Categories
Estados Unidos Estude e trabalhe no exterior Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio

Melhores cidades dos EUA: 5 locais pra morar durante seu intercâmbio

Fala, galera! O destino mais sonhado pelos brasileiros é os Estados Unidos. Pensando nisso, preparamos essa postagem com as 5 melhores cidades dos EUA para você morar durante seu intercâmbio. Vamos lá?!

Você verá nesta postagem:

  • 5 Melhores cidades dos EUA para morar durante o intercâmbio
    • Boston, Massachusetts
    • Seattle, Washington
    • São Francisco, Califórnia
    • Orlando, Flórida
    • Nova York
  • Como escolher a melhor cidade para seu intercâmbio nos EUA

5 Melhores cidades dos EUA para morar durante o intercâmbio

Os Estados Unidos da América (EUA) é um país de proporções continentais, composto por 50 estados e outros territórios, como a Samoa Americana, Porto Rico e as Ilhas Virgens Americanas.

Cenário para filmes clássicos e premiadíssimos, as cidades americanas se destacam entre os intercâmbistas. Isso porque as diversas culturas que povoam o país agregam à experiência algo “a mais”.

Para esta postagem separamos 5 cidades que se destacam entre os intercâmbistas, por conta das oportunidades no mercado de trabalho, cultura e custo de vida. Se liga!

Boston, Massachusetts

Boston é uma das cidades mais buscadas por ser destaque em inovação – berço do Facebook, por exemplo -, qualidade de vida e economia.

Massachusetts Institute of Technology – MIT

A cidade ainda é lar de duas das maiores universidades do mundo, Harvard e MIT. Dá pra acreditar? Não é atoa que trouxemos Boston entre as melhores cidades para morar nos Estados Unidos – se você busca ensino superior de alta qualidade e se conectar com as pessoas mais influentes da sua área, esse é seu destino.

Qualidade de vida em Boston

Boston já foi eleita algumas vezes uma das 10 melhores cidades americanas para se morar, por conta do alto poder de compra, baixo nível de poluição e uma boa segurança para seus moradores em comparação a outras Grandes cidades dos EUA. Confira abaixo:

Índice de qualidade de vidaNível
Poder de compramuito alto
Segurançaalto
Poluiçãobaixo
Informações retiradas do Numbeo

Uma das cidades mais antigas dos Estados Unidos, Boston é cheia de atrações históricas, incluindo a Freedom Trail – rota que passa por 16 pontos que contam um pouco da revolução americana.

Como é o custo de vida em Boston para estudantes

Como uma cidade tão procurada e tão próxima de Nova York – apenas 3 horas de carro! – é natural que o custo de vida em Boston seja um pouco mais alto que em outras cidades menos famosas. Confira abaixo:

Valor
Custo de vida total (sem aluguel)US$ 1,163.32
Combo no McDonaldsUS$ 10
Transporte público (mensal)US$ 90
Salário mínimo (hora)US$ 14.25

Um estudante internacional pode trabalhar até 20 horas semanais no país, resultando em uma renda média mensal de US$1140.

Buscando formas de economizar nos gastos e dividindo apartamento ou ficando em uma Homestay, é super possível se manter na cidade!

Fica a dica: nossa equipe Dreams disponibiliza planilhas e materiais para você se planejar financeiramente antes e durante seu intercâmbio! Se quiser saber mais sobre seu intercâmbio nos Estados Unidos, deixe seu contato aqui que falaremos com você.

Mas se você ainda está em dúvida sobre o intercâmbio por ainda não falar inglês fluentemente, não se preocupe.

Você pode estudar o idioma na cidade enquanto aprende mais sobre a cultura local. Nossas escolas parceiras estão preparadas para lidar com intercâmbistas que, como você, buscam aprender na prática!

Seattle, Washington

Estudar em Seattle é estar em uma cidade grande… com clima de interior! Mais acolhedora e menos populosa do que Boston e Nova York, a cidade é super bem desenvolvida e sede da Microsoft e Amazon.

Seattle, Washington

Qualidade de vida em Seattle

Limpa, arborizada e verde – essa é a descrição de Seattle. Educação de alto nível, um bom transporte público e uma taxa baixa de violência são apenas alguns dos diferencias para seu intercâmbio.

Índice de qualidade de vidaNível
Poder de compramuito alto
Segurançamoderado
Poluiçãobaixo

Seattle é autêntica e há apenas 3 horas de carro de Vancouver, no Canadá, já imaginou você conhecendo dois países diferentes no seu intercâmbio? Pois é!

E quando o assunto é ensino superior, o South Seattle College se destaca no ensino, sendo muito buscado por estrangeiros querendo morar na cidade. Cursos de diversas áreas, como saúde, artes, tecnologia e linguagens, multiculturalidade e excelência são apenas alguns dos pontos altos desse college.

[Post] Intercâmbio para os Estados Unidos: descubra como estudar no país

Como é o custo de vida em Seattle para estudantes

O custo de vida em Seattle varia muito dependendo da região em que você morar, porém o salário mínimo é um dos mais altos entre as melhores cidades dos EUA. Confira:

Valor
Custo de vida total (sem aluguel)US$ 1,222.34
Combo no McDonaldsUS$ 10.12
Transporte público (mensal)US$ 99
Salário mínimo (hora)US$ 17.27

São Francisco, Califórnia

São Francisco ou San Francisco é uma cidade localizada na costa oeste (West Coast), no estado da Califórnia.

Famosa por ser um paraíso para empreendedores, artistas, ativistas e a comunidade LGBTQIA+, San Francisco se destaca quando o assunto é qualidade de vida.

Outros grandes destaques da cidade são suas colinas íngremes, os famosos bondinhos elétricos (Cable Cars) e o bairro de Chinatown.

Bondinhos em São Francisco, Califórnia

Com o Vale do Silício localizado ao sul da cidade, ela fica próxima do maior centro de tecnologia do mundo, onde você encontra startups e grandes empresas como Google, Microsoft, Facebook e Apple; San Francisco também é um grande centro financeiro americano, estando entre as 10 cidades mais ricas do país.

Qualidade de vida em São Francisco

Separamos alguns dos principais índices de qualidade de vida para analisarmos sobre a cidade de San Francisco, com base nos dados disponibilizados pela plataforma Numbeo. Dá uma olhada:

Índice de qualidade de vidaNível
Poder de compramuito alto
Segurançamoderado
Poluiçãomoderado

O índice de qualidade de vida da cidade é alto, de acordo com as informações dispostas em Março de 2022.

A cidade ainda abriga grandes instituições de ensino como a University of San Francisco, destaque nas áreas de artes e ciências. Para quem busca estudar inglês no país e se aprimorar, existem grandes escolas como:

Apesar de ser um grande destaque entre as cidades americanas, San Francisco possui um dos custos de vida mais altos da Califórnia. Observe na tabela abaixo:

Como é o custo de vida em San Francisco para estudantes

Abaixo, confira o custo de vida para uma pessoa solteira/estudante na cidade de São Francisco, na Califórnia, em 2022:

Valor
Custo de vida total (sem aluguel)US$ 1,263.82
Combo no McDonaldsUS$ 10
Transporte público (mensal)US$ 81
Salário mínimo (hora)US$ 16.32

Como você pode ver, o custo de vida em San Francisco é bem elevado, sendo o preço dos aluguéis o mais “salgado” no orçamento. Ainda assim, é possível economizar dividindo apartamento ou morando em casa de família.

[Post] Visto Americano: tudo que você precisa saber para entrar nos EUA

Orlando, Flórida

Orlando é a cidade preferida de brasileiros nos Estados Unidos. Com excelentes escolas de idiomas, parques de diversão, clima, moradias, segurança e um bom custo de vida, Orlando se destaca facilmente entre as melhores cidades nos Estados Unidos para fazer seu intercâmbio.

A cidade de Orlando, Flórida

Além das escolas de idiomas, alguns colleges se destacam, como o Vallencia College – com mais de 100 programas disponíveis para estudantes internacionais.

Qualidade de vida em Orlando

Com suas belíssimas paisagens, Orlando é uma das cidades mais sustentáveis dos Estados Unidos.

Parque da Disney em Orlando

Segundo a plataforma Numbeo, todos os índices de qualidade de vida da cidade vão de moderado à altamente positivo. Bom demais, né? Trouxemos alguns desses pra você dar uma olhada:

Índice de qualidade de vidaNível
Poder de compramuito alto
Segurançamoderado
Poluiçãobaixo

Como você pode ver, o berço dos parques Disney é um local seguro e cheio de vantagens, e o custo de vida não fica atrás.

Como é o custo de vida em Orlando para estudantes

Apesar de ter um salário mínimo consideravelmente mais baixo que em outras cidades americanas, Orlando possui um custo de vida aproximadamente 41,79% menor do que em São Francisco, por exemplo. Confira:

Valor
Custo de vida total (sem aluguel)US$ 912.53
Combo no McDonaldsUS$ 8
Transporte público (mensal)US$ 50
Salário mínimo (hora)US$ 10

Segundo a Numbeo, o valor dos alugueis na cidade é cerca de 40,60% menor do que em Seattle.

Assim, o valor do salário mínimo é proporcional ao necessário para se viver na cidade, fazendo de Orlando um bom local para iniciar a vida no exterior. Principalmente se você busca trabalhar durante seu intercâmbio.

[Post] Como viver viajando: 10 ideias para trabalhar enquanto viaja

Nova York

Nova York é uma das cidades mais conhecidas do mundo. Com seus grandes letreiros brilhosos na Times Square, o enorme Central Park e centros artísticos como a Broadway, a cidade é única.

Times Square, em Nova York

Porém, o que realmente atrai estudantes para essa cidade dos Estados Unidos, são as universidades, como a NYU que ainda aceita a nota do ENEM.

Qualidade de vida em Nova York

Apesar da incrível cultura novaiorquina, lojas maravilhosas, universidades e colleges – Nova York não se destaca em qualidade de vida.

Por conta do número elevado de moradores, o nível de poluição e violência é bem alto. O trânsito também não fica atrás nas reclamações dos moradores, porém, quem conhece a cidade costuma deixar tudo isso de lado e vestir sua camisa “I Love New York”.

Índice de qualidade de vidaNível
Poder de compraalto
Segurançamoderado
Poluiçãomoderado

Como é o custo de vida em Nova York para estudantes

Nova York

O custo de vida em Nova York também é bem alto, por isso, se programar financeiramente é essencial para aproveitar seu intercâmbio.

Valor
Custo de vida total (sem aluguel)US$ 1,369.90
Combo no McDonaldsUS$ 10
Transporte público (mensal)US$ 129
Salário mínimo (hora)US$ 10.50 a 11

Como escolher a melhor cidade para seu intercâmbio nos EUA

Agora que te apresentamos algumas das melhores cidades dos EUA para morar, chegou a hora de fazer sua escolha.

A verdade é que o que é melhor pra você só você vai saber dizer, mas nós podemos te guiar nesse processo.

Normalmente, os ponto principais para pensar antes de escolher seu destino do intercâmbio são:

  1. Objetivo do intercâmbio

    Você está pensando em fazer um intercâmbio de idiomas ou um curso superior? Neste post aqui falamos um pouco mais sobre as possibilidades nos Estados Unidos.

  2. Duração e custo do intercâmbio

    Um mês, dois ou seis meses? Quanto você pode dispor para o intercâmbio? É possível economizar bastante dependendo dos custos na cidade e valor da escola, por exemplo.

  3. Como será sua vida na cidade

    Pesquise sobre a cultura, pontos turísticos, receptividade com brasileiros e clima do local. Agora, pode não parecer tão importante, mas esses são os pontos cruciais para que você tenha a melhor experiência possível.

Após ter em mente esses pontos, a escolha fica muito mais fácil, pode ter certeza! E seu intercâmbio será tudo que você sempre sonhou.

[Post] Como planejar seu intercâmbio: 5 passos pra tirar seu sonho do papel

Postagens que você também pode gostar de ver:

Brasileiro pode fazer faculdade nos Estados Unidos?
Intercâmbio de estudo e trabalho: quem pode fazer e quais os melhores países para brasileiros
Nova York: 11 lugares que você precisa conhecer no seu intercâmbio 

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Dicas de viagem Irlanda Tudo sobre intercâmbio

9 melhores países para imigrar em 2022

Fala, galera! Tudo certinho? Aqui vai mais um post pra te ajudar a escolher seu próximo destino. Separamos os 9 melhores países para imigrar – e no final vamos te contar qual a melhor forma de entrar nestes destinos! Bora lá?

Você verá neste post:

  • Melhores países para imigrar em 2022
  • Qual o caminho mais fácil para imigrar

Melhores países para imigrar em 2022

Cada vez mais brasileiros tem saído do Brasil em busca de uma melhor qualidade de vida.

Segundo um artigo da CNN o número de brasileiros no exterior ultrapassou 4 milhões – ou seja, temos mais pessoas no exterior do que no Espírito Santo, dá pra acreditar?

Pensando nisso, hoje trouxemos os melhores países imigrar – principalmente para quem deseja estudar e trabalhar – assim você já pode ir se preparando para o intercâmbio!

Usamos como parâmetro de comparação os seguintes critérios:

  • Empregabilidade
  • Qualidade de vida
  • Salário mínimo (em relação ao custo de vida)
  • Facilidade de entrada no país

Preparado para conhecer o país dos seus sonhos?

1. Canadá

O Canadá é um país acima da média quando o assunto é bem-estar e segurança da população.

Com paisagens naturais bem preservadas, educação inovadora e de alta qualidade, – principalmente nas áreas de tecnologia – o Canadá conta com cinco universidades entre as 100 melhores do mundo de acordo com a Times Higher Education de 2019. Não é atoa que o Canadá é um dos destinos favoritos de pessoas do mundo inteiro, né?

Desde dezembro de 2021 foi estabelecido um novo salário mínimo no Canadá de CAD$15,00 por hora. Para um estudante que trabalha meio período, o valor acima resulta numa receita média de 300,00 dólares canadenses por semana – que bate perfeitamente com o custo de vida atual no país.

2. Nova Zelândia

Para quem busca qualidade de vida e paisagens deslumbrantes, a Nova Zelândia é um paraíso em terra firme.

As duas ilhas no oceano Pacífico abrigam belíssimas praias e montanhas, cenários ideias para quem curte esportes radicais, trilhas e trabalhos de campo!

Morar na Nova Zelândia é como viajar o mundo.

A Nova Zelândia tem uma das taxas de criminalidade mais baixas do mundo, universidades de alto nível e uma população amigável e receptiva, servindo de destino principal para estrangeiros do mundo inteiro, em especial da Ásia.

Se você fala inglês ou quer aprimorar seus conhecimentos na língua inglesa sem abrir mão de uma prainha, a Nova Zelândia é o seu destino!

Veja também:

Montreal Canadá: conheça a maior cidade de Quebec

Morar na Austrália é viver em um dos melhores países do mundo

3. Austrália

Com vinte Patrimônios Mundiais da UNESCO, a Austrália tem muito a ser explorado.

O país de dimensões continentais ocupa o quinto lugar no ranking da Numbeo, competindo pelo primeiro lugar em qualidade de vida, poder de compra, segurança, saúde e custo de vida com países como Dinamarca e Finlândia.

É referência nas áreas de Meio Ambiente e Conservação, e frequentemente a Austrália abre vagas para a entrada de mão de obra qualificada em cidades que estão com grande demanda. E pode ir sem medo, viu? Apesar de a Austrália ser conhecida pelos seus animais exóticos, quem vai morar lá não se arrepende.

4. Alemanha

A Alemanha oferece estabilidade e estrutura para seus moradores, pontos importantíssimos na hora de escolher entre tantos países para imigrar!

Com oito universidades entre as 150 melhores do mundo, a Alemanha é um paraíso para estudantes do mundo inteiro.

A Alemanha oferta cursos de graduação e pós-graduação em suas instituições públicas.

5. Irlanda

A Irlanda é de longe um dos países para imigrar mais buscados por brasileiros que buscam mudar de vida.

Com um mercado de trabalho com grande demanda, a Irlanda está de portas abertas para estrangeiros.

Para estudar e trabalhar no país basta se organizar direitinho. E se você ainda não domina o inglês, nem precisa se estressar! Dá pra estudar o idioma e ainda trabalhar meio período no país.

Gostou da ideia? Comece a planejar seu intercâmbio com a gente clicando aqui. Já consegue se imaginar recebendo em euro e viajando pela Europa, né?

More em Berlim: tudo sobre uma das cidades mais divertidas do mundo

Vantagens e desvantagens de fazer o intercâmbio em Dublin

6. Holanda

Morar na Holanda é uma experiência única. De todos os países para imigrar que foram citados aqui a Holanda é encantadora pela belíssima paisagem urbana e suas noites inesquecíveis.

Se você busca um lugar seguro, com boas condições de trabalho e qualidade de vida, sem deixar de lado a badalação das cidades grandes, a Holanda pode ser o destino perfeito para você.

Suas cidades são conhecidas por ruas cheias de bicicletas e flores, e também pela postura progressista em relação a comunidade LGBTQI+ e pautas como legalização do aborto e maconha, tornando-o dos melhores países para imigrar.

As universidades holandesas são referência mundial com sua didática que utilizada o método “problem-based-learning” em que o aluno é estimulado a resolver problemas com o objetivo de aprender.

E apesar de o idioma principal do país ser o holandês, é possível estudar inglês em cursos excelentes como British Language Training Center e o UVA Center.

7. Espanha

O espanhol é a quarta língua mais falada no mundo, e é considerada a segunda língua internacional mais importante, atrás somente do inglês.

Para quem deseja aprimorar o espanhol ou morar em um país europeu ensolarado e com excelentes faculdades, a Espanha é um excelente país para imigrar!

Os espanhóis são pessoas simpáticas e acolhedoras, e contam com um excelente sistema de saúde e educação no país.

Localizada na Europa, a Espanha ainda permite fácil acesso a outros países do continente, e com um bônus: brasileiros que residem no país podem adquirir a Cidadania Espanhola após 2 anos de moradia contínua na Espanha. É isso mesmo: você com cidadania europeia com apenas dois anos!

8. Uruguai

Sim, é possível viver bem na América Latina em 2022! E o Uruguai é o melhor país em qualidade de vida, segurança e economia do nosso continente.

A moeda principal do Uruguai é o dólar americano – além do peso uruguaio.

Além da alta qualidade de vida, um grande ponto forte do país é a facilidade de entrada de brasileiros, que não precisam de visto para residir no Uruguai – graças ao acordo entre as Repúblicas.

O ensino também não deixa a desejar, sendo o sistema público e universal. A Universidade ORT do Uruguai está entre as melhores do mundo segundo o ranking da THE.

E como consequência, a taxa de desemprego no país está bem equilibrada: cerca de 10% – no Brasil essa mesma taxa ultrapassa 13% – e o mercado de trabalho promete para 2022!

9. Malta

Malta é um paraíso na Europa localizado entre o sul da Sicília, na Itália, e o nordeste da Tunísia.

O arquipélago situado no Mar Mediterrâneo tem o maltês e o inglês como línguas principais e é um destino interessante para quem deseja imigrar ou fazer um intercâmbio.

O país ainda permite que estudantes estrangeiros trabalhem no país em cursos de mais de 3 meses de duração. Você pode conferir mais benefícios sobre morar em Malta aqui.

Qual o caminho mais fácil para imigrar

Existem diversas formas de imigrar para os países acima, porém a maneira mais efetiva de conseguir um visto para residir é através de um intercâmbio de estudo e trabalho.

Se você pensa em fazer uma graduação, pós ou até mesmo cursos profissionalizantes ou de idiomas, o intercâmbio é o melhor momento para isso.

Além de facilitar o processo de entrada no país, o visto de estudante facilita o ingresso no mercado de trabalho desses países – seja em estágios ou trabalhos de meio-período.

Por que você deveria estar fazendo um intercâmbio na Holanda

Como é morar em Barcelona: Descubra a Espanha 

Malta: Conheça a história e vida noturna [VÍDEO]

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Estude e trabalhe no exterior Tudo sobre intercâmbio

Custo de vida no Canadá em 2022: compare cidades

Confira o custo de vida no Canadá em 2022 e compare o estilo de vida em cidades como Vancouver e Toronto.

Você verá nesta postagem:

  1. O custo de vida no Canadá em 2022
  2. Canadá x Brasil: qualidade de vida
  3. As cidades do Canadá e a economia

O custo de vida no Canadá em 2022

Visão panorâmica de Toronto no Canadá
Cidade de Toronto

O custo de vida no Canadá pode variar de acordo com a sua localização no país, pois existem cidades com um custo de vida mais caro, enquanto outras têm um nível de consumo equilibrado em relação às necessidades básicas dos habitantes.

Abaixo, reunimos dados disponibilizados pela plataforma Numbeo, que reúne informações econômicas sobre diversas cidades, estados e países. Confira os valores médios de aluguel e gastos gerais, baseado em dados de Janeiro de 2022:

Custo de vida no Canadá mensal (sem aluguel):

TorontoVancouver
Família de 4 pessoasCAN$ 4.441,02CAN$ 4.455,14
1 pessoa CAN$ 1.218,92CAN$ 1.210,45

Aluguel Mensal

Toronto Vancouver
Apt no centro (1 quarto)CAN$ 2.020,61 CAN$ 2.103,25
Apt no centro (3 quartos)CAN$ 3.511,76 CAN$ 4.122,75
Apt distante do centro (1 quarto)CAN$ 1.708,33 CAN$ 1.699,94
Apt distante do centro (3 quartos)CAN$ 2.752,68 CAN$ 2.971,43

Valores médios (1 pessoa)

TorontoVancouver
RestauranteCAN$ 20,00CAN$ 20,00
CinemaCAN$ 15,00CAN$ 15,00
Passe mensal (transporte)CAN$ 156,00CAN$ 120,00
Gasolina (1L)CAN$ 1,39CAN$ 1,62
Mercado (19 itens)CAN$ 118,52CAN$ 137,47

Calculando as suas necessidades

Utilizando o salário mínimo de Ontario como base (C$ 15 por hora), podemos calcular que uma pessoa que trabalha 20 horas por semana terá em média C$ 300,00 ao final desse período de trabalho, o que significa que em um mês ela terá em média C$ 1.200,00.

É comum estudantes internacionais dividirem apartamentos ou morarem com Host Families, dessa forma os gastos mensais são divididos.

Nota: No Canadá, intercambistas com visto de estudante podem trabalhar até 20h/semanais.

Tendo a informação sobre os preços em diferentes setores e também o cálculo do salário mínimo, podemos concluir que o custo de vida no Canadá se mantém moderado, podendo até mesmo diminuir caso você estabeleça a sua moradia em uma cidade de baixo custo como Winnipeg em vez de Toronto, por exemplo, que além de ser a maior região metropolitana do Canadá, também é uma das cidades mais caras do mundo.

[Post] Profissões em alta no Canadá em 2022

O custo de vida é apenas um dos componentes do índice da Qualidade de Vida, que reúne outros fatores importantes para uma sociedade moderna e estima o quanto aquele determinado país, estado ou cidade é bem ranqueado.

Canadá x Brasil: qualidade de vida

O custo de vida no Canadá pode variar com as cidades
Torre CN, em Toronto

Quando falamos sobre qualidade de vida, precisamos entender que existem alguns fatores que fazem com que ela tenha um índice bom ou ruim, como por exemplo: Poder de compra, Segurança, Saúde, Clima e o próprio Custo de Vida.

Utilizando um pouco mais a Numbeo, criamos um comparativo entre Ottawa e Brasília, confira:

BrasíliaOttawa
Índice do poder de compraBaixo49.98Moderado85.32
Índice de segurançaBaixo38.42Alto74.21
Índice de saúdeModerado50.20Alto74.97
Índice do custo de vidaMuito Alto33.01Moderado71.85

Como podemos observar, a capital do Brasil não corresponde aos requisitos mínimos para uma qualidade de vida acima da média. O índice do custo de vida pode parecer alto, mas porque a plataforma compara os preços de São Paulo como uma média geral, fazendo com que Brasília pareça ter um custo de vida muito mais em conta.

Ottawa é a capital do maior país das Américas, e mesmo assim, mantém um custo de vida moderado, com um poder de compra totalmente acessível e com índices de saúde e segurança em altos níveis, o que significa ter uma qualidade de vida elevada enquanto se consegue prosperar economicamente.

[Post] Trabalhar no Canadá em 2021: saiba como imigrar da maneira adequada

As cidades do Canadá e a economia

Lago e montanha em Alberta no Canadá
Alberta, Canadá

Após concluir os seus estudos e já estando no Canadá por um bom tempo, é importante que você já esteja economicamente integrado com o país e sabendo todas as implicações que cada estado e cidade podem ter em relação à economia. Algumas cidades podem ser mais caras do que outras, o que pode impactar na sua estadia no país.

[Post] Como imigrar para o Canadá | Guia Prático

Assim como o custo de vida do Canadá, o salário mínimo também sofre alterações de acordo com a cidade em que você estiver inserido, o que significa que caso você deseje morar em Quebec por exemplo, o seu salário mínimo será de C$ 13,50 por hora, diferente da região de Alberta, que fica em torno de C$ 15.

O Canadá é um país com altos níveis de educação e com uma ótima qualidade de vida, basta fazer uma análise sobre onde você poderá se encaixar melhor e traçar um bom planejamento financeiro, assim, o seu futuro será muito mais tranquilo no país da Maple Leaf.

Nossos consultores especialistas estão sempre dispostos a te ajudar nesse processo de preparação para seu intercâmbio. Desde o planejamento financeiro, até assessoria de vistos, pode contar com a Dreams na hora de se preparar para seu intercâmbio.

Você também pode gostar de conferir:
Express Entry no Canadá: o que é, como funciona e como imigrar

Canadá agora tem maior facilidade para residência permanente

Como estudar no Canadá: passo a passo para ingressar nas melhores universidades do mundo

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Dicas de viagem

Como é morar em Barcelona: Descubra a Espanha | Brasileiros na Europa

Morar em Barcelona tem alguns mistérios que você provavelmente não sabe, principalmente se você ainda não visitou a cidade. Mas isso não é um problema, pois você veio ao lugar certo. Neste post, nós falamos de forma direta e completa sobre tudo o que Barcelona tem a oferecer para quem deseja passar um bom tempo por lá, com o objetivo de informar você, que pode não saber tanto sobre essa cidade incrível.

Leia até o final para saber tudo sobre Morar em Barcelona:

Como é morar em Barcelona?

Morar na Espanha é uma verdadeira aventura dentro da Europa, principalmente se você ama passeios culturais e paisagens incríveis. Em Barcelona, você consegue desfrutar de tudo isso, podendo ter uma experiência única na segunda maior cidade da Espanha, ficando apenas atrás da capital do país, Madrid.

Por isso, é importante que você saiba tudo que a cidade pode oferecer a você em diferentes setores, para que você não tenha nenhuma dúvida sobre como é morar em Barcelona, confira abaixo:

A vida social em Barcelona

Barcelona é uma cidade que chama atenção desde os tempos mais remotos, principalmente dos turistas, que no momento de escolherem uma cidade da Europa para se divertirem, escolhem a cidade de Barcelona na maioria das vezes. Então, não se espante se você encontrar muitas pessoas de outro países, até mesmo em maior número do que os nativos em certos locais.

Além disso, os nativos da região não costumam ficar tanto tempo em casa, por conta do costume de estarem sempre na rua, consumindo bebidas em bares, cafés ou em pubs locais, então não espere um convite para uma festinha caseira, mas sim para uma boa conversa em torno de uma mesa de bar.

Como é a noite em Barcelona

E por falar em bar…à noite, você pode visitar boates e bares variados, dos mais chiques até aos mais simples, mas que com certeza não ficam atrás quando o assunto é diversão. Quer visitar uma boate famosa e movimentada? Visite a Amnésia Ibiza, uma boate fundada nos anos 70, mas que até hoje chama atenção pelo seu movimento e luxo.

Porém, se você não é um grande fan de música alta e dança com aglomerações, você pode visitar o Champions Bar, um estabelecimento perfeito para levar a família, conversar com ótima iluminação e partidas dos mais variados esportes sendo transmitidas ao vivo, fazendo com que o lugar seja uma caixinha de surpresas diariamente.

A culinária

A culinária da região da Catalunha tem os seguintes ingredientes principais:

  • Tomate
  • Alho
  • Ervas frescas
  • Azeite
  • Cebola
  • Bacalhau e mais alguns outros ingredientes.

O povo catalão, popularmente, costuma dizer que a sua culinária é diversificada ao longo de várias áreas importantes, podendo variar entre a culinária do mar na Costa Brava, cozinha da montanha dos Pirinéus de Lérida, a culinária do vale de Arán e Cerdanya nos Pirenéus de Girona e algumas outras que podem ser especificadas de acordo com o nativo que responder a sua pergunta. 

Logo, a culinária de Barcelona também é afetada pela região. Porém, você comumente irá encontrar Botifarras amb Mongetes, Calçots, Arrós Negre e Esqueixada especificamente em Barcelona, então não se acanhe de ficar se alimentando apenas com fast food ou restaurantes que ofereçam o que você já conhece. Prove de tudo e conheça a Barcelona como ninguém.

A cultura da cidade

Como já dissemos acima, Barcelona é uma cidade enorme, uma verdadeira metrópole, então costuma ter uma vida cotidiana bem agitada, mas que não esquece da sua cultura no dia a dia. Na cidade, você pode assistir a shows de flamenco ou até mesmo fazer uma aula para aprender a dança típica.

Você também pode visitar os museus de Salvador Dali e Pablo Picasso. O Templo Expiatório da Sagrada Família também é uma atração histórica que você precisa ver pessoalmente, com os seus ladrilhos únicos.

O futebol também é um dos maiores pilares da cultura catalã, já que o gigante time histórico Barcelona tem jogos frequentemente transmitidos ou até mesmo visitados por milhares de torcedores semanalmente. Logo, a cidade de Barcelona tem cultura de sobra para que você visite e até mesmo se divirta enquanto estiver morando por lá. 

O transporte público em Barcelona

Quando começar a morar em Barcelona você pode até andar a pé em certas ocasiões, mas os seus pés precisarão de um descanso, pois a cidade é bem grande e precisa de um transporte público eficiente. Pensando nisso, o governo da cidade evoluiu o transporte ao longo dos anos, fazendo dele uma ótima opção para quem deseja se locomover com rapidez e eficiência. Confira abaixo:

Metrô

Sendo eficiente, rápido e regido pelo sistema da TMB, o metrô de Barcelona é sem dúvidas a melhor escolha se você deseja visitar cada canto da cidade, pois quase não há locais em que ele não alcance. Sendo um viajante curioso, você pode visitar todos os pontos turísticos da cidade facilmente, com um bilhete de ida que custa apenas € 2,20.

Ônibus

Os ônibus de Barcelona são muito fáceis de se utilizar, principalmente pela grande variedade de pontos de ônibus espalhados ao longo da cidade. Caso você deseje se locomover de forma eficiente dentro do centro da cidade, o ônibus é a resposta certa para a sua vontade, pois além de ser rápido e se manter funcionando constantemente dentro do centro, os ônibus também são baratos, tendo o mesmo valor do bilhete de ida de um metrô, € 2,20.

Bonde

Ao contrário do metrô e do ônibus, o bonde não é o mais rápido ou até mesmo o que tem melhor alcance, mas sem dúvidas ele pode ser a melhor opção para o seu passeio de um dia inteiro. Com velocidade popularmente reduzida e com duas redes funcionais, o bonde é perfeito para quem deseja morar em Barcelona, principalmente para os passeios do final de semana para regiões mais periféricas.


Você já sabe como a cidade funciona, quais são as melhores atrações e como chegar até elas. Tá esperando o que para morar em Barcelona? Eu espero que nada!

Até a próxima!

Categories
Austrália Dicas de viagem Estude e trabalhe no exterior Tudo sobre intercâmbio

Custo de vida na Austrália em 2022: compare as principais cidades

Fala, galera! Morar na Austrália é o sonho de muitos brasileiros. Porém, é sempre bom se organizar antes do intercâmbio, né? Separamos os custos médios de alimentação, moradia, transporte e lazer para estudantes e casais nas principais cidades da maior ilha do mundo. Bora lá?

Você verá nesta postagem:
1. Maior salário mínimo do mundo é o australiano
2. Custo de vida na Austrália
3. Custo de vida nas principais cidades da Austrália
4. Dicas para economizar durante seu intercâmbio na Austrália

Maior salário mínimo do mundo é o australiano

Com uma população receptiva e multicultural, a Austrália cultiva um estilo de vida só seu: praias, sol e surf são o grande entretenimento da ilha de proporções continentais.

Os australianos possuem um horário comercial que vai das 9 da manhã até as 5 da tarde, de segunda a sexta. O salário mínimo no país é o mais alto do mundo, cerca de AUD$ 19,84 por hora, quase seis vezes maior que o salário mínimo brasileiro.

O custo de vida na Austrália é incrível

[Post] Imigrar para a Austrália em 2022: novas regras de entrada no país

Custo de vida na Austrália

Vamos comparar os preços nas principais cidades do país ao longo do post, porém, nesta seção iremos focar nos valores gerais do país.

Os dados informados aqui foram retirados a plataforma Numbeo. Confira abaixo o custo de vida na Austrália, levando em conta o estilo de vida de um estudante que trabalha em média 20 horas semanais, recebendo ao final do mês uma média de AUS$ 1587,2 por mês.

SetorCusto Médio
1Aluguel (apt. 1 quarto no subúrbio)AUS$ 1334,32
2Mercado (quinzenal/20 itens)AUS$ 145,01
3Contas básicas (internet, água, gás)AUS$ 291,1
4Transporte público (mensal)AUS$ 150,00
total: AUS$ 1920,43

Como você pode ver, o aluguel e contas básicas são o que mais pesam nas contas. Mas, calma! Na Austrália é muito comum que estudantes dividam apartamento.

[Post] Intercâmbio na Austrália: como e por que você deveria estudar no país?

Em plataformas como a Flatmates você encontra quartos (com contas básicas inclusas) no valor semanal de AUS$ 150,00. Legal, né? Assim fica muito mais fácil se manter enquanto um estudante no país!

Fica a dica: na Austrália as contas básicas como aluguel, água e energia costumam ser pagas semanalmente. Assim, os salários também seguem a mesma lógica.

Custo de vida nas principais cidades da Austrália

Escolher a melhor cidade para fazer um intercâmbio pode ser uma missão difícil. Custo de vida, atividades de lazer e pontos turísticos, além de escolas disponíveis, são apenas alguns dos principais tópicos a levar em conta na hora de fazer sua escolha.

Veja abaixo os custos de vida para quem mora em Sydney, Brisbane e Gold Coast.

Valores médios (1 pessoa, mensal)

BrisbaneSydneyGold Coast
Restaurante (refeição simples)A$ 20,00A$ 20,00A$ 20,00
Mercado (20 itens)A$ 304,42A$ 294,8A$ 278,5
Cinema (1 ingresso)A$ 16,00A$ 20,00A$ 19,00
Academia (mensal)A$ 68,89A$ 85,00A$ 73,38
Transporte público (mensal)A$ 173,91A$ 217,39A$ 90,00
Total A$ 583,22A$ 637,19A$ 480,88
valores estão em dólar australiano

Como você pode ver, os custos básicos mensais nas cidades podem variar muito. Sydney, por ser a grande metrópole australiana possui um custo de vida bem mais alto do que Gold Coast, a região mais “praieira” da Austrália.

[Post] Estudar na Austrália: conheça as 3 melhores escolas de inglês pra você

Por que você deveria morar na Gold Coast?

Gold Coast é uma cidade que evoluiu muito ao longo dos anos, com diversos avanços econômicos e mudanças locais, fazendo com que ela se tornasse cada vez mais relevante não apenas dentro da Austrália, mas também para o mundo, já que os viajantes têm colocado os seus olhos na cidade como um ótimo point turístico e também educacional. Descubra mais sobre a cidade aqui.

Conheça Sydney, na Austrália

Sydney é uma das cidades mais conhecidas não apenas da Austrália, mas do mundo. A sua imagem é tão associada à Austrália, que as pessoas costumam até mesmo pensar que ela é a capital do país. Isso se deve ao grande valor cultural que Sydney agrega ao país ao longo de tantos anos por meio dos seus pontos turísticos, assim como a sua reputação de ser uma ótima cidade para se viver. Veja mais sobre a cidade de Sydney nesta postagem.

Saiba mais sobre a cidade de Brisbane

As pessoas costumam citar diretamente a cidade de Brisbane e de como ela é incrível para se fazer um intercâmbio de qualidade, mas todo mundo esquece de citar onde ela fica. A cidade de Brisbane está localizada no estado de Queensland, que sendo o segundo maior e terceiro mais populoso da Austrália, fica ao Nordeste do país e leva este nome por causa da Rainha Vitória, rainha do Reino Unido que foi muito importante para a história da Austrália. Saiba como é viver em Brisbane clicando aqui.

Intercâmbio na Austrália: dicas para economizar

Separamos algumas dicas para te ajudar a economizar durante seu intercâmbio, bora lá?!

Quando falamos sobre a sua alimentação, a recomendação ideal sempre é a de que você tenha como base as mercearias e mercados para as suas compras do mês em relação às suas refeições, pois além de ser uma alimentação muito mais saudável, não pesa tanto no seu bolso.

Praia na Austrália

O transporte da Austrália é uma das pérolas do país, pois a sua variedade é imensa. Você pode percorrer o seu caminho em um carro, ônibus, metrô, balsa ou bonde, já que todas essas opções são realmente utilizadas no cotidiano australiano.

Para você que estará  estudando no país, a melhor escolha sempre é o transporte público, que além de ser funcional, tem até mesmo ônibus grátis em algumas capitais.

[Post] Como estudar na Austrália em 2022: tire seu visto e entenda o sistema educacional

E o nosso amado lazer? Bom, o entretenimento fica sempre por sua conta, afinal, nem todo mundo curte um cineminha ou um teatro no final de semana.

De qualquer forma, os ingressos para o cinema são bem baratos, principalmente se você comparar com o preço aqui do Brasil, que pode ser bem maior do que o valor médio da Austrália.

Entender o custo de vida na Austrália é o primeiro passo para se apaixonar pelo país e começar o processo de entrada. Abaixo, separamos alguns outros conteúdos de custo de vida para você comparar:
1. Custo de vida no Canadá
2. Custo de vida na Alemanha
3. Custo de vida nos Estados Unidos
4. Custo de vida na Espanha
5. Custo de vida na Inglaterra

Agora, se você já quiser começar a planejar sua jornada na Austrália, deixe seu contato no link abaixo que entraremos em contato com você!

Curtiu o conteúdo? Fica mais um pouco e não deixe de conferir nossas redes sociais para estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Canadá Tudo sobre intercâmbio Vistos e documentações

Express Entry no Canadá: o que é, como funciona e como imigrar

O Express Entry no Canadá é uma das coisas mais importantes para quem deseja morar no país, sendo uma maneira bem mais rápida de imigração.

Mesmo assim, existem alguns detalhes que nem todo mundo sabe sobre o sistema, por isso, a Dreams preparou esse conteúdo completo sobre tudo que você deveria saber sobre o Express Entry no Canadá.

Quer saber como imigrar para o Canadá da maneira mais rápida? Leia até o final!

O que é Express Entry no Canadá?

O Express Entry é um sistema federal implementado pelo governo canadense, com a intenção de conceder a permissão de residência permanente para pessoas que o governo canadense possa julgar como um cidadão que pode agregar a sociedade canadense, fornecendo a permissão de imigração em até 6 meses ou menos.

Documentos importantes para realizar uma viagem
Documentos necessários para viajar

Dentro do Express Entry, temos os seguintes programas econômicos federais:

Federal Skilled Worker Program (FSW)
Federal Skilled Trades Program (FST)
Canadian Experience Class (CEC)

Abaixo, vamos explicar de forma bem rápida e direta sobre cada um deles, principalmente porque para que você possa aplicar para o Express Entry, você precisa ao menos ser qualificado para ao menos um desses programas econômicos. Confira:

O caminho definitivo para ir morar no Canadá

Federal Skilled Worker

Este programa funciona basicamente para estrangeiros que têm uma experiência profissional em seus países de origem e que desejam imigrar para o Canadá permanentemente.

Os requerimentos mínimos para se tornar elegível para o programa são:

Experiência de Skilled Worker (Explicaremos melhor abaixo)
Habilidade de linguagem
Educação

É obrigatório que você cumpra todos os requisitos mínimos para se tornar elegível. São eles:

Federal Skilled Trades

Para esse programa você deve atender aos níveis de idioma exigidos para cada habilidade do idioma (writing, reading, listening, speaking). Assim como também:

  • Ter pelo menos 2 anos de experiência de trabalho em tempo integral (ou igual quantidade de experiência de trabalho em meio período ) em um comércio especializado nos 5 anos anteriores à sua inscrição
  • Sua experiência de trabalho deve ser para trabalho remunerado (salários pagos ou comissão ganha – trabalho voluntário ou estágios não remunerados não contam)
  • Atender aos requisitos de trabalho para esse comércio qualificado, conforme estabelecido na Classificação Ocupacional Nacional (NOC), exceto para a necessidade de um certificado de qualificação
  • Ter uma oferta válida de emprego em tempo integral por um período total de pelo menos 1 ano ou certificado de qualificação nesse comércio especializado emitido por uma autoridade provincial, territorial ou federal canadense.

Canadian Experience Class

Este programa atende aos profissionais qualificados que já tiveram uma experiência de trabalho canadense e querem imigrar permanentemente para o país. Os requisitos são:

  • Assim como o FST, você precisa atender aos níveis de idioma exigidos para o seu trabalho.
  • Ter pelo menos 1 ano de experiência profissional qualificada no Canadá, nos últimos 3 anos antes de se inscrever – você pode atender a isso de algumas maneiras diferentes:
    • tempo integral em 1 trabalho: 30 horas / semana por 12 meses = 1 ano em tempo integral (1.560 horas)
    • igual montante em trabalho a tempo parcial: por exemplo 15 horas / semana durante 24 meses = 1 ano a tempo inteiro (1.560 horas)
    • trabalho em tempo integral em mais de 1 emprego: 30 horas / semana por 12 meses em mais de 1 emprego = 1 ano em tempo integral (1.560 horas)
    • Ganhou sua experiência de trabalho trabalhando no Canadá enquanto tinha o status de residente temporário com autorização para trabalhar

“E como eu posso ser um skilled worker no Canadá?”

Levando para o lado literal da coisa, o skilled worker, ou trabalhador habilidoso (que podemos chamar de profissional qualificado), precisa se mostrar importante para o Canadá em alguma área específica. Quanto mais o Canadá precisar de você, mais rápida será a sua admissão.

Porém, o processo de avaliação vai muito além do que você mostra no seu currículo. Diversos dados da sua vida serão analisados para que você seja aprovado ou não, então é importante somar o máximo de pontos possível.

E quando falamos sobre “somar pontos”, não é atoa, pois o Express Entry funciona com base na pontuação, priorizando sempre quem conseguir a pontuação mais alta.

Express Entry Canadá

O processo do Express Entry

Agora que você já sabe quais são os programas econômicos importantes e os seus requerimentos, entenda como é o processo do Express Entry e como você irá avançar durante o processo.

1 – Criando o seu perfil

Após verificar se você se qualifica em algum dos programa econômicos citados acima, você pode criar o seu perfil, preenchendo dados importantes, como: suas habilidades, experiência de trabalho, nível de habilidade com o inglês, educação e algumas outras informações pessoais.

2 – Entrando na disputa

Após enviar o seu perfil, você entra numa “pool” com outras pessoas que também aplicaram para o Express Entry no Canadá, onde você será avaliado por meio do Comprehensive Ranking System, um sistema que avalia a sua experiência de trabalho, habilidades, fluência com a língua inglesa ou francesa, nível educacional e outros fatores que vamos explicar mais abaixo, quando falaremos sobre a pontuação do Express Entry.

3 – Recebendo o convite

Caso você some pontos suficientes no CRS e se encontre no topo do ranking entre as pessoas da pool, você receberá o convite para a imigração, o ITA (Invite To Apply).

Após isso, você tem 90 dias para aplicar de forma totalmente online, para um dos programas econômicos que já citamos acima. O processo pode durar até 6 meses, sendo mais rápido em caso da sua classificação no NOC ser mais alta.

Express Entry Canadá: pontuação do Comprehensive Ranking System

Se você quer saber em média quantos pontos terá para o Express Entry no momento, ou como melhorar a sua pontuação se baseando na tabela, você veio ao lugar certo, pois este tópico é um dos mais importantes para quem deseja imigrar para o Canadá.

Abaixo, separamos de forma simples e direta, os itens analisados pelo CRS e como eles funcionam, confira a lista:

  • Qual idade; (Quanto mais novo, mais pontos)
  • Estado civil; (Solteiro mais pontos, quanto mais membro na família a pontuação diminui)
  • Nível de escolaridade; (Quanto mais formação, mais pontos)
  • Escolares no Canadá (Quanto maior o grau de formaçã,o maior a pontuação)
  • Idiomas e notas; (Quanto mais próximo da proficiência, maior a pontuação)
  • Experiência de trabalho no Canadá (Conforme o NOC a pontuação aumentará)
  • Experiência de trabalho no Exterior (Quanto mais anos de experiência, maior pontuação)
  • Certificado de qualificação de uma província. (Se tiver, pontuará conforme certificação)
  • LMIA aprovado para alguma oferta de trabalho. (Se tiver, pontuará conforme Job Offer)
  • Certificado de nomeação de uma província (Se tiver, pontuará conforme certificação)
  • Tem irmão de sangue morando no Canadá como residente ou nativo (a avaliar)

O segredo para ter uma pontuação alta no Express Entry no Canadá

Aposto que você chegou até aqui com o intuito de saber qual é o segredo que você precisa saber para passar na frente da pool, conseguindo o Express Entry da forma mais rápida possível.

E o segredo é bem simples: estudar no Canadá.

Não entendeu ainda o poder desse segredo? Eu te explico:

O Canadá valoriza a educação e é um país referência neste setor. Por isso, o país tem valorizado cada vez mais os profissionais qualificados dentro do país. Sendo assim, se você busca imigrar para o Canadá da forma mais rápida possível, comece a estudar no Canadá para somar pontos importantes com o governo do país.

Se você tem alguma dúvida sobre como pode estudar no país, fala com a gente neste link, vai ser um prazer falar com você!

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.

Categories
Austrália Estude e trabalhe no exterior Estude um idioma fora do Brasil Graduação e Pós no Exterior Tudo sobre intercâmbio

Brasileiros na Austrália: 3 motivos para você morar na Oceania

Fala, galera! Morar na Austrália é viver em um dos melhores países do mundo. Cerca de 20 horas de avião separam o Brasil do país, logo os costumes e as diferenças culturais são imensos.

Localizada na Oceania e cercada pelos oceanos Índico e Pacífico, a Austrália é perfeita para quem ama belezas naturais ou quer aprender inglês, ou busca qualidade de vida.

De acordo com o relatório divulgado pela ONU, a Austrália ocupa o 6º lugar no ranking dos melhores países para morar no mundo pelo seu alto Índice de Desenvolvimento Humano (IDH).

Quer saber como é viver na Austrália? Neste artigo compartilhamos dicas sobre qualidade de vida, educação, trabalho, cultura e lazer. Vem com a gente!

Morar na Austrália: qualidade de vida e segurança

Qualidade de vida: morar na Austrália é pedalar tranquilamente durante o dia.

Apesar de ter quase a mesma extensão territorial do Brasil, a Austrália é um país com baixa densidade populacional. Mas, pra quem deseja cidades mais sossegadas, esse pode ser um ponto bem positivo. Em termos de habitantes, as cidades mais povoadas são Sydney, Melbourne, Brisbane, Perth e Adelaide. 

Os espaços públicos, como as praias e os parques, costumam ser limpos e oferecem comodidades para a população, como água potável e brinquedos para as crianças. Então, é um ótimo destino para famílias também!

Por lá, as pessoas são reconhecidas por sua honestidade, por isso o país é considerado muito seguro. A criminalidade é muito baixa, mas também há leis rígidas, como em torno do consumo de álcool, por exemplo. 

Em 2019, o relatório do New World Wealth (clique e confira o relatório completo) apontou a Austrália como o país mais seguro para mulheres, pelo segundo ano consecutivo.

Educação e Mercado de Trabalho

Educação e mercado de trabalho atraem jovens que querem morar na Austrália.

Com instituições de ensino renomadas, a Austrália é um destino muito procurado para quem busca estudar inglês ou fazer intercâmbio nas universidades. E por isso elas sempre figuram nas listas de mais bem avaliadas no mundo.

Para quem quer garantir uma renda e ainda aprimorar a fluência no idioma, com visto de estudante é possível trabalhar no país. Mas desde que o curso tenha duração mínima de 14 semanas. É permitida a jornada de 20 horas semanais durante o período das aulas e de 40 horas semanais nas férias. 

Posts que podem te interessar:

Estudar na Austrália: conheça as 3 melhores escolas de inglês pra você
Como morar na Austrália em 2022: estude e trabalhe no país

Para estudantes internacionais, existem diversas vagas em hotéis, restaurantes, cafeterias, lojas e outras áreas de prestação de serviços. E sabe o melhor? O salário mínimo na Austrália é o maior do mundo (e a moeda é o dólar australiano) e o país reconhecido por suas importantes medidas de redução da desigualdade social.

Quer saber mais detalhes sobre como estudar e trabalhar na Austrália? Neste post, trazemos mais informações, confere aqui

Cultura e Lazer

Sydney Opera House, uma das opções de lazer para quem quer morar na Austrália.

Por ser um país procurado por pessoas do mundo inteiro, a Austrália tem um aspecto multicultural muito forte. E por lá, as alternativas de lazer e cultura agradam a todos os gostos.

Para quem ama praia, por exemplo não faltam opções para conhecer: são quase 10 mil no país inteiro, que abriga ainda a maior barreira de corais do mundo.

Ainda falando em natureza, um dos destinos mais procurados por quem quer desbravar outras maravilhas no país é o deserto de Outback, suas montanhas, terras avermelhadas e vegetação seca. É uma experiência e tanto!

Quando o assunto é gastronomia, o churrasco é paixão nacional. Mas o ‘fish and chips’ também um prato popular por lá, além de comidas com referências chinesa e indiana. Além das belezas naturais, a Austrália conta com diversas opções culturais interessantes. O Australian War Memorial é um dos monumentos de guerra mais significativos do mundo, mas há também icônica Sydney Opera House, cartão postal australiano que recebe importantes espetáculos.

Sobre a receptividade do povo, em geral, os australianos têm fama de educados e cordiais com seus visitantes. Somado a isso, conhecer as leis e normas do país, agindo sempre com bom senso e cortesia, torna a vida de todos ainda melhor, concorda?

Curtiu o conteúdo?
Fica mais um pouco e não deixa de conferir nossas redes sociais pra estar sempre conectado com novidades sobre viagens, culturas e idiomas.