fatores básicos para a sociedade, como: custo de vida, transporte público, clima, segurança, saúde, poder de compra e outros itens essenciais para a vida comum da sociedade.

A qualidade de vida na Alemanha é incrível

E se a Dreams disse que a Alemanha tem tudo isso acima da média, temos que provar, certo? Pois vamos lá!

Utilizando plataformas especializadas em contabilizar o nível da qualidade de vida dos países, como o Numbeo, temos números:

índicesPontuação (máximo: 240)Grau de Qualidade
Poder de compra99.94alto
Segurança63.09alto
Saúde72.64alto
Clima82.92muito alto
Custo de vida61.63moderado
Relação entre o preço da propriedade e renda10.29moderado
Tempo de deslocamento diário31.07baixo
Poluição28.08baixo
Qualidade de vida na Alemanha177.51Muito alto
Todos estes itens são atualizados e datados de Maio de 2022

Ter segurança ao caminhar pelas ruas, esperar pouco por um ônibus, não sofrer com poluição e ainda poder comprar os seus itens mais desejados, isso tudo é possível na Alemanha.

Graduação na Alemanha: conheça o Studienkolleg, curso obrigatório para estrangeiros

Vivencie uma história incrível 

Como sabemos, a Europa foi um dos continentes que mais influenciou na história de todas as eras da humanidade, e a Alemanha não foi nenhum país coadjuvante.

Estudar na Alemanha: Por que você deveria morar em Berlim?

No período histórico da Segunda Guerra, o acontecimento mais marcante do século XX, a Alemanha foi um dos países protagonistas e que ainda têm partes desse período conservadas, como forma de memorial.

Muro de Berlim

Sendo assim, existem diferentes locais que você poderá visitar enquanto estiver fazendo o seu intercâmbio na Alemanha, dentre eles está o muro de Berlin, um dos grandes marcos do século XX na Alemanha e que representa não apenas o fim da guerra fria na Alemanha, mas também a liberdade de Berlim ocidental.

Lembre-se: a Alemanha é um país enorme, não se limite ao que você já conhece. Explore cada canto do país e tenha mais histórias para contar. Faça do seu intercâmbio um verdadeiro guia para outras pessoas!

Ultrapasse as barreiras da Alemanha

Pode parecer um ponto muito simples, mas as pessoas costumam viajar para a Alemanha com o pensamento de apenas viverem a experiência Alemã, e acabam esquecendo que o país faz parte da União Europeia, assim, consequentemente também esquecem que podem desfrutar de toda a Europa partindo da Alemanha.

Quer conhecer a França? Ou melhor, Paris? Basta partir de Amsterdã, cruzar a Bélgica e rapidamente você estará na frente da Torre Eiffel!

Portão de estrutura alemã

São dezenas de opções de caminhos cruzando outras cidades, de outros países e culturas, um prato cheio para você que ama não apenas viajar, mas aproveitar o seu intercâmbio no mais alto nível.

Intercâmbio e mochilão pela Europa: como conciliar?

Como fazer uma Eurotrip | Principais dicas e dúvidas! – YouTube

E tem mais: quer uma dica de ouro? Viaje com companhias low-cost (companhias aéreas de baixo custo), pois através delas você poderá conhecer toda a Europa e ainda economizar uma grana para outros itens importantes do seu planejamento econômico.

Chegando até aqui eu aposto que você se interessou por fazer o seu intercâmbio na Alemanha, melhor ainda se quiser estudar no país para seguir o caminho dos seus sonhos.

Se você ainda não sabe como seguir este caminho ou tem alguma dúvida, clica no link abaixo e deixe suas informações para contato que falaremos com você o quanto antes.

Quer saber mais sobre a vida fora do Brasil? Confira as postagens abaixo:

Como estudar na Alemanha: conheça o ABITUR

Estudar na Europa: conheça as 5 melhores universidades da Inglaterra

Viajar sozinha: 5 melhores destinos ao redor do mundo

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Curiosidades

Curiosidades culturais da Alemanha para quem tem pressa

“Curiosidades culturais da Alemanha para quem tem pressa” é a nova série de posts aqui da Dreams Intercâmbios, nela nós contamos de uma forma rápida e totalmente informativa sobre as curiosidades culturais que você não sabia sobre um dos países mais importantes da história mundial, a Alemanha. Abaixo, confira 5 curiosidades culturais que você provavelmente não sabia sobre esse país incrível:

O poder musical da Alemanha

Foto da banda alemã Scorpions
Scorpions, uma das bandas mais famosas do mundo / Foto: Gazeta do Povo

Nunca foi tão fácil consumir música hoje em dia, principalmente pelos serviços de streaming que possibilitam cada vez mais essa facilidade de apertar um simples botão para ouvir toda a discografia do seu artista favorito.

Na Alemanha, colocar os fones de ouvido com certeza é motivo de orgulho, pois o país é um dos que mais lançam bandas e artistas mundialmente. Bandas como Rammstein, criada em 1994, ainda são gigantes no mundo da música, assim como Tokio Hotel, que explodiu em 2007 para todo o mundo. E claro, não poderíamos esquecer da banda Scorpions, gigante do heavy metal e conhecida muito bem por nós aqui no Brasil, principalmente por aquele pessoal que viveu o auge da década de 80.

E falando em música, conhece os compositores?

Partitura alemã antiga
As partituras são as ferramentas mais valiosas dos compositores

Ao longo dos anos nós aprendemos e desenvolvemos os nossos gostos musicais de acordo com o que as décadas nos ensinaram. Do Rock ao pop contemporâneo, nós sabemos que os compositores são as grandes mentes por trás de qualquer hit que esteja tocando em nossos fones de ouvido ou em qualquer outro lugar.

Provavelmente você já deve ter ouvido quase todos os nomes que vamos citar, mas você sabia que a Alemanha foi o país responsável por nos dar compositores como Beethoven, Bach, Wagner, Johann Strauss II e muitos outros? Pois é.

Enquanto Bach nasceu na cidade de Eisenach em 1685, em dezembro de 1770 nascia Beethoven na cidade de Bonn, onde há o museu utilizando a sua própria casa. Richard Wagner nasceu no leste da Alemanha, mais precisamente na Lipsia, em 1813.

Sendo assim, se você já ouviu belas canções clássicas como Für Elise, saiba que elas foram criadas e desenvolvidas em solo alemão.

Carnaval na Alemanha tem outro nome

O carnaval  é uma das curiosidades culturais da Alemanha
O carnaval de Cologne tem costumes diferenciados

O carnaval aqui no Brasil é até mesmo motivo para orgulho vindo de algumas pessoas e isso de forma alguma está errado, pois o nosso carnaval é uma das festas culturais mais apreciadas não apenas aqui no Brasil, mas também em todo o mundo.

Na Alemanha também existe um carnaval, mas ao contrário do nosso, ele não acontece em fevereiro e sim em novembro, em um período chamado pelos alemães de “A quinta temporada”, que é declarada aberta quando atingimos 11 minutos das 11 horas do dia 11 de novembro (mês 11). O carnaval alemão entra em hiato durante o período natalino e retorna no dia 6 de janeiro.

O Cologne Carnaval ou Carnaval de Cologne tem seus próprios acontecimentos e nomeações, onde algumas pessoas são especialmente designadas como: O Príncipe, O Fazendeiro e A Virgem. Juntos, essas três pessoas são o triunvirato de Cologne, sendo o governo do povo louco durante todo o período da festa.

Quer fugir da prisão? Tente sem medo!

Foto de arame farpado em uma prisão
As prisões na Alemanha tem uma peculiaridade

Você com certeza já viu séries e filmes sobre a vida na prisão, assim como documentários que relatam a grande dificuldade que é sobreviver em qualquer cárcere privado, principalmente em países mais rígidos. Nessas produções é muito comum que a história envolva a fuga do protagonista e a sua grande punição em caso de falha.

Porém, na Alemanha isso é bem diferente e não existe nenhuma punição para aqueles que buscam a liberdade antes do cumprimento total da sua pena. “Mas, por que?”. Por uma simples questão: o governo da Alemanha acredita que a liberdade é um instinto básico do ser humano.

O primeiro livro foi impresso na Alemanha

Livros antigos em uma estante
O primeiro livro foi inventado na Alemanha e revolucionou o mundo

Hoje em dia existem diversas formas de leitura, assim como os formatos de consumo para determinadas histórias, as possibilidades são cada vez maiores e com certeza não temos mais problemas quando o assunto é ler sobre o que a gente gosta. Mas, já pensou em como era o sistema de impressão dos livros há alguns séculos atrás?

Antes da invenção da imprensa, você já deve imaginar que o trabalho de produção para um livro era no mínimo complexo, e de certa forma ele era, mas a sua maior característica era a dificuldade manual, pois um codex demorava 1 mês para ser escrito e todo o processo era feito a mão, com escrita cursiva e utilizando uma pena (haja mão, hein?). Mas tudo isso mudou depois de uma certa invenção alemã.

Na idade média, mais precisamente no século XV, o primeiro livro impresso ganhou o mundo. A Bíblia em Latim foi produzida a partir da invenção de Johannes Gutenberg, que criou uma técnica de impressão utilizando caracteres móveis, o que fazia necessário apenas que Gutenberg alterasse a localização das letras e pontuações, tornando o processo de escrita manual e da pena com tinta obsoleto, o que revolucionou o mundo desde então.

Grande parte da Alemanha é verde

As curiosidades culturais da Alemanha incluem a floresta negra
Castelo de Neuschwanstein

Se você gosta de ar puro e principalmente de ambientes mais abertos, a Alemanha é perfeita para você, já que mesmo tendo uma grande população, o país é dominado pelo verde das suas florestas e parques. Não só as pessoas que visitam, mas também as que vivem na Alemanha, costumam dizer que andar pelo país é como estar caminhando por um parque gigante.

Sendo assim, caminhar pela cidade se torna um grande entretimento de baixo custo, principalmente se você se importa com um baixo custo de vida.

Quer fazer um passeio mais arborizado? A Floresta Negra do estado de Baden-Württemberg é um dos points mais procurados por quem gosta desse tipo de programa para entretenimento. E o passeio pode ficar melhor ainda se você conhece o trabalho dos Irmãos Grimm, que utilizavam a floresta negra como lugar de acontecimento de seus contos.

Gostou deste post? A Dreams sabe que você tem muita vontade de aprender sobre o destino dos seus sonhos, por isso temos um blog cheio de conteúdos sobre a cultura, custo de vida, curiosidades e notícias sobre diversos países. Acesse o nosso blog e fique a vontade para consumir mais conteúdos como esse!

Chegando até aqui, eu aposto que você se interessou não apenas por estudar sobre a Alemanha, mas também, com certeza, por conhecer o país pessoalmente, melhor ainda se quiser estudar no país para seguir o caminho dos seus sonhos. Se você ainda não sabe como seguir este caminho ou tem alguma dúvida, clica neste link e nós vamos retornar o mais rápido possível com as respostas que você precisa!