Categories
Tudo sobre intercâmbio Vistos e documentações

Tudo sobre visto na Irlanda: quais os tipos, custos e como solicitar

Fala, galera! Pensando em fazer seu intercâmbio para Irlanda mas está na dúvida sobre como funciona o processo de visto? Nesta postagem falaremos se brasileiros precisam de visto para entrar no país, quais os tipos de visto e todas as documentações necessárias.

Você verá nesta postagem:
1. Brasileiros precisam de visto pra entrar na Irlanda?
2. Visto na Irlanda: quais os tipos de visto? (e requisitos)
3. Por que fazer intercâmbio na Irlanda?

Brasileiros precisam de visto pra entrar na Irlanda?

Em Julho de 2021 o governo irlandês autorizou a entrada de estudantes e turistas brasileiros sem visto. A medida é válida para aqueles que pretendem ficar até 3 meses (90 dias) no país.

Caso seu intercâmbio tenha uma duração mais longa que 3 meses, você deverá solicitar o visto adequado quando já estiver na Irlanda.

Porém, mesmo sem precisar de um visto para entrar no país, alguns documentos são importantes. Tenha em mãos ao pousar na Irlanda:

  1. Passagem de volta;
  2. Passaporte válido por seis meses (no mínimo);
  3. Seguro-viagem;
  4. Comprovação financeira* (com um extrato de conta bancária estrangeira, extrato de cartão pré-pago ou de instituição irlandesa);
  5. Reserva em hotel ou carta-convite da residência em que irá ficar;

Visto na Irlanda: quais os tipos de visto?

O Serviço Irlandês de Naturalização e Imigração (INIS) tem uma lista de vistos para estrangeiros como o de turista, trabalho, casamento, união familiar, e mais. Falaremos um pouco sobre os principais vistos e tudo que você precisa para tirar o seu.

Nota: se você estiver pensando em ir para a Irlanda do Norte, saiba que essa região faz parte do Reino Unido (UK). Por isso, as regras para ingresso seguem as de outros países como Inglaterra e Escócia.

Os vistos irlandeses são divididos em 3 grupos principais:
1. Visto de estudante (Stamp 2 e 2A)
2. Visto de trabalho
3. Visto de permanência

Abordaremos os vistos de estudo e trabalho a seguir.

Visto de estudante (Stamp 2)

Para estudantes brasileiros que desejam estudar na Irlanda mais de 90 dias, o visto aconselhado é o Stamp 2, com prazo de expiração de 8 meses. Ainda é possível renovar esse visto duas vezes, permanecendo um total de dois anos na Irlanda enquanto estudante de idiomas.

Com este visto irlandês você poderá frequentar aulas regularmente e trabalhar até 20h/semanais durante o período de aulas. Durante as férias do curso, a carga horária de trabalho poderá ser duplicada, chegando a 40h/semanais.

Requisitos para tirar visto de estudante na Irlanda

Só é possível tirar o visto de estudante na Irlanda se o aluno estiver matriculado em um curso de no mínimo 25 semanas de duração, com carga semanal de pelo menos 15h/semanais.

Os documentos necessários são:
1. Carta da escola em que estudante está matriculado;
2. Comprovante de pagamento do curso
3. Ter seguro governamental ou médico privado de uma empresa irlandesa;
4. Comprovação financeira de 3000 mil euros;
5. Comprovação de endereço;
6. Prova de que escola tem o Learner Protection;
7. Tenha em mãos 300 euros para seu registro do Irish Residence Permit (IRP)

Após sua chegada no país você terá até 3 meses para se organizar em relação as documentações e iniciar o processo de solicitação de seu visto.

Importante: É essencial que a instituição de ensino seja reconhecida pelo governo irlandês. Caso queira conhecer mais sobre as melhores escolas irlandesas, entre em contato com nossos consultores aqui.

Visto de trabalho (Stamp 1)

Se sua intenção é aplicar para um visto exclusivamente de trabalho na Irlanda vai precisar de uma oferta de emprego, a famosa “job offer”. Apenas com esse documento em mãos você poderá aplicar para dar entrada no processo de aplicação que começa com o preenchimento deste formulário online.

Fica a dica: fazer um intercâmbio de estudo de 25 semanas é um dos melhores caminhos para conseguir um emprego no país e, ao final, sua job offer!

Lembrete: Para solicitar o visto de estudante ou trabalho na Irlanda você deverá estar no país.

Clicando aqui você pode acessar uma plataforma que vai te direcionar para a unidade mais próxima de onde você estiver. Apenas assim você conseguirá ficar no país por mais de 3 meses.

Por que fazer intercâmbio na Irlanda?

Seja uma escola de idioma, um college ou uma universidade, você merece o melhor – e a gente sabe disso. E nesse assunto, a Irlanda é uma ótima escolha, pois são centenas de instituições credenciadas, recebendo milhares de alunos estrangeiros todos os anos, que desejam desenvolver as suas carreiras internacionalmente.

Por exemplo, fazendo o seu intercâmbio na Irlanda e sendo um estudante de tecnologia no país, você se torna a mão de obra qualificada que o país precisa, sendo um profissional que estará pronto para o mercado de trabalho das grandes empresas que estão no país. Trabalhe no Google, Facebook ou LinkedIn e faça do seu currículo um dos mais disputados do mundo!

Você também pode curtir:
5 vantagens de fazer intercâmbio na Irlanda
Intercâmbio ou curso de inglês: como atingir a fluência mais rápido 
Estudar Fora: checklist com 10 itens pra estar em dia antes de estudar no exterior

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.
Categories
Austrália Notícias

Estudar na Austrália: conheça as 3 melhores escolas de inglês pra você

Fala, galera! Estudar inglês no exterior é um dos caminhos mais rápido para a fluência – e, com certeza, o mais divertido. Falaremos aqui sobre 5 escolas incríveis e o que elas oferecem para você. Ao final, ainda preparamos uma checklist completa pra te ajudar na hora de tomar essa decisão.

  1. ILSC
  2. OHC
  3. Gold Coast Learning Centre
  4. Checklist: Como escolher a melhor escola de inglês?

ILSC

A ILSC é uma escola com base em diversos países, inclusive na Austrália. A escola oferta cursos de idiomas, como inglês, francês ou hindi, e também cursos profissionalizantes nas áreas de negócios e hotelaria.

Dentro da escola, os professores são todos certificados, graduados em boas universidades e com uma vasta experiência no ensino de inglês enquanto segunda língua.

A escola oferece um plano de aprendizagem personalizado, onde o aluno tem a oportunidade de adaptar adaptar as aulas a sua rotina e ao que funciona melhor para ele.

Na Austrália, os campus estão localizados nas cidades de Sydney e Melbourne. Espaços integrados e que buscam promover a colaboração entre a comunidade acadêmica, permitem que uma das escolas mais multiculturais ao redor do mundo desenvolva atividades extracurriculares ricas para o currículo e vida pessoal do aluno.

E se você sonha em estudar em uma universidade ou college na Austrália, a ILSC oferece o programa Pathway, um curso de inglês desenvolvido para estrangeiros que desejam fazer um curso superior no país. Você pode descobrir mais sobre o programa aqui

OHC

Localizada nas cidades de Sydney, Melbourne, Brisbane, Gold Coast e Cairns, a OHC oferece cursos de inglês, e preparação para provas de proficiência como IELTS e CELTA. A escola de inglês também conta com o programa Pathway.

Os professores e equipe pedagógica são preparados para receber e guiar alunos do mundo inteiro durante suas jornadas de aprendizagem. Em salas pequenas, que comportam no máximo 16 alunos, é possível criar relações mais estreitas e expandir as possibilidades de aprendizagem.

Os centros são localizados em áreas centrais das cidades, facilitando o seu acesso ao transporte público e principais ponto turísticos.

Gold Coast Learning Centre

A GCLC é literalmente localizada no paraíso. A apenas alguns minutos andando da praia no Surfers Paradise, a escola tem como grande diferencial sua cultura que combina educação de alta qualidade e o estimulo a um estilo de vida que busca mais liberdade e diversão.

O clima dentro do campus é leve e as instalações são equipadas com alta tecnologia, visando uma aprendizagem mais interativa.

Dentro dos cursos de idiomas, você pode fazer um preparatório para o IELTS ou de um inglês mais “geral”.

E para conectar ainda mais a comunidade acadêmica, o campus possui uma área externa para churrasco, cozinha, laboratório com computadores. Todo o espaço sendo climatizado.

Checklist: como escolher a melhor escola de inglês?

Escolher uma escola de inglês para estudar na Austrália pode ser uma missão mais fácil do que você imagina.

Confira a checklist abaixo:

  1. A localização da escola

    Qual estilo de vida você está procurando durante seu intercâmbio? Pesquise sobre a cidade e bairro onde a escola está localizada e veja se faz sentido com suas necessidades

  2. Quem são os professores e alunos?

    Qual o nível de formação dos professores? Eles estão preparados para lidar com a demanda de um aluno estrangeiro? E os ex-alunos, estão satisfeitos com sua jornada na escola? A escola tem orgulho desses alunos?

  3. As turmas e a estrutura da escola

    As turmas são muito grandes? Como é a estrutura da escola? Possui um bom espaço de convivência? As salas são climatizadas?


Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Estude e trabalhe no exterior

Como conseguir emprego no Canadá: 5 dicas para se destacar nos processos seletivos

Fala, galera! Conseguir uma vaga de emprego no Canadá pode ser mais simples do que você imagina. Seja morando no país ou estando no Brasil – trabalhando de casa – nossas dicas vão te ajudar a se destacar nos processos seletivos, pode ter certeza!

Como conseguir emprego no Canadá?

Para conseguir um emprego no Canadá na sua área de atuação é essencial que você esteja preparado e com boas conexões.

Separamos 5 dicas simples de colocar em prática e que vão te impulsionar, sem dúvidas!

Profissões em alta no Canadá em 2022

Esteja com o inglês em dia – e a gente te diz como!

Antes de aplicar para vagas de emprego no Canadá é importante estar com o inglês ou francês desenferrujados.

Isso porque, independente da área em que você deseje trabalhar, o contato com pessoas e informações dentro dos idiomas é inevitável – e não dá pra se apoiar no Google Tradutor pra sempre, né?

Temos um guia completinho sobre como estudar inglês em casa, tanto para iniciantes quanto pra quem só quer dar aquela desenferrujada. O post ainda pode ser uma ajuda para quem quer estudar outros idiomas como o francês, segundo idioma oficial do Canadá. Confira o guia aqui.

A primeira impressão é a que conta

Para aplicar para uma vaga de emprego no Canadá é necessário ter um bom currículo e cover letter atualizados em mãos.

Na produção do seu currículo para vagas de emprego no Canadá, foque em mostrar os motivos pelos quais você pode ajudar a empresa. Ao invés de listar suas funções, fale sobre as metas atingidas. Os benefícios que você trouxe as empresas em que trabalhou antes.

No Canadá, o currículo deve conter as informações pessoais pra contato, um sumário com suas experiências profissionais (relacionadas a posição para qual você está aplicando) e sua educação. Escreva também algumas linhas resumindo sua jornada profissional e objetivos.

Também é interessante acrescentar habilidades técnicas que agreguem à vaga, e trabalhos voluntários.

Use em seu currículo palavras-chave utilizadas pelos recrutadores no processo de divulgação da vaga. Dessa forma, você será visto como um candidato mais preparado e terá mais chances de ser chamado para uma entrevista.

Cursos em Montreal para quem deseja potencializar o currículo

Quem é visto é lembrado

Para conseguir uma vaga de emprego, no Brasil ou Canadá, é essencial estar em contato com pessoas que atuam em sua área. E plataformas como o LinkedIn são grandes aliadas nesse tópico.

Na plataforma você consegue criar conexões profissionais e estar em contato com o que há de mais recente no mercado.

Ao criar conexões com pessoas e marcas que você admira e/ou que estão inseridos no mercado de trabalho canadense, você pode interagir com comentários em suas postagens. Ou, até mesmo, acrescentar à comunidade com seus artigos autorais.

Não deixe de acrescentar ao seu perfil seu histórico profissional e acadêmico, prêmios recebidos, informações para contato e portfólio, caso exista. Sua introdução é bem importante para atrair boas conexões, por isso, monte uma que seja atraente e concisa.

Estude sobre as vagas

Normalmente, ao iniciar sua carreira em outro país, será preciso começar com cargos mais iniciantes.

É comum que vagas em outros países, como o Canadá, cobrem habilidades e conhecimentos novos para o mercado de trabalho brasileiro. Por isso, comece a pesquisar vagas do seu interesse e os requisitos cobrados.

Você pode conferir vagas no Canadá através de uma pesquisa no Google ou no próprio LinkedIn, que além das vagas te permite conferir o perfil de pessoas que atuam no país.

Aproveite o momento para melhorar seu currículo, tornando-se um candidato desejável e necessário.

Intercâmbio de 1 mês: dicas pra aproveitar as férias no exterior

Como conseguir emprego no Canadá: melhore seu currículo

E se a ideia é melhorar o currículo, pode ser uma boa ideia iniciar um curso profissionalizante ou especialização em um college canadense.

Aqui na Dreams Intercâmbios trabalhamos com grandes instituições de ensino canadenses. Entre em contato com nossos atendentes e descubra os melhores cursos e opções pra você. Pode confiar, te ajudamos a alcançar esse sonho!

Curtiu o conteúdo? Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Dicas de viagem Tudo sobre intercâmbio Vistos e documentações

Como levar dinheiro para o exterior em segurança

Fala, galera! Uma das dúvidas mais comuns de quem está planejando uma viagem para fora do Brasil é como levar dinheiro para o exterior. Nós preparamos este guia completo com as 5 maneiras mais comuns e mais seguras para você levar dinheiro em sua viagem. Ao final do post você poderá comparar todas em uma tabela completinha com vantagens e desvantagens.

O que você verá nesta postagem:

  1. Como levar dinheiro para o exterior de forma segura
    1. Em espécie
    2. Cartão internacional
    3. Cartão VTM
    4. Remessa
    5. Transferências bancária internacional
  2. Resumão: como comprar moeda mais barato

Como levar dinheiro para o exterior de forma segura

Existem algumas formas de levar dinheiro para o exterior, mas o ideal é que você tenha ao menos duas disponíveis, como dinheiro em espécie e um cartão.

Como aqui no Brasil, andar com uma grande quantia de dinheiro nas ruas pode ser perigoso, não apenas pela possibilidade de furtos mas também pela chance de perder.

Por isso, separamos as 5 melhores maneiras de levar dinheiro para o exterior, com suas vantagens e desvantagens, para que você possa escolher as que melhor se encaixam em suas necessidades.

Em nosso canal do YouTube temos um vídeo rapidinho que fala um pouco sobre o assunto que será abordado nesta postagem. Você pode conferir esse vídeo clicando aqui.

Em espécie

Levar dinheiro em espécie – também conhecido como dinheiro vivo ou cash em inglês – é importante, sempre. Alguns locais podem não aceitar cartões, e por isso é interessante ter sempre uma pequena quantia em mãos.

Dito isto, a melhor forma de comprar papel moeda – e economizar também! – é comprando aqui no Brasil em uma casa de câmbio, que podem ser encontradas em diversos locais, como shoppings, por exemplo.

A taxa de IOF (Imposto de Operações Financeiras) para compra de papel moeda em uma casa de câmbio aqui no Brasil é de 1,1%, somado a comissão da corretora, que muitas vezes é mais baixa do que as cobradas por bancos.

Observação: segundo regra estabelecida pela Receita Federal, você só pode levar até 10 mil reais convertidos em moeda estrangeira sem precisar fazer uma declaração.

Simulação de uma compra de papel moeda em casa de câmbio no Brasil

Vamos supor que você queira comprar USD$1.000,00 (mil dólares americanos) aqui no Brasil. Nesse mesmo dia, a cotação do dólar está aproximadamente R$5,408. Convertendo esse valor os mil dólares em reais chegaria a R$5.408,00

Em uma casa de câmbio a taxa de IOF em cima do valor é de 1,1%. Digamos que a empresa cobre uma taxa administrativa (a comissão da corretora) de R$2,99.

Calculando a taxa de IOF em cima do valor em reais de sua compra (R$5.408,00), você estaria pagando mais ou menos R$59,90 de impostos. Isso somado ao valor total em reais e a taxa administrativa, sua compra de mil dólares teria o valor final de mais ou menos R$5.470,49.

Cartão internacional

O cartão internacional é um cartão comum de banco que funciona em outros países. Possui as funções de débito e crédito, cada uma com suas vantagens e desvantagens.

Alguns bancos digitais oferecem o cartão internacional sem anuidade, como o Neon, o C6, Nubank e o Banco Inter. Porém, é possível ter a opção de cartão internacional através de bancos mais tradicionais.

No cartão internacional você pagará suas compras baseadas no valor da moeda no dia da compra, segundo regra do Banco Central que está vigente desde 2020.

A taxa de IOF é de 6,38% sobre o valor de cada compra. Além disso, muitos bancos cobram uma taxa de serviço de em média 5% em cima do valor de cada compra.

A grande diferença entre o cartão de débito e crédito é em questão do pagamento. No caso do cartão de crédito internacional, você só pagará no dia de pagar a fatura.

Cartão VTM

O Cartão VTM ou apenas o Travel Card é o famoso cartão pré-pago. Ele pode ser solicitado em um banco ou casa de câmbio aqui no Brasil.

O valor da moeda que será pago pode depender de casa empresa. Em alguns casos, o valor é o do dia em que você carrega seu cartão. Outras, cobram de acordo com o dia da compra. Por isso, é bom ficar atento e confirmar isso na corretora ou banco.

Sendo um cartão pré-pago ele funciona como um cartão de débito. A taxa de IOF é de 6,38% sobre o valor carregado.

Como levar dinheiro para o exterior: remessa

A remessa ou transferência online, é o envio de dinheiro de um país para outro. Essa transferência é feita online e muito utilizada por empresas e pessoas físicas.

É possível realizar a remessa através de bancos, Correios ou de plataformas onlines. Neste tópico focaremos apenas na remessa realizada por plataformas como a Remessa Online , Wise ou PayPal.

As taxas envolvidas na remessa normalmente são:

  • Taxa de câmbio;
  • Custo da operação;
  • IOF, que com plataforma online costumam ser na faixa de 0,38% para contas de titularidade diferente e de 1,1% para mesma titularidade;
  • Taxa bancária, tarifa de utilização do sistema bancário para transações pra outros países

A remessa internacional através de plataforma online costuma levar 1 dia útil após pagamento para ser concretizada.

Transferências bancária internacional

A transferência bancária internacional é uma forma segura de levar dinheiro para o exterior, mas que fica em desvantagem por conta das várias taxas que os bancos costumam cobrar.

Dependendo do banco, essa transferência pode ser feita pelo próprio aplicativo ou em uma agência, presencialmente.

Uma transação bancária internacional geralmente leva de 2 a 4 dias úteis para ser concretizada. 

Resumão: como comprar moeda mais barato

Como falamos mais acima, os 5 caminhos que mostramos de levar dinheiro para o exterior são seguros e possuem suas vantagens e desvantagens.

Para que sua viagem seja proveitosa, é interessante utilizar ao menos 2 formas de levar dinheiro para fora do Brasil.

Por isso, nós montamos uma tabela para que você possa analisar melhor e decidir as maneiras que mais fazem sentido com suas necessidades.

tempo de transaçãoIOFtaxa de serviçooutras taxas
Em espécieimediato1,1%R$ 2,99* não
Cartão internacionalimediato6,38% (por compra)anuidade do cartão ou 5% do valor da compranormalmente não
Cartão VTMimediato6,38% (sobre valor carregado)depende do banco/corretorataxa de saque
Remessaaté 24h0,38% a 1,1%depende do banco/empresasim
Transferência bancária internacional2 a 4 dias úteis0,38% a 1,1%simtaxa de envio + SWIFT + margem de lucro sobre câmbio
valores médios*

Você também pode gostar:
Custo de vida em outros países
Brasileiros na Austrália: fronteiras abertas | Saiba como imigrar
Intercâmbio ou curso de inglês: como atingir a fluência mais rápido

Curtiu o conteúdo? Fica mais um pouco e não deixe de conferir nossas redes sociais para estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Dicas de viagem Tudo sobre intercâmbio

7 lugares para conhecer no Canadá em 2022: como viajar para o país da Maple Leaf

Fala, galera! Pensar em 7 lugares para conhecer no Canadá foi uma missão complicada, até porque o país é lotado de paisagens encantadoras. O Canadá é considerado um melhores países para se morar, tomando a frente quando o assunto é a qualidade de vida. E é a natureza que envolve as cidades um grande “causador”.

Você verá nesta postagem:

  1. CN Tower
  2. Stanley Park
  3. Royal Ontario Museum
  4. Moraine Lake
  5. Fairmont Le Châteus Frontenac
  6. Whistler Blackcomb
  7. Lugares para conhecer no Canadá: Ilha do Príncipe Edward
  8. Como viajar para o Canadá?

Mas, se você procura uma vibe mais “cidade grande” , cidades como Toronto, Montreal e Vancouver vão parecer o paraíso. Essas metrópoles são agitadas, porém conseguem se mantém limpas e seguras!

Abaixo, separamos os 7 lugares mais imperdíveis – e que vão te ajudar a conhecer diferentes facetas do Canadá!

CN Tower

Se você for a Toronto não pode deixar de dar uma passadinha na CN Tower, ponto turístico mais importante da cidade e um dos mais conhecidos do Canadá!

Com mais de 500m de altura, a terceira torre mais alta do mundo te permite ver a cidade de um novo ângulo: de cima. Inaugurada em 1976, a CN Tower conta com um restaurante 360, que funciona através de um mecanismo que o permite girar.

Para agendar um passeio você pode acessar o site oficial aqui. Caso esteja na dúvida em relação ao restaurante, fica a dica: pode ser uma boa opção para economizar o dinheiro do tour na torre, apesar de seu preços mais altos.

Stanley Park

Situado em Vacouver, capital da Colúmbia Britânica, o Stanley Park é um dos maiores parques urbanos do mundo. Por ser uma cidade cosmopolita, o parque de destaca em meio aos prédios de Vancouver.

Composto de 400 hectares, através do Stanley Park é possível se divertir nas trilhas e praias que compoe o parque.

A visitação fica aberta das 6 da manhãs as 10 da noite e através do site oficial é possível conhecer diversas atividades espalhadas ao redor do maior parque do Canadá!

Royal Ontario Museum

O Museu Real de Ontário expõe arte, cultura e história do mundo inteiro no Canadá. Inaugurado em 1912, o local é um espaço interativo, perfeito para crianças.

Em seu interior é possível ver exposições diversas como de botânica, artes, zoologia e paleotonlogia. É um lugar interessante para apreciar um pouco da cultura indigena canadense, com itens como canoas.

Os ingressos custam CAN$15,50 para estudantes e idosos, e crianças de até 3 anos não pagam. Para adultos o valor é de CAN$17,00.

Moraine Lake

Já pensou em andar de canoa num dos lagos de água mais azuis do mundo? O Moraine Lake, localizado em Alberta do Canadá, é um dos diversos lagos do Parque Nacional de Banff e possui águas azul turquesa, cristalinas, que causam um visual estonteante.

Banhado por águas glaciais, a visita ao Moraine Lake só é possível no verão, por conta de sua pista de acesso que fica inviável no inverno.

Ao conhecer o lago Moraine você não pode deixar de observar a paisagem depois de subir um morro que fica à esqueda da entrada, definitivamente o “spot” perfeito para fotos e admirar suas águas. E se o dia estiver ensolarado, o visual será espetacular!

Para saber mais detalhes sobre o Moraine Lake você pode clicar aqui.

Fairmont Le Château Frontenac

Conhecido como o “hotel mais amado do Canadá”, o Fairmont Le Chateu Frontenac fica na cidade do Quebec, a parte “francesa” do Canadá. Com acomodações de luxo, os móveis e toda a atmosfera remetem a uma Europa de outros tempos.

O hótel é um castelo de 18 andares e mais de 70m de altura. Mesmo que você não fique hospedado no hotel, é um local que vale a pena conhecer de perto.

Art Gallery of Ontario

Em Toronto está localizada a Galeria de Arte de Toronto, uma construção de mais de 45 mil metros quadrados, fazendo desse museu um dos maiores da América do Norte.

Conhecida pelos moradores como AGO, o prédio moderno apresenta a arte canadense e de outros países ao redor do mundo, conectando o presente ao passado de forma criativa. Suas obras são ecléticas e sempre conta com exposições temporárias de tirar o fôlego!

Ainda é possível visitar a galeria pelo período da noite na “First Thursday”. A Galeria de Artes de Toronto fica tomada por um clima festivo na primeira quinta-feira de todo mês, com shows, drinks e um público animado pronto pra curtir.

Caso esteja pensando em dar uma passada por lá, o valor do ingresso é CAN$25,00, com desconto para estudantes, jovens e idosos. Na First Thursday o valor também é mais baixo e mais detalhes você confere aqui.

Lugares para conhecer no Canadá: Ilha do Príncipe Edward

Apesar de ser a província menos populosa do Canadá, a Ilha do Príncipe Edward é um dos melhores lugares para conhecer no país!

Graças ao livro infantil Anne de Green Gables – que recentemente ganhou vida na série Netflix: Anne with an E – a ilha é amada e destino certo de milhares de turistas.

A capital da Ilha é Charlottetown, considerada o local de nascimento do Canadá, por ter sido sede da Confederação Canadense em 1864.

Na primaveira e verão a Ilha do Príncipe Edward fica coberta de flores silvestres, que colorem a paisagem da província pesqueira. Em parte do litoral ainda é possível encontrar dunas, no Golfo de Saint Lawrence, e o farol antigo da ilha, que fica na margem sul, em Point Prim.

Como viajar para o Canadá?

Existem diversas formas de conhecer o Canadá, seja em uma viagem turística ou intercâmbios para estudar o idioma, tanto com curta duração – duas semanas ou 1 mês – como de média e longa.

Conheça mais sobre intercâmbio clicando aqui ou entre em contato com um de nossos consultores especialistas no assunto através deste link.

Você pode gostar também:

Experiência de Intercâmbio para o Canadá
5 benefícios de fazer seu intercâmbio no Canadá
Custo de vida no Canadá em 2022: saiba como será a sua vida no país

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Estude e trabalhe no exterior Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio

SISU 2022: use sua nota do ENEM para estudar fora do Brasil

Fala, galera! Chegou a usar de usar sua nota do ENEM mas ainda está em dúvida entre estudar no Brasil e estudar fora? Hoje trouxemos algumas instituições ao redor do mundo que aproveitam a nota do ENEM para estudantes brasileiros.

Você verá nesta postagem:

  1. Quando abre o SISU 2022?
  2. Como usar sua nota do ENEM 2021 para estudar fora?
  3. Universidades no exterior que aceitam a nota do ENEM

Quando abre o SISU 2022?

O SISU é o Sistema de Seleção Unificada de todas as universidades e instituições públicas do Brasil. Todo ano suas inscrições são abertas no primeiro e segundo semestre, permitindo que estudantes do país inteiro estudem em instituições federais ou estaduais.

As inscrições para a primeira edição do SISU 2022 abrem dia 15 de fevereiro e vão até dia 18. Ao longo desses dias os alunos devem acompanhar a nota de corte em seu curso e instituição de escolha através do site e aplicativo oficial do MEC.

Como usar a nota do ENEM 2021 para estudar fora do Brasil?

Desde 2014 o Inep tem feito acordos com instituições ao redor do mundo, facilitando a entrada de brasileiros nas mesmas.

A nota do ENEM é utilizada, normalmente, como um substituto dos exames normalmente aplicados em países como os Estados Unidos e Portugal. O ideal é que o estudante brasileiro tenha uma pontuação média acima de 600, mas isso pode variar.

Muitas instituições também pedem a realização de um exame de proficiência e outras documentações que você pode conferir aqui.

Universidades no exterior que aceitam a nota do ENEM

Existem diversas universidades e faculdade no exterior que aceitam a nota do ENEM como parte do processo de ingresso do aluno. Lugares como os Estados Unidos, Reino Unido, Canadá, Irlanda, Portugal e França utilizam a nota do exame. Abaixo você pode ver uma tabela com alguns dos países e instituições que fazem parte da lista:

InstituiçãoLocalTeste de proficiência
Universidade do Algarve Faro e Portimão, Portugalnão
Universidade do MinhoBraga e Guimarães, Portugalnão
Oxford UniversityOxford, Inglaterrasim
Bristol UniversityBristol, Inglaterrasim
Universidade de AveiroAveiro, Águeda e Oliveira de Azeméis, Portugalnão
Universidade de CoimbraCoimbra, Portugalnão
Universidade de LisboaLisboa, Portugalnão
Universidade do PortoPorto, Portugalnão
Universidade da MadeiraFunchal, Portugalnão
Toronto UniversityToronto, Canadásim
University College CorkCork, Irlandasim
Universidade da Beira InteriorCovilha, Portugalnão
Universidade dos AçoresPonta Delgada, Portugalnão
Universidade Autônoma de LisboaLisboa, Portugalnão
New York University (NYU)New York, EUAsim
Northeastern UniversityBoston, EUAsim
Temple UniversityPhiladelphia, EUAsim
Universidade PortucalensePorto, Portugalnão
Universidade LusíadaPorto, Portugalnão
Universidade de MorónBuenos Aires, Argentina
Instituto Politécnico de ViseuViseu, Portugalnão
Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias Lisboa, Portugalnão
Universidade EuropeiaLisboa, Portugalnão
Universidade Católica PortuguesaLisbia, Braga, Porto e Viseu, Portugalnão
Instituto Politécnico de CoimbraCoimbra, Portugalnão
Instituto Politécnico de PortoPorto, Portugalnão
Instituto Politécnico de BejaBeja, Portugalnão
Instituto Politécnico de LeiriaLeiria, Caldas da Rainha, Peniche, Marinha Grande e Torres Verdes, Portugalnão
Instituto Politécnico do Cávado e do AveBarcelos, Portugalnão
Instituto Politécnico PortalegrePortalegre, Portugalnão
Instituto Politécnico da MaiaMaia, Portugalnão
Instituto Politécnico da Guarda
Guarda e Seia, Portugal
não
Instituto Politécnico de BragançaBragança, Portugalnão
Instituto Politécnico de Castelo BrancoCastelo Branco, Portugalnão
Instituto Politécnico de Setúbal Setúbal, Portugalnão
Instituto Politécnico de SantarémSantarém, Portugalnão
Instituto Politécnico de Viana do CasteloViana do Castelo, Portugalnão
Instituto Politécnico da LusofoniaLisboa, Portugalnão
Instituto Universitário de Ciências Psicológicas, Sociais e da VidaLisboa e Cascais, Portugalnão
Instituto Universitário da MaiaMaia, Portugalnão
Instituto Superior Dom DinisMarinha Grande, Portugalnão
Instituto Superior de Gestão e Administração de GaiaVila Nova de Gaia, Portugalnão
Instituto Superior de GestãoLisboa, Portugalnão
Instituto Superior de Gestão e Administração de SantarémSantarém, Portugalnão
Instituto Superior Manuel Teixeira GomesPortimão, Portugalnão
Escola Superior de Saúde Norte da Cruz Vermelha PortuguesaOliveira de Azeméis, Portugalnão
Instituto Leonardo da VinciLisboa, Portugalnão
Instituto de Estudos Superiores de FafeFafe, Portugalnão
Instituto Português de Administração de Marketing (Ipam) do PortoPorto, Portugalnão
Instituto Português de Administração de Marketing (Ipam) de LisboaLisboa, Portugalnão
Instituto Universitário de LisboaLisboa, Portugalnão
Escola Superior de Enfermagem de CoimbraCoimbra, Portugalnão
Escola Superior de Saúde do AlcoitãoAlcoitão, Portugalnão
Escola Superior Artística do PortoPorto, Portugalnão

É importante lembrar que se seu desejo é estudar fora mas o ENEM não é muito sua praia, diversas universidades e colleges no exterior possuem processos seletivos próprios que não necessitam da nota do ENEM.

E em alguns países, como o Canadá, não é necessário a realização de testes de aptidão, outras coisas são avaliadas, como seu histórico escolar, participação em programas extracurriculares e portfólio.

Você também pode gostar:

Como estudar no exterior: passo a passo para graduação fora do Brasil
Graduação no Exterior: conheça 4 exames de proficiência em inglês
Como viver viajando: 10 ideias para trabalhar enquanto viaja

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.